PREFEITURA SANEAMENTO

GRANDE, COMO ELE É GRANDE: Querido por todos, Rogério Ceni será o centro das atenções na partida que o São Paulo disputa neste domingo (23), na Arena Pantanal, com o Santos. Mais que a busca desesperada pelo título nacional, mais que entrar em campo para um dos maiores clássicos do futebol latino-americano, o goleiro, artilheiro, capitão da equipe e ídolo da torcida tricolor estará no gramado para receber o imaginário abraço de despedida. Será sua última partida em Mato Grosso, a terra que o acolheu quando menino que acabara de chegar do Paraná

ceniDe procurador

POR EDUARDO GOMES

Mato Grosso dá hoje um grande e especial abraço imaginário representado por um coro de milhares de vozes a um de seus filhos mais famosos, ilustres e queridos. Esse carinho coletivo é carregado pela paixão ao futebol, esporte que consagrou universalmente a figura que recebe o afago de seus concidadãos.

O coração do mato-grossense tem o mesmo tamanho daquele que bate no peito dos demais brasileiros, mas ele é imensurável pelas emoções que armazena e lança aos olhos e à garganta aos toques de maestria do filho ilustre de Mato Grosso, quando defende o chute mais traiçoeiro ou marca um gol de placa cobrando magistralmente uma falta ou pênalti.

Nem mesmo o coração mato-grossense que bate reverente ao seu filho mais famoso é capaz de motivar seu cérebro a manter em sua memória todos os recordes que esse singular esportista conquistou em campo, quer seja marcando gols, disputando jogos, colecionado títulos, quebrando recordes após recordes.

Esse coração mato-grossense sabe muito sobre o craque, mas desconhece que ele, seu pai Eurídes e seus irmãos figuram entre os ilustres que contribuíram para a pavimentação da MT-140 no trecho de Sinop a Santa Carmem e ao rio Tartaruga, por meio de uma PPP Caipira com o governo. Também não sabe que seu ídolo é produtor rural em Santa Carmem, onde gera empregos e contribui para a receita estadual.

Querido por todos, Rogério Mücke Ceni será o centro das atenções na partida que o São Paulo disputa hoje, na Arena Pantanal, com o Santos. Mais que a busca desesperada pelo título nacional, mais que entrar em campo para um dos maiores clássicos do futebol latino-americano, o goleiro, artilheiro, capitão da equipe e ídolo da torcida tricolor estará no gramado para receber o imaginário abraço de despedida. Será sua última partida em Mato Grosso, a terra que o acolheu quando menino que acabara de chegar do Paraná.

Torcedores do São Paulo iriam à Arena Pantanal para assistir à partida independentemente de qualquer outra razão que não fosse o jogo em si, mas hoje eles não deixariam de lotar as arquibancadas ainda que a bola não rolasse, desde que pudessem gritar em coro: Rogério… Rogério… Rogério! Junto à torcida do time do Morumbi estarão mato-grossenses que torcem por outros clubes, e principalmente moradores de Sinop, a cidade que abriu os braços à família Ceni e onde o jovem varapau desengonçado trocou o emprego de office boy no Banco do Brasil pela camisa do Sinop Futebol Clube, com a qual conquistou sua primeira taça: o Estadual. Meu filho Luiz Eduardo estará entre a multidão levando seu abraço ao ídolo. Faço-o meu procurador e de meu outro filho tricolor, Agenor, que está em Goiás, para que abrace agradecido o nosso coestaduano, que em dezembro dependurará as chuteiras.

Eduardo Gomes de Andrade é jornalista

[email protected]

Categorias:Gente que faz

3 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 189.59.57.81 - Responder

    Querido por todos? É uma lorota,nós torcedores de outros times paulistas não suportamos a arrogância e o ar de grandeza que exala desse moço,não parece que defende um time sul-americano que ganhou apenas 3 libertadores,parece que joga no Real Madrid (10 champions).Só para ilustrar ,o Santos de uma média cidade do litoral também ganhou 3 libertas.E além disso,NUNCA foi titular da Seleção ,mesmo quando ela estava por baixo.Ele é grande para os são paulinos e no Morumbi.Marcão do Palmeiras foi muito maior que ele,só para citar um!Na Argentina,o BOca ganhou 6 libertas;,Independiente 7 ; Estudiantes 4;só para citar alguns!

  2. - IP 177.5.235.104 - Responder

    Segundo parte da mídia, o goleiro é arrogante, individualista e, quando perde, joga a responsabilidade sobre os ombros dos companheiros. Nunca chegou ao topo em razão de seu caráter e personalidade. Na última semana, o frangeiro assumiu um filho de 02 anos fora do casamento… e foi buscar mais essa no fundo do gol… Enfim, figura complicadíssima!

  3. - IP 177.5.235.104 - Responder

    …”frangueiro”… Essa é minha… vou buscar no fundo do gol… culpa da grama molhada e mal temperada…

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

dez + 17 =