(65) 99638-6107

CUIABÁ

POLICIAL

2ª temporada do podcast Capivara na Faixa será lançada em março

Publicados

POLICIAL


O podcast é apresentado por Larissa Campos e Eduardo Ferreira.

Foto: Helder Faria

O podcast Capivara na Faixa terá novos episódios a partir do dia 3 de março. A 2ª temporada da produção terá educação como tema central e contará com dez episódios de cerca de 30 minutos cada.

A apresentação e produção continuam com a jornalista Larissa Campos e com o radialista Eduardo Ferreira, responsáveis pela 1ª temporada. Campos adianta que temas como o retorno das aulas, leitura, educação à distância, além de negacionismo e seus impactos na ciência e tecnologia serão discutidos nos programas. “Ao debater esse tema, também vamos mostrar o trabalho da Comissão especial de volta às aulas e da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa de Mato Grosso”, completa a jornalista.

“A expectativa para a nova temporada é muito boa. Educação é um tema permanente e algo fundamental para o desenvolvimento de qualquer sociedade. Vamos nos aprofundar nos assuntos, conversar com especialistas. Será um produto muito rico”, afirma Eduardo Ferreira. Todo episódio contará com a participação de ao menos um convidado. 

Leia Também:  Rafa Kalimann critica Lucas e Nath Finanças rebate: "Preparada por coach"

Para Ferreira, o podcast está em sintonia com a Assembleia, que também é um lugar de debates e lembra que o trabalho é feito com liberdade editorial. 

1ª temporada – O podcast Capivara na Faixa, criado e produzido pela Assembleia Legislativa, estreou em outubro do ano passado com uma série de programas sobre os incêndios no Pantanal. Na mesma temporada, a produção também falou sobre mulheres na política, violência contra mulher, representatividade de mulheres negras e indígenas. Você pode ouvir esses episódios em todas as plataformas de streaming de áudio, como Spotify, Deezer, Google Podcasts e Apple Podcasts. 

“Acredito que conseguimos quebrar o preconceito e mostrar que um podcast de um órgão oficial não precisa ser engessado. Fizemos algo aberto e responsável”, avalia Eduardo Ferreira. “É muito desafiador do ponto de vista da comunicação pública fazer um conteúdo como esse”, destaca Larissa Campos.

“A ideia de produzir o podcast Capivara na Faixa surgiu com objetivo de ampliar, cada vez mais, os nossos meios de comunicação e, consequentemente, o acesso da população. O áudio, além de acessível, permite explorar várias narrativas. Queremos continuar a dialogar com a população sobre diversos temas, em busca de reflexões e soluções”, explica o superintendente de Comunicação, Ever Jota. Segundo ele, a produção tem recebido um retorno positivo das pessoas de dentro e fora do estado. 

Leia Também:  Investigado por tentativa de homicídio ocorrida há dois anos em assentamento é localizado em Sinop

Clique aqui para ouvir os episódios da primeira temporada. 

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

“Impedimento desde quando?”, diz Anitta sobre Arthur do BBB 21 ser bisexual

Publicados

em

Por


source
Após saber que Arthur também fica com homens, Anitta diz que não tem problema
Reprodução

Após saber que Arthur também fica com homens, Anitta diz que não tem problema

Após Anitta dizer que ficou interessada em Arthur do BBB 21 , a cantora começou a receber mensagens que diziam que ele também ficava com homens. A cantora rebateu os comentários e ainda convidou o brother para uma relação a três.

“Que povo preconceituoso. Desses 30 minutos para cá que falei que pegaria o Arthur já recebi incontáveis mensagens falando ‘ai, mas ele fica com homens, todo mundo do Espírito Santo sabe’. Problema dele, gente”, disse a cantora

Você viu?

“Se ele fica com mulher também tá tudo ótimo, ué, eu também fico com os dois. Isso é um impedimento desde quando?”, disparou a cantora em seus stories do Instagram.

Leia Também:  Marrone está apaixonado e fãs suspeitam que seja por ex-BBB Ivy Moraes

Anitta continuou dizendo que não conseguia entender o pensamento das pessoas sobre pessoas bisexuais. “A mulher pode ficar com mulher e com homem mas o homem não pode. Se ele pegar homem também tá tudo ótimo”, disse.

A cantora ainda aproveitou o momento para brincar que não se importaria em fazer uma brincadeira com Arthur e outro homem. “Super bem-vindo se chamar outro também, chama que a gente se diverte todo mundo junto, faz um ratata”, disse a cantora. Veja.

Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA