(65) 99638-6107

CUIABÁ

O mundo sobre rodas

Veículos sinistrados aumentam os riscos de acidentes de trânsito

Publicados

O mundo sobre rodas


source
Segundo estudo, frota do Brasiil é a mais velha em 25 anos e existem vários veículos que não deveriam estar circulando
AP

Segundo estudo, frota do Brasiil é a mais velha em 25 anos e existem vários veículos que não deveriam estar circulando

De acordo com dados da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) – braço da Organização Mundial da Saúde (OMS) nas Américas, mundialmente, cerca de 1,35 milhão de pessoas morrem a cada ano em decorrência de acidentes no trânsito.

Só para reforçar da gravidade do problema que vem de encontro com o mês do “Maio Amarelo” , uma campanha de conscientização sobre segurança no trânsito, os acidentes custam à maioria dos países 3% de seu produto interno bruto (PIB). No Brasil , essa cifra ultrapassa os R$ 130 bilhões todos os anos, segundo estudo de 2016 da Associação Nacional dos Transportes Públicos (ANTP).

Leia Também:  Volkswagen Kombi segue como um dos antigos mais vendidos na internet

E isso é um reflexo da falta de consciência dos motoristas e de fiscalização por parte de suas autoridades e dos órgãos competentes, pois os veículos que deveriam sair de circulação, acabam recuperados e revendidos, inclusive pelo valor real de mercado.

“É uma falha crônica do sistema de registro em todo o Brasil , por falta de soluções sistêmicas robustas e integração entre os diversos sistemas municipais, estaduais e o federal, que possam registrar realmente todos os acidentes ocorridos. Sem isto, não é possível controlar a reparação adequada dos veículos”, alerta o diretor executivo da Federação Nacional da Inspeção Veicular (FENIVE) , Daniel Bassoli.

Ainda segundo Bassoli, levantamentos recentes mostram que a frota brasileira é a mais velha em 25 anos, com carros que deveriam estar fora de circulação por falta de condições de segurança ou por terem se envolvido em acidentes e voltado a circular indevidamente.

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) está trabalhando junto ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) para a proposição de soluções sistêmicas para maior controle dos veículos sinistrados.

Leia Também:  VW assina acordo com Microsoft para desenvolver veículos de autônomos
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

O mundo sobre rodas

Valtteri Bottas coloca Mercedes-AMG GT à venda por R$ 1,2 milhão

Publicados

em


source
Mercedes-AMG GT S de Valtteri Bottas está à venda em Helsinki, capital da Finlândia
Divulgação

Mercedes-AMG GT S de Valtteri Bottas está à venda em Helsinki, capital da Finlândia

Você já sonhou em ser dono de um carro que pertenceu a um piloto de Fórmula 1 ? Isso será possível para o milionário  que estiver disposto a desembolsar uma fortuna pelo Mercedes-AMG GT S que Valtteri Bottas colocou à venda na Finlândia. 

O piloto anunciou o superesportivo da equpe que defende na Fórmula 1 pela bagatela de 190 mil euros, valor que ultrapassa R$ 1,2 milhão na cotação atual. O site de classificados online Tori Autot consta que o veículo de ano 2018 encontra-se na capital do país, Helsinki, com apenas 16 mil quilômetros rodados. 

O Mercedes-AMG GT S tem motor 4.0 V6 capaz de desenvolver 510 cv de potência a 6.250 rpm e 66,3 kgfm de torque a 1.750 rpm. O câmbio é automatizado de sete velocidades, proporcionando ao esportivo alemão de tração traseira capacidade para acelerar de 0 a 100 km/h em 3,8 segundos. 

Leia Também:  Toyota Aygo X é (mais um) misto de SUV e hatch subcompacto

O superesportivo é muito bem equipado, integrando sistema de frenagem de emergência, seis airbags, sistema de aquecimento do volante e controle de largada. 

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA