RELEIA A CRÔNICA: O médico Gabriel Novis destacou, em vida, dedicação à medicina de seu colega, Dr. Carlos Eduardo Epaminondas

Piedade Epaminondas, Carlos Eduardo Epaminondas e Gabriel Novis Neves

Neste ano de 2020, a sociedade cuiabana perdeu o seu cidadão Carlos Eduardo Epaminondas. Carlos Eduardo Epaminondas foi um médico que se dedicou como poucos a Cuiabá e à sua gente. Sua esposa, a senhora Piedade Epaminondas, agora viúva, entrou em contato com Gabriel Novis Neves, também médico e grande amigo de Carlos Eduardo Epaminondas, para dizer-lhe que uma das maiores homenagens que seu pranteado esposo recebeu foi uma crônica escrita sobre ele, em 2010 pelo dr. Gabriel. No texto, o doutor Gabriel exaltava a fidelidade do doutor Epaminondas à Medicina e ao Hospital Geral de Cuiabá. Em reverência ao Dr. Carlos Epaminondas, cuja ausência será sempre sentida, e em singela homenagem à sua esposa, a senhora Piedade, seus demais parentes, amigos e admiradores, tais como o doutor Gabriel Novis Neves, reproduzimos aqui o texto amoroso sobre esse profissional amoroso que marcou o exercício da Medicina em nossa capital. É uma maneira de expressar nossa eterna gratidão ao médico obstreta Carlos Eduardo Epaminondas. Possamos todos nós, sempre, nos mirarmos no seu exemplo de dedicação à Medicina e a esta Cuiabá muitas vezes tão maltratada (Enock Cavalcanti)

 

FIDELIDADE

Por Gabriel Novis Neves

 

Com este título, muitos leitores irão pensar que vou abordar o tema traição, produto muito comercializado atualmente – principalmente neste período eleitoral. Outros com certeza esperarão a narração de uma traição carnal Rodrigueana, ou talvez a consagrada definição de Aurélien Scholi, jornalista e romancista francês: ”Fidelidade é uma forte coceira que não se pode coçar”.

 

A história de fidelidade que deixarei aqui registrada é a de um médico com seu Hospital! Uma verdadeira fidelidade canina! Estou falando do médico Carlos Eduardo Epaminondas. Há exatos cinquenta anos esse médico iniciava os seus trabalhos profissionais no antigo Hospital Geral de Cuiabá, hoje Hospital Geral Universitário (HGU). Está completando Bodas de Ouro no HGU! Neste meio século de trabalho foi de uma fidelidade comovente ao Hospital que o abrigou. Não me recordo de nenhuma infidelidade do Carlos Eduardo – dando uma escapadinha para atender seus pacientes fora do HGU. Nunca fiquei sabendo de nenhum fato relativo a isso. Essa fidelidade do meu colega não é conseqüência de privilégios monetários. Pelo contrário. Aquele Hospital sempre teve como característica a doação médica: servir aos pobres. O seu atestado de nascimento diz ser uma instituição filantrópica. Muitos que entraram com o Carlos Eduardo, inclusive eu, não mantiveram essa fidelidade, e até certo ponto competiram com a matriz.

Amor é um não-sei-quê, que surge não sei de onde, e acaba não sei como” – Madeleine de Scudéry. Pronto! Descobri o motivo das Bodas de Ouro do Carlos Eduardo com o Hospital Geral! É um caso de amor! Inexplicável, misterioso e incondicional! 50 anos diariamente no mesmo local de trabalho, como “um bebê que nasce com necessidade de ser amado, e nunca supera isso”.

Parabéns Dr. Carlos Eduardo Epaminondas!

 

Gabriel Novis Neves é médico em Cuiabá e foi o reitor fundador da UFMT. Texto originalmente publicado em
14/05/2010

Categorias:Gente como a gente

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

18 + dezesseis =