(65) 99638-6107

CUIABÁ

O mundo sobre rodas

Renault Alpine vai ter desfile na abertura  das 24 Horas de Le Mans

Publicados

O mundo sobre rodas


source


Programado para acontecer antes da largada do início da emblemática prova de endurance, evento terá as estrelas da Alpine
Divulgação

Programado para acontecer antes da largada do início da emblemática prova de endurance, evento terá as estrelas da Alpine

Contando com vitórias em todas as pistas, a Alpine , que desde 2013 tem ampliado sua presença nos circuitos e nos especiais de rali, vai comemorar sua paixão pelo automobilismo esportivo durante um desfile de abertura das 24 Horas de Le Mans no próximo sábado, dia 21 de agosto.

 Programado para acontecer antes da largada do início da emblemática prova de endurance, o evento contará com a presença dos pilotos da escuderia Alpine F1 Team como Fernando Alonso estará ao volante de um bólido Alpine de F1 com as cores do A521 e Esteban Ocon ao volante de um A110 GT4 , que venceu o GT4 International Cup, em 2018.

Leia Também:  Ford Bronco Sport faz o off-road parecer um passeio no parque

Novamente ao volante do A470 estará, que venceu as 24 Horas de Le Mans em 2018 e 2019 junto com os pilotos da Alpine Elf Matmut Endurance Team – o brasileiro André Negrão e Nicolas Lapierre – durante a reconquista do título da categoria LMP2 no Campeonato Mundial de Endurance da FIA, o WEC.

A Alpine iniciou nas competições nos anos 1950 e em 1978 ganhou as 24 Horas de Le Mans com o protótipo Renault Alpine A442B.  Mais tarde, a Alpine foi absorvida pela Renault. O último modelo produzido havia sido o A610 , cuja produção foi interrompida em 1995. Só em 2017 a marca foi relançada com o novo A110 , baseado no modelo original de 1973. 

Você viu?


Willys Interlagos, o Alpine nacional

Willys Interlagos 1961: até a cor azul segue o padrão do Alpine A108 original fabricado na França
Divulgação

Willys Interlagos 1961: até a cor azul segue o padrão do Alpine A108 original fabricado na França

Renascida em 2013, a marca conta atualmente com um modelo de produção, o cupê A110 , que utiliza um motor 1.8 turbo de até 292 cv. A partir deste ano, além da Formula 1, o nome Alpine passa a substituir a Renault Sport em outras categorias e fará a sua estreia na classe LMP1 do Campeonato Mundial de Endurance, além de já estar com a presença confirmada nas 24 Horas de Le Mans, programada para agosto.

Leia Também:  Primeiro motorhome elétrico pode custar mais de R$ 380 mil na Europa

Apresentado em 1961, o esportivo nacional baseado no  Renault 4CV  tinha como trunfo o baixo peso, já que a carroceria era feita de fibra de vidro. O carro também chamava atenção pelo desenho arrojado para a época e era bem divertido de dirigir por ter tração traseira , mesmo com o modesto motor 1.0, com dupla carburação e 70 cv, o suficiente para ir de 0 a 100 km/h em longos 14,1 segundos e atingir 160 km/h.

O desfile será realizado duas horas antes da largada. Confira a seguir a programação.

PROGRAMAÇÃO

Sábado, 21 de agosto

11h30-11h45: Aquecimento

14h10-14h25: Desfile Alpine

16h00: Largada das 24 Horas de Le Mans

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

O mundo sobre rodas

Triumph mostra nova Tiger 1200, que deve chegar ao Brasil no início de 2022

Publicados

em


source


Triumph Tiger 1200 fica mais potente, o que dará uma dose extra de disposição para enfrentar obstáculos pelos caminho
Divulgação

Triumph Tiger 1200 fica mais potente, o que dará uma dose extra de disposição para enfrentar obstáculos pelos caminho

A Triumph apresenta a nova Tiger 1200, modelo que está previsto para chegar em breve ao mercado brasileiro e contará com três versões: GT Explorer, Rally Pro e Rally Explorer.

O motor T-Plane , tricilíndrico, passou por uma revisão significativa. São 1.160 cc (ante os 1.215 cc), mas apesar disso, há um aumento saudável na potência para 150 cv (dos 139 cv, ou 9 cv a mais do que na geração anterior) e um aumento no torque de 13,25 kgfm a 7.000 giros (ante os 12,44 kgfm).

Já o eixo de transmissão redesenhado que é 1,5 kg mais leve do que a unidade antiga. São seis marchas, com trocas pelo sistema Triumph Shift Assist , sem o uso da embreagem (opcional para a Tiger 1200 GT).

Triumph Tiger 1200. Foto: Divulgação

Leia Também:  Ford Ka domina ranking entre os cinco modelos mais vendidos pela internet

Triumph Tiger 1200. Foto: Divulgação

Triumph Tiger 1200. Foto: Divulgação

Triumph Tiger 1200. Foto: Divulgação

Triumph Tiger 1200. Foto: Divulgação

Os GTs rodam sobre rodas fundidas de 19 pol. / 18 pol., Enquanto os modelos Rally têm rodas com raios de 21 pol. / 18 pol. Todos os modelos da linha, até mesmo o GT de entrada, vêm com s uspensão semi-ativa Showa com curso mais longo para o Rally (220 mm x 200 mm).

Para o seu país de origem, Reino Unido, a a big trail da Triumph tem preços a partir de 14.600 libras , o equivalente a R$ 110.000 na conversão direta. 

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA