SEM TEORIA REVOLUCIONÁRIA NÃO HÁ REVOLUÇÃO: Ricardo Antunes debate, em Cuiabá, “Crise, desafios e alternativas para as lutas sociais e sindicais”. O sociólogo Ricardo Antunes se destaca por suas pesquisas sobre as condições dos trabalhadores e as dimensões da reestruturação produtiva no capitalismo global

No momento, em que o governador tucano de Mato Grosso, Zé Pedro Taques tenta privatizar escolas públicas, precarizando cada vez mais o trabalho dos profissionais da Educação, nada mais oportuno do que ouvir um especialista na análise desta precarização, o professor Ricardo Antunes, em visita a Cuiabá. (EC)

Ricardo Antunes

Ricardo Antunes

A Adufmat – Seção Sindical do ANDES-SN recebe, nessa quinta-feira, 23/06, às 19h, uma das maiores referências das Ciências Sociais para debater a “Crise, desafios e alternativas para as lutas sociais e sindicais” no Brasil. Ricardo Antunes é doutor em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (USP) e, atualmente, livre docente da Universidade de Campinas (Unicamp).

Conhecido mundialmente pelas obras ”Adeus ao trabalho” e “Os sentidos do trabalho”, dentre outras, o professor ministrou cursos e publicou artigos científicos em países como França, Inglaterra, Estados Unidos da América, Itália, Portugal, Espanha, Suíça, Alemanha, Índia, Canadá, Argentina, Colômbia, e Equador. Suas principais áreas de interesse são: sociologia do trabalho, teoria social, ontologia do ser social, nova morfologia do trabalho, trabalho e centralidade, classe trabalhadora, ação e consciência, sindicalismo e movimento operário.

O evento, organizado pelo Grupo de Trabalho de Política e Formação Sindical (GTPFS) da Adiufmat-Ssind, é gratuito e aberto a todos os interessados. Haverá certificado aos participantes.

Categorias:Mora na Filosofia

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

um × 2 =