OAB-MT destaca importância da advocacia pública ao homenagear procuradora do Estado aposentada

Há 43 anos dedicando sua vida à advocacia, a procuradora do Estado aposentada, Maria Luiza Vidal da Fonseca Castro Reis, 66 anos, foi homenageada nesta quinta-feira (22), pela Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT).

Conhecida popularmente por “Paixão”, a procuradora Maria Luiza representou toda a advocacia pública durante a solenidade de homenagem por ocasião da sessão ordinária do Conselho da OAB-MT, conforme destacou o presidente da Ordem, Leonardo Campos.

“Eis que prevalece o sentimento de dever cumprido, principalmente, porque tudo o que fiz pela advocacia, e principalmente pela advocacia pública, foi pensando no interesse público, em especial, dos mais necessitados”, expressou a procuradora aposentada Maria Luíza.

Para a Procuradora-Geral do Estado, Gabriela Novis Neves Pereira Lima, que entregou a homenagem da OAB à procuradora Maria Luíza, a oportunidade foi importante para destacar o papel das mulheres na história da advocacia mato-grossense, em especial da advocacia pública por meio da Procuradoria do Estado.

Biografia – A procuradora do Estado aposentada, Maria Luíza, cumpriu importante protagonismo histórico para a advocacia pública de Mato Grosso. Nascida em 11 de julho de 1951, Maria Luíza também é filha de advogado, sendo que o pai dela, João Luiz da Fonseca foi um dos primeiros advogados inscritos na Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso, cujo número de inscrição foi 38.

Como advogada, Maria Luiza trabalhou no Tribunal de Contas do Estado (1974 -1986), Em 1986, Maria Luiza tomou posse como procuradora do Estado de Mato Grosso, no mesmo ano foi fundada a Associação dos Procuradores do Estado de Mato Grosso (Apromat), da qual “Paixão”, como é carinhosamente chamada pelos colegas de trabalho, fez parte de todas as diretorias, inclusive da atual gestão da entidade.

Em 1999, Maria Luíza foi conselheira da OAB-MT durante a gestão do advogado Rubens de Oliveira Santos Filho (1991-1993 e 1998) e diretora-financeira durante a gestão do advogado Ussiel Tavares (1998-2003), período no qual foi responsável por gerenciar a construção da atual sede da OAB-MT, no Centro Político Administrativo em Cuiabá.

Categorias:Plantão

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

5 + sete =