(65) 99638-6107

CUIABÁ

O mundo sobre rodas

Nissan Kicks chega à linha 2022 com visual renovado e mais segurança

Publicados

O mundo sobre rodas


source
Nissan Kicks 2022: SUV passa a ter novo visual que inclui grade dianteira maior e faróis estreitos entre os destaques
Divulgação

Nissan Kicks 2022: SUV passa a ter novo visual que inclui grade dianteira maior e faróis estreitos entre os destaques

A Nissan começa 2021 com uma oportunidade nas mãos. A marca japonesa entra na disputa pelo mercado de 117 mil carros que a Ford abandonou ao deixar a produção nacional para focar apenas na venda de importados. Dessa forma, o Kicks se torna um dos candidatos a captar antigos clientes do EcoSport. Que belo momento para lançar uma reestilização, não?

Mesmo com a pandemia, o Kicks teve bons resultados nos emplacamentos de 2020. Segundo a Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos), o SUV compacto produzido em Resende (RJ) emplacou 36 mil unidades no ano passado, superando HR-V (32 mil), EcoSport (24 mil) e o primo Duster (19 mil).

A Nissan espera melhorar o resultado com a reestilização de meia-vida do Kicks 2022. O objetivo do novo modelo será encostar nos líderes VW T-Cross , Jeep Renegade e Hyundai Creta . Para isso, a marca japonesa foi além da estética, e preparou um bom pacote cheio de novidades

Na linha 2022, o Kicks ganha novas nomenclaturas para suas versões. O modelo de entrada é o Sense , disponível com câmbio manual, por R$ 90.390,  e automático do tipo CVT, por R$ 98.390.  

A versão intermediária do Kicks passa a se chamar Advance , partindo de R$ 106.390, enquanto a topo de linha, Exclusive , parte de R$ 116.390 e com Pack Tech passa para R$ 119.390. A chegada nas lojas está prevista para meados de março e já existem 300 unidades em pré-venda. 

Segurança e equipamentos

Para começar, a marca recheou o Kicks com equipamentos de segurança. Na linha 2022, o modelo passa a contar com alerta de colisão frontal, assistente de frenagem, alerta de tráfego cruzado traseiro, monitoramento de ponto-cego e alerta de saída de faixa na versão mais cara. 

Leia Também:  Mitsubishi Eclipse Cross 2022 ganha nova versão Sport por R$ 205.990

A marca ainda adicionou faróis dianteiros full-LED, que além de estilosos, também proporcionam maior alcance noturno.Vale lembrar que desde seu lançamento, as versões mais caras do Kicks contam com seis airbags (frontais, laterais e cortina). 

O modelo Exclusive também inclui câmera 360° que facilita todos os tipos de manobra, ar-condicionado digital e sistema de som premium desenvolvido em parceria com a Bose. Mesmo sem contar com um subwoofer para graves mais vigorosos, o kit vai chamar atenção de quem se interessa por música.

Outro detalhe interessante é que desde a versão Advance, o Kicks terá cluster parcialmente digital com tela HD de 7 polegadas, no mesmo arranjo do Versa importado.

Você viu?

A central multimídia de oito polegadas foi atualizada com novo sistema nativo, integrando conexões para espelhamento do celular via Apple CarPlay e Android Auto. A Nissan também incluiu duas entradas USB no console, sendo que uma é do tipo A e outra do tipo C.

Conforto

Sendo esta uma reestilização de meia-vida, o Kicks praticamente não mudou em suas proporções. Ele ganhou alguns poucos milímetros por conta do novo parachoque, mas nada que interfira no visual. 

O modelo mantém 4,29 metros de comprimento, 1,76 cm de largura, 1,59 m de altura e 2,62 m de distância entre-eixos. Apesar de compacto, garante espaço para quatro adultos e uma criança viajarem com conforto. O porta-malas tem generosos 432 litros de capacidade. 

O Kicks mantém o conhecido 1.6 aspirado de 116 cv de potência a 5.600 rpm e 15,5 kgfm de torque a 4.000 rpm como a única opção de motorização. Este pode ser um fator contra o SUV da Nissan em um segmento repleto de rivais com duas opções de motor, muitos deles turbinados.

Leia Também:  O que muda na lei de trânsito para os motociclistas a partir do dia 12

O grande trunfo dos modelos turbo é aliar economia de combustível e bom desempenho de uma forma que motores aspirados dificilmente conseguem reproduzir. Se você é engenheiro e tem um propulsor aspirado para preparar, terá que escolher se o veículo será econômico, porém deixando a desejar no desempenho; ou se ele deverá impressionar nas acelerações e acabar sendo gastão.

A Nissan escolheu o primeiro caminho. E graças a ele, o Kicks CVT pode aferir 7,7 km/l na cidade e 9,4 km/l na estrada com etanol, e 11,4 km/ na cidade e 13,7 km/l na estrada com gasolina, segundo o Inmetro. A fabricante divulga que o Kicks CVT pode atingir 100 km/h em 12 segundos, com velocidade máxima de 175 km/h.

Durante o nosso test-drive na pista de testes do Haras Tuiuti, no interior de São Paulo, comprovamos que o Kicks mantém as características ideais para um carro urbano. O balanço da carroceria faz o SUV pender para o lado oposto em curvas mais rápidas, mas graças à configuração de sua suspensão, o modelo é um dos melhores da categoria para enfrentar ruas esburacadas. 

Conclusão

O Kicks 2022 comprova que amadureceu desde seu lançamento no Brasil em 2016. Em breve, teremos o modelo em nossa garagem para avaliar como o novo SUV compacto se comporta no dia a dia contra os principais rivais. Até lá, vale uma visita à concessionária mais próxima para conhecer o modelo, principalmente se você for proprietário de um EcoSport.

Veja como ficaram os preços do Kicks 2022

1.6 Sense (manual) – R$ 90.390 1.6 Sense (CVT) – R$ 98.390 1.6 Advance (CVT) – R$ 106.390 1.6 Advance (CVT) Pack Premium – R$ 108.390 1.6 Exclusive (CVT) – R$ 116.390 1.6 Exclusive (CVT) Pack Tech – R$ 119.890



Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

O mundo sobre rodas

Kawasaki estuda lançar Ninja 700R em 2022, baseada na ZX-10R

Publicados

em


source
Kasawaki ZX-10R da linha 2021 deverá servir de inspiração para a nova 700R que poderá chegar no ano que vem
Divulgação

Kasawaki ZX-10R da linha 2021 deverá servir de inspiração para a nova 700R que poderá chegar no ano que vem

A Kawasaki trabalha com a hipótese de lançar a Ninja 700R tomando como base da ZX-10R, o que daria mais força para a marca no segmento de modelos médios, como as rivais Yamaha YZF-R7 e Aprillia RS660. Com estilo arrojado, o novo rebento deverá ter subchassi e freios Nissin herdados da Ninja 650.

O motor de 700 cc da nova Kawasaki Ninja que tem chances de surgir em breve deverá ter em torno de 100 cv, de dois cilindros, para brigar em uma fatia de mercado que promete crescer rapidamente, assim como a das picapes intermediárias entre os carros, no terreno onde a Fiat Toro lidera, mas tem vários novos rivais para chegar.

Leia Também:  World Car Awards revela os carros finalistas da edição 2021

Principalmente a parte traseira da nova Kawasaki 700R deverá se inpirar nas linhas da ZX-10R , da qual também deverá tirar ideias para os desenhos do tanque e do sistema de escapamento para ajudar a tirar a Aprillia RS 660 da liderança de vendas no mercado. Porém, a marca japonesa terá que investir na parte eletrônica para poder ser competitiva a partir do ano que vem, quando deverá lançar a Ninja 700R.

Entre outros itens, a nova Kawasaki Ninja 700R também deverá ter garfo invertido Showa que pode ser ajustado em várias posições e iliminação apenas por LED, tanto na lanterna quanto no farol e nos piscas deixando de lado as lâmpadas convencionais. Para brigar com a líder da Aprillia a novidade da marca japonesa terá que pesar em redor de 190 kg.

De qualquer forma, resta apenas aguardar os desenrolar os acontecimentos para ver se realmente a Kawasaki irá lançar a Ninja 700R e entrar na disputa por um lugar ao sol no segmento do qual também vai fazer parte da Yamaha YZF-R7 .

Leia Também:  Porsche lança sétima geração do lendário 911 GT3 no Brasil
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

MAIS LIDAS DA SEMANA