PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO: Convocados por Perri, desembargadores discutem futuro do Judiciário de Mato Grosso na sexta, em reunião extraordinária

Orlando Perri, em final de mandato apresentará o diagnóstico do Poder Judiciário, colhido junto à população de Mato Grosso, em 11 audiências públicas

Orlando Perri, em final de mandato apresentará o diagnóstico do Poder Judiciário, colhido junto à população de Mato Grosso, em 11 audiências públicas

Na próxima sexta-feira (10/10), o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Orlando Perri, se reúne com os demais desembargadores na Presidência para discutir o Planejamento Estratégico do Poder Judiciário para os anos 2015 a 2020. “Todos os 29 desembargadores foram convidados. É de extrema importância que compareçam, que participem da discussão, que opinem sobre as nossas metas e sobre a construção do Judiciário que queremos para Mato Grosso”, disse o desembargador Orlando Perri.

A reunião está marcada para ter início às 10 horas, com previsão de encerramento às 11h30. Nos primeiros vinte minutos, o consultor Roberto Campos de Lima, da empresa 3GEN Gestão Estratégica, fará uma apresentação sobre o assunto.

Além de mostrar alguns dados referentes à atual realidade, o consultor vai discutir com os desembargadores as escolhas do Poder Judiciário para os próximos seis anos. Nessa discussão cabem alguns questionamentos à instituição: Onde estamos e onde queremos chegar? Para atingir essas metas, quais caminhos devemos trilhar?

A reunião com os desembargadores marca o inicio da segunda fase de construção do Planejamento Estratégico 2015/2020. A primeira fase consistiu no diagnóstico da instituição, obtido por meio de audiências públicas nas quatro regiões do Estado.

Ao todo foram 11 audiências públicas, das quais participaram autoridades dos poderes Executivo e Legislativo locais, representantes do Ministério Público, da Defensoria Pública, magistrados, servidores do Poder Judiciário e sociedade em geral. Todas as audiências foram presididas pelo presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Orlando Perri.

Fonte Coordenadoria de Comunicação do TJMT

Categorias:Cidadania

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

3 × 5 =