PREFEITURA SANEAMENTO

Pedro Taques tergiversa, negaceia, tenta enrolar, gagueja, mas não há como negar sua bola fora. Ao fugir do debate no SBT, na definição do próprio Pedro Taques, se comportou como um político desprezível, arrogante. E eu digo que Pedro Taques se comportou como um covarde. Um anão político. Um adversário da democracia que deve ser encarada como um processo de aperfeiçoamento das instituições e do comportamento humano que nos compete a todos

Pedro Taques mesmo se definiu por antecipação: político arrogante

Pedro Taques mesmo se definiu por antecipação: político arrogante

Não vivemos num mundo perfeito. Vivemos num mundo que se aperfeiçoa, continuadamente, através do debate democrático, que vem lá das priscas eras, nas mais diversas esferas do comportamento humano.

Para cada Cícero que a sociedade produz, surgem também milhares de gilmar fabris.

Para cada Leonardo da Vinci, um bando de enocks cavalcanti.

Neste 31 de agosto, vivemos um domingo entristecedor para a política de Mato Grosso, graças à atitude do atual senador Pedro Taques, candidato a governador pelo PDT, que resolveu faltar ao debate promovido pelo SBT, alegando razões de foro íntimo.

Foro íntimo, uma pinoia.

Pedro Taques, mal orientado pelos seus marqueteiros, não compareceu por covardia. Teve medo de, mais uma vez, não contar com as melhores respostas para os questionamentos que seriam contra ele dirigidos por seus adversários nesta eleição. O que, aliás, é natural: quem está por baixo sempre questiona quem está por cima, seja aqui ou na China. Rebater bem às provocações é uma arte.

Vejam que vexame: Pedro Taques, o candidato que se apresenta a si mesmo como o mais bem preparado, se comportando como quem tem medo dos questionamentos do candidato da situação, o doutor Lúdio Cabral, com medo dos questionamentos do ficha suja Riva, com medo dos questionamentos dessas figuras politicamente inexpressivas que são o candidato do PSOL, o advogado José Roberto e o mais novo iluminado por deus no Mirante da Chapada que é o nada representativo candidato Muvuca. (Com tantos candidatos apegados a deus nosso senhor, fico imaginando quais serão os candidatos de satanás.)

Pior que o suposto complô dos adversários contra Pedro Taques é o complô de Pedro Taques contra o processo de aperfeiçoamento da democracia que um debate como esse sempre propicia, por pior que sejam os candidatos envolvidos.

O povo aprende a votar, votando.

O povo aprende a estabelecer novas exigências com relação aos debates entre candidatos na TV, acompanhando novos e sucessivos debates entre candidatos na TV.

Não existe outro caminho, não existe outra forma de superar estas etapas.

Só os candidatos politicamente arrogantes e psicologicamente covardes não sabem disso.

Esse é um exercício que não tem como se evitar, uma vez que estejamos comprometidos com o processo eleitoral e com o processo democrático.

Ao fugir do debate, neste domingo, Pedro Taques se enquadrou, dos pés à cabeça, naquela definição dada, em 2010, pelo próprio Pedro Taques, quando falou dos políticos que fogem à discussão com seus concorrentes: é um político arrogante, que se acha autor de propostas pretensamente perfeitas e dono de um biografia que estaria também acima do bem e do mal. O professor de Deus, com todas as distorções psicológicas que caracterizam uma figura deste tipo.

Como figura pública, o arrogante senhor Pedro Taques não pode querer tirar de seus opositores – e até mesmo de seus eleitores – o direito de escarafunchar sua vida. Faz parte. Ele que tenha a competência de fugir das pretensas armadilhas retóricas e saiba se firmar diante de seus eleitores, nas mais inesperadas situações. Ele se candidatou sabendo que este é o percurso que se tem que percorrer. E efetivamente, o comportamento do candidato, em sua vida privada, acaba sendo fator de importância para definir os rumos de um país, de um governo – basta que percebamos a numerosa quantidade de estudos sobre a personalidade de figuras marcantes da História da Humanidade, no passado, e no presente, como César, Platão, Charles Darwin, Cleópatra, Napoleão, Pedro o Grande, Albert Einstein, Bismarck, Galileu Galilei, Balzac, Churchill, Edgar Allan Poe, John Kennedy, etc, etc.

Não é virando as costas aos adversários e a seus eleitores, que Pedro Taques irá contribuir para que a qualidade de nossos debates seja a cada dia melhor.

Dizer que os adversários não sabem debater é como argumentar que o povo não sabe votar. É coisa de político arrogante – e arrogância, como eu a entendo, tem muito a ver com covardia. Pedro Taques se comporta assim unica e exclusivamente porque acha que já conta com votos suficientes para vencer a eleição, achando que já é o tal.

Pode não ser o primeiro a acabar despencando das alturas onde pensa que encontra.

————–

PEDRO TAQUES DE ONTEM FALA DO PEDRO TAQUES DE HOJE

A DESCULPA ESFARRAPADA DE UM POLÍTICO FUJÃO

5 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 201.67.18.231 - Responder

    Pedro Taques, o homem que destruiu Arcanjo, molha a bota diante de Muvuca, Riva, Lúdio e José Roberto. Uma lástima. Sem noção e orientação.

  2. - IP 179.254.45.200 - Responder

    Se ele seguisse 10% do que veementemente prega ia ser disparado o melhor politico do Brasil!

    • - IP 187.4.182.54 - Responder

      Como é mesmo melo? “vem e mente?”… é próprio do senhor Pedro Taques quando vem a público e mente ao dizer que não é citado na Ararath, só cego pra acreditar nesse senhor arrogante, prepotente e agora, fujão, e que, segundo suas próprias palavras, “Candidato que não comparece à debate representa candidato arrogante, candidato que acha que já ganhou, entende que o eleitor de Mato Grosso é gado”, vide primeiro vídeo…. ai ele vem com postura veemente (le-se vem e mente) para tentar ganhar o nosso voto,…Xô arrogante….

  3. - IP 177.203.1.94 - Responder

    O Taques é famoso por dizer uma coisa e fazer outra completamente diversa. Cadê que ele ia apurar o “100% equipado e 20% roubado”? Ele não odeia o PT no senado, como quer a Dilma em seu arco de aliança? E se tem a reputação tão ilibada, como seus maiores financiadores de campanha são só empresários com fortunas de origem duvidosa?

  4. - IP 191.133.189.157 - Responder

    É um ditador ,fé demais não cheira bem!

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

1 × 4 =