(65) 99638-6107

CUIABÁ

O mundo sobre rodas

Purosangue: primeiro SUV da Ferrari estreia em setembro

Publicados

O mundo sobre rodas

source


Ferrari Purosangue
Divulgação

Ferrari Purosangue

Quando a Porsche ousou ao lançar o seu primeiro SUV Cayenne no final de 2002, todos os puristas quase enfartaram, mas graças a essa ousadia, o modelo juntamente com o Macan , está entre os modelos de maior sucesso da marca alemã.

A sua principal rival como a Ferrari continuou resistente perto de outras empresas que já haviam lançado seus representantes, e só agora, em 2022, a marca confirmou que vai finalmente apresentar o seu primeiro SUV, o Purosangue , em setembro

Segundo a casa de Maranello, o SUV italiano será equipado com motor V12, ou pelas próprias palavras da Ferrari , ‘um modelo V12 puro’, ou seja, então será alimentado por um motor naturalmente aspirado e que deverá entregar mais de 800 cv.

A unidade será construída sobre uma nova plataforma de motor central-dianteiro (a mesma do modelo  Roma ) posicionado atrás das rodas dianteiras. Para uma melhor distribuição de peso, a transmissão de dupla embreagem será instalada na parte traseira.

Ferrari Purosangue
Reprodução

Ferrari Purosangue

Leia Também:  Novo Hyundai HB20 poderá ter versão especial da Copa. Ouça no podcast

Enquanto o Purosangue representará cerca de 20% de todas as vendas, a série Icona e o novo SUV serão muito mais exclusivos. A Ferrari diz que limitará esses veículos a menos de 5% do total de entregas, enquanto os modelos da Série Especial, como o 812 Competizione / 812 Competizione A , responderão por aproximadamente 10% de todas as vendas.

Até 2026, 60% de todas as variantes da Ferrari terão motorizações híbridas e puramente elétricas, com os 40% restantes representados por carros movidos a combustão interna.

Royce, Aston Martin e Lamborghini na lista de marcas de ponta para ter seus próprios SUVs. A McLaren supostamente seguirá o exemplo até o final da década.

Ferrari Purosangue
Reprodução

Ferrari Purosangue

Apesar de se tratar de um modelo que remete aos SUVs, a  Ferrari foge do termo de Sport Utility Vehicle. Em vez disso, ela classifica o Purosangue como como  ‘FUV’, ou Ferrari Utility Vehicle.

Com a apresentação oficial marcada para acontecer em setembro deste ano, a previsão é de que as primeiras unidades cheguem às lojas somente em 2023, inicialmente nas européias, e depois nos demais mercados.

Leia Também:  Apresentado nos EUA, novo Honda CR-V chega ao Brasil em 2023
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

O mundo sobre rodas

Marca búlgara promete carro elétrico que poderá chegar aos 580 km/h

Publicados

em

Modelo só aparece em projeções gráficas até o momento. Imagina só se, em algum dia, isso chegará às ruas...
Divulgação

Modelo só aparece em projeções gráficas até o momento. Imagina só se, em algum dia, isso chegará às ruas…

Quando se pensa em supercarros , muito provavelmente a Bulgária é um país que não passa pela cabeça de entusiastas, ou até mesmo leigos no assunto. Entretanto, a Alieno, uma empresa búlgara fundada em 2015, está disposta a mudar isso — ou pelo menos diz estar.

A Alieno afirma que está trabalhando em um hipercarro chamado “Unum” e estima uma velocidade máxima de 584 km/h para seu carro, que, por sinal, parece ter vindo de um planeta bem distante.

Serão oferecidas quatro versões, todas começando com “RP”, que significa Potência Bruta, na tradução. A RP2 é a variante de entrada, que terá ‘apenas’ 2610 cv. A RP3 terá 3481 cv, enquanto a RP4 4351 cv e a topo de linha, RP5, irão oferecer 5221 cv de potência.

Leia Também:  Novo Hyundai HB20 poderá ter versão especial da Copa. Ouça no podcast

As versões contarão com configurações diferentes de motorização, a mais simples, RP2, terá três motores elétricos por roda, enquanto a topo de linha terá seis propulsores em cada roda, totalizando 24 motores elétricos .

O torque máximo na versão RP5 é de 905,5 kgfm, enquanto na versão RP2 é reduzido para 452,75 kgfm. Tudo isso entregue de forma instantânea, devido à característica dos motores elétricos de contar com menos partes móveis que desperdiçam energia.

Para alimentar esse complexo conjunto de motores, a bateria do Unum é feita com células de Grafeno e supercapacitores, podendo ter três especificações: 180 kWh na versão “de rua”, 120 kW no “Pacote de baterias de pista” e 60 kWh na configuração “Pacote de Baterias de corrida”.

Todo o sistema será de 800 Volts, o que permite maior aproveitamento de potência e regeneração e até recarga, e aqui é onde os valores são “reais”, já que arquitetura de 800 Volts vem se tornando comum nos modelos elétricos de ponta de fabricantes tradicionais. Para carregar as baterias, a Alieno afirma que poderá ser conectado em estações CCS de 350 kW e o tempo de recarga será entre 10 e 30 minutos. Em futuros carregadores da própria fabricante, a carga de 0 a 100% acontecerá em apenas 4 minutos. A versão RP5 ainda terá um pacote opcional chamado de TRS, ou “The Rocket Successor”, o sucessor do foguete, na tradução livre. Esse pacote adiciona um sistema de “propulsores de ar frio de foguetes” que são produzidos com titânio, aço e Inconel.

Leia Também:  Apresentado nos EUA, novo Honda CR-V chega ao Brasil em 2023

Segundo a Alieno, esse inédito sistema de propulsores tem a função de aumentar a estabilidade e aderência do veículo e também auxiliar na frenagem.

Diferente de foguetes que usam gás pressurizado para mudar de direção ou mesmo reduzir a velocidade, a Alieno afirma que seus sistema utiliza ar convencional, e funcionam em tempo-real para manter o carro estável.

O Alieno Unum será comercializado a partir de 2025 com preços entre  € 1.8 milhão (R$ 9.64 milhões) e € 4.5 milhões (R$ 24.1 milhões) só é fabricado mediante encomenda, e o tempo de produção é estimado entre 18 e 30 meses, variando de acordo com as versões, pacotes, e outros opcionais escolhidos pelo comprador.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA