GREVE: Docentes da Unemat exigem INPC integral

Adunemat_na pagina do enock

 

A Adunemat – Associação dos Docentes da Universidade do Estado de Mato Grosso está distribuindo o seguinte comunicado:

“COMUNICADO DE PARALISAÇÃO E GREVE DOS DOCENTES DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO

Os docentes da Universidade do Estado de Mato Grosso, em Assembleia Geral do Sindicato ADUNEMAT, reunidos em Cáceres, com representação dos Campi de Barra do Bugres, Pontes e Lacerda, Juara e Cáceres e, em comunicação direta com os Campi de Sinop, Diamantino, Alto Araguaia, Colider e Tangará da Serra decidiram por PARALISAÇÃO DE ADVERTÊNCIA entre os dias 26 a 29 de maio, e GREVE por tempo INDETERMINADO a partir de 1º de junho. Os demais Campi da Universidade aguardavam decisões desta Assembleia. No dia 29, dia nacional de paralisação, haverá mobilização desta categoria junto aos demais servidores públicos do Estado em Cuiabá.

A categoria docente da UNEMAT não aceita o descumprimento da Lei 8278/2004, que instituiu a Revisão Geral Anual (RGA) no mês de maio de cada ano, de acordo com o INPC. A reposição das perdas inflacionárias que deveria ser integral e imediata, foi descumprida pelo Governador do Estado, que apresentou aos docentes, a proposta de parcelamento em duas vezes: metade na folha de maio de 2015 e a outra metade na folha de novembro de 2015, e ainda, o retroativo/diferença (maio/outubro) dos subsídios e proventos será paga no mês de janeiro de 2016.

A PAUTA DESTA LUTA SE DÁ PELOS SEGUINTES MOTIVOS

Os docentes exigem o cumprimento da Lei, pois trata-se de direito adquirido e, portanto não há negociação de parcelamento;

Cumprimento do calendário de reposição salarial aprovado pela Resolução 027/2013/CONSUNI;

Reafirmação da autonomia da Universidade;

Melhoria das condições de trabalho dos docentes, inclusive dos contratados (as), e no que tange à estrutura física da UNEMAT, refletindo no atendimento de qualidade aos discentes e à comunidade em geral;

Transparência e garantias dos repasses financeiro orçamentários atualizados do Estado para a UNEMAT;

Ampliação de políticas para fortalecer a Universidade pública do Estado por meio de editais de ensino, pesquisa e extensão financiados por Instituições Públicas com esta finalidade.

FONTE: Assembleia Geral da ADUNEMAT
Comando de Paralisação e de Greve.

 

 

Sindicalistas da Adunemat foram barrados pelos próprios pretensos companheiros do Fórum Sindical, diante da porta da SAD, na segunda-feira (26)

Sindicalistas da Adunemat foram barrados pelos próprios pretensos companheiros do Fórum Sindical, diante da porta da SAD, na segunda-feira (26)

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

cinco × três =