Governador Pedro Taques (PDT) afronta legislação, corta pela metade INPC e arrocha salário de servidores. Emanuel Pinheiro (PR) apresenta sua proposta para tentar resolver impasse da reposição salarial, no interesse dos servidores

emanuel-pinheiro-e-pedro-taques-na-pagina-do-enock2

Emanuel Pinheiro apresenta proposta para resolver impasse da reposição salarial

 

O deputado estadual Emanuel Pinheiro (PR) apresentou, durante a sessão ordinária matutina dessa quarta-feira (20), uma proposta que pode solucionar o impasse em relação à reposição salarial dos servidores públicos. A medida será encaminhada ao secretário-chefe da Casa Civil, nesta tarde (20).

“A minha proposta é para que o governo pague o porcentual de 3,11% do índice oficial do INPC de imediato, conforme já definido pela equipe econômica. E a outra parte residual seja estabelecida a data, dentro do exercício 2015, para efetivar o pagamento, com a devida atualização monetária retroativa à data-base”, disse.

Segundo o deputado, a medida tem por objetivo solucionar o impasse criado no pagamento da reposição salarial, garantindo dessa forma os direitos e conquistas do servidor público estadual.

“É uma conquista do servidor, que nunca falhou nos últimos 10 anos. Nós não podemos permitir que essa pessoa seja prejudicada no seu poder de compra devido à inflação alta”, defendeu.

Pinheiro esclarece que não se trata de um reajuste, mas de uma reposição salarial garantida pela Constituição Federal e assegurada por uma lei estadual, com intuito de repor a perda inflacionária no período de 2014 a 2015.

A decisão foi tomada após uma reunião com representantes do Sindicato dos Profissionais de Desenvolvimento Econômico e Social (Sindes).

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

dois × dois =