UMA VEZ CAITITU, SEMPRE CAITITU: Policia Federal revirou até o teto da sala de Riva na Assembleia, atrás de provas dos malfeitos do cacique do PSD. Deputados estaduais evitam comentar prisão do deputado mais processado por corrupção em toda a História de Mato Grosso – e Romualdo Jr deixa entender que todos continuam solidários com ele. ‘Os trabalhos continuam, o colegiado como um todo sente porque o Riva é uma pessoa muito querida’, disse Romualdo Jr à Gazeta

Dias Toffoli atende MPF e manda Policia Federal prender Geraldo Riva e Éder Moraes e adotar outras providên… by Enock Cavalcanti

Mesmo preso e levado pela Policia Federal para uma cela no Complexo da Papuda, em Brasília, José Geraldo Riva (PSD) continua reinando sobre os parlamentares da Assembleia Legislativa de Mato Grosso

Mesmo preso e levado pela Policia Federal para uma cela no Complexo da Papuda, em Brasília, José Geraldo Riva (PSD) continua reinando sobre os parlamentares da Assembleia Legislativa de Mato Grosso

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Polícia Federal revirou até mesmo o teto
Noelma Oliveira, repórter A Gazeta

Um dia após o cumprimento do mandado de busca e apreensão pela Polícia Federal na presidência da Assembleia Legislativa contra o deputado José Riva (PSD), que desmontou até o teto da sala para vasculhar se havia possíveis provas escondidas, os parlamentares mantiveram a discrição e evitaram deixar o plenário para conversar com jornalistas.

O deputado está preso em Brasília desde terça-feira (20) quando foi desencadeada a quinta fase da Operação Ararath. ‘Eu não sou presidente, estou presidente e só vou ocupar o gabinete quando a Justiça oficializar, até porque desmontaram isso aí tudo, até no telhado mexeram’, disse o deputado Romoaldo Júnior (PMDB) se referindo ao gabinete da presidência então ocupado por Riva.

Todas as gavetas e armários do gabinete foram revistados. Por cerca de seis, eles verificaram vários itens. Porém, nada do material apreendido foi divulgado, nem pela PF e nem por assessores da Casa. Desde o ano passado, quando a Justiça decretou o afastamento de Riva da presidência, Romoaldo foi alçado ao cargo de presidente por ter sido eleito primeiro vice-presidente. Desde que o prédio da Assembleia Legislativa mudou da rua Barão de Melgaço, Centro de Cuiabá, em 2005, até os dias atuais, Riva sempre se manteve nos cargos de presidente ou primeiro-secretário do Parlamento.

Romoaldo diz que não tem pretensão de ocupar a presidência, enquanto não houver uma decisão julgada no mérito. Ele nega que, além do espaço da presidência, Riva estivesse tomando decisões no Legislativo, conforme citou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), embasado nas investigações do Ministério Público Federal (MPF). ‘Ele (Riva) ocupava o espaço da presidência, o gabinete dele sempre foi aqui. Tem uma decisão liminar que o afasta da presidência e não no mérito, então ele pode voltar. Ele entrou com recursos e nem todos os embargos foram julgados”, alega o peemedebista. Apesar do argumento, Romoaldo relatou que chegou a conversar com José Riva sobre o assunto.

“Conversei com ele sobre o fato que as pessoas não entendem que embora afastado da residência, ele continuasse despachando ali. Eu acho que isso está ficando ruim para você (Riva)’, disse Romoaldo, narrando o diálogo que teria mantido com o parlamentar preso.

Logo após a prisão de Riva, Romoaldo disse que manteve contato, por telefone, com todos os demais parlamentares, que compareceram à sessão noturna. ‘Os trabalhos continuam, o colegiado como um todo sente porque o Riva é uma pessoa muito querida’, disse.

O presidente jura que Riva não assinou qualquer documento ou presidiu sessões após a decisão, em caráter de liminar, que o afastou do cargo. ‘Ele não deu pitaco, deu autonomia para mim e para Mauro Savi (primeiro secretário) tocar’, relatou. Considerada caixa de ressonância da população de Mato Grosso, onde vários assuntos são repercutidos, durante quase 3 horas de sessão plenária, na manhã de ontem, apenas o deputado Adalto de Freitas (SD) falou sobre o assunto. Porém, mais para lamentar e reafirmar que o parlamentar tem direito à defesa e esclarecer os fatos. Para ele, é uma vergonha, já que a população está aplaudindo a operação da PF. Entretanto, Freitas ainda responsabilizou o Poder Executivo. ‘Quando este não cumpre com o seu papel, os outros poderes ficam vulneráveis’, discursou em um momento que havia apenas outros dois deputados em Plenário, Deucimar Silva (PP) e Carlos Avalone (PSDB), ambos suplentes.

FONTE A GAZETA

13 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 201.57.87.66 - Responder

    Estes Deputados se tivessem um mínimo de dignidade já teriam aberto um processo por quebra de decoro parlamentar contra RIVA.

  2. - IP 201.57.233.221 - Responder

    Nossa Senhora! Lendo a matéria acima pude sentir o tom de lamurioso o Romualdo, como se estivesse pedindo PERDÃO a Riva por estar na presidencia da Assembléia. Mas que porra de poder é esse em que TODOS os membros são, escancaradamente, subservientes? É VERGONHOSO termos deputados com essa conduta de bajulação e servilismo para com o riva! Não se esqueçam “caititus” que vocês devem respeito e explicações de seus atos aos seus eleitores, pois afinal de contas, foram os votos de deles que os colocaram nessa mamata que é a assembleia legislativa. É lamentável e revoltante!

  3. - IP 179.252.48.193 - Responder

    Engraçado que ao que tudo indicia ele não sera cassado e terminara “tranquilamente” seu mandato!

  4. - IP 189.59.69.195 - Responder

    Cade o raivoso Ademir Bruneto, que ficava muito macho quando eu o chama de RIVABOY?

    Cade a deputada Luciene Bezerra para assinar com a Ong Moral o pedido de cassação do Baixinho?

    Cadê Um HOMEM nessa “Casa Cidadã”?

    A sociedade já sabe, são todos cagões e poucos vão escapar das garras da lei.

    Aguardem, cambada de canalhas!

    • - IP 189.59.58.127 - Responder

      Cadê os deputados do PSDB, probos combatentes contra a corrupção (federal)?

      • - IP 177.221.96.140 - Responder

        E cadê os deputados do PT também??

        Eles são todos da base aliada da DIlma.

        Assim como o Riva, o Silval, o Eder e o Blairo Maggi tamném.

    • - IP 177.221.96.140 - Responder

      O mais engraçado disso tudo é que os RIVABOY’s até nisso se parecem com os petistas, pois enaltecem o Riva, inclusive em encontro de Prefeitos, e outros enaltecem o Zé Dirceu, Delúbio e Zé Genoíno.

  5. - IP 179.189.53.6 - Responder

    O pior é que quem está com vergonha somos nós , eleitores e cidadãos Matogrossenses, já os deputados…. membros do judiciário…tribunal de contas…. que rafuagem hein?.

  6. - IP 189.59.55.140 - Responder

    Senhores não sejam ingênuos,TODOS ali comem na mão do Riva,talvez haja 1 ou 2 exceções,pois Riva mesmo afastado ocupa a sala da Presidência,o carro com placa da Pres.,ocupa a vaga no estacionamento da Pres.;etc…O Romualdo é um froucho que limpa-botas do baixinho.Se ninguém -deputado- falar contra a vergonha que é para o Legislativo ter esse crápula preso,então TODOS participam do mensalinho.Se alguém falar algo apoiando a prisão do Riva então esse não participa.Simples assim.Fiquemos ATENTOS e observantes!

  7. - IP 177.5.123.132 - Responder

    Esses deputados de MT sào uma vergonha , um bando de covardes que ao que pareçe devem favor a esse riva ( minusculo mesmo), pois até a sala dele os sem colhões tem medo de usar.
    CAITITUZADA! provem que servem para alguma coisa e CASSEM o mandato desse um aí ( o colega de presidio dos mensaleiros).

  8. - IP 191.11.211.122 - Responder

    A palavra que define Romualdo Jr. é CAGÃO!

  9. - IP 191.11.211.122 - Responder

    Pra registrar: Os sites Midianews e Midiajur postaram as matérias seguintes e horas depois tiraram da Net. Quanto teriam recebido para colocar? e Quanto pra tirar?

    Midia Jur | TSE manda TRE investigar integrante de lista …
    http://www.midiajur.com.br/conteudo.php?sid=233&cid=14897
    há 7 horas – Segundo denúncia, jurista teria recebido carro em troca de decisão … eleito, Eudes Tarciso de Aguiar (PSD), teria “presenteado” o então juiz André Pozetti “com uma Toyota Hilux cabine dupla em troca de uma liminar … que foi analisada e concedida a liminar, “o veículo passou de propriedade da Brasil …
    TSE manda TRE investigar integrante de lista tríplice …

    http://www.midiajur.com.br/imprime.php?cid=14897&sid=233
    há 7 horas – Segundo denúncia, jurista teria recebido carro em troca de decisão … Eudes Tarciso de Aguiar (PSD), teria “presenteado” o então juiz André Pozetti “com uma Toyota Hilux cabine dupla em troca de uma liminar … período em que foi analisada e concedida a liminar, “o veículo passou de propriedade da …

  10. - IP 177.17.206.250 - Responder

    Não resta nenhuma dúvida que boa parte dos recursos desviados pelo Mestre Riva era distribuído entre os demais caitutus. A dúvida é se existe pelo menos uma única exceção. Desculpe a rima, mas nestes últimos vinte anos eu acho que não…

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

14 − 12 =