(65) 99638-6107

CUIABÁ

O mundo sobre rodas

Conheça cinco carros que saíram na frente com novas ideias antes dos rivais

Publicados

O mundo sobre rodas


source

Volkswagen Gol GTI
Divulgação

Volkswagen Gol GTI

Para superar a concorrência, um carro precisa ter muito mais do que um “rostinho bonito”. Até aí não é nenhuma novidade, mas há montadoras que saem na frente e lançam algo totalmente inédito, algo que ditou regra para a concorrência seguir e que deu certo no mercado e outras, todavia, que foi um verdadeiro fracasso.

Relembre algumas dessas ideias que saíram na frente dos concorrentes.

1 – Uno Turbo

Versão esportiva tinha Rubens Barrichello, que começava a fazer sucesso na Fórmula 1, como garoto-propaganda
Divulgação

Versão esportiva tinha Rubens Barrichello, que começava a fazer sucesso na Fórmula 1, como garoto-propaganda

O Fiat Uno Turbo saiu na frente, literalmente, com o motor (1.4) sobrealimentado. Dotado de turbina Garret T2 com 0,8 bar, rendia 118 cv e 17,5 mkgf, suficiente para levá-lo de 0 a 100 Km/h em 9,2 segundos, deixando VW Gol GTi , Ford Escort XR3 e Chevrolet Kadett GSi comendo poeira.

Leia Também:  Honda trabalha em esportiva baseada na mecânica da nova Africa Twin

2 – Chevrolet Chevette

O Chevette  foi o primeiro compacto nacional a poder vir equipado com câmbio automático de fábrica
Renato Bellote/iG

O Chevette foi o primeiro compacto nacional a poder vir equipado com câmbio automático de fábrica

O que hoje é uma necessidade, nos anos 80, ter um carro automático era coisa só de americano. Foi assim em 1985, quando a Chevrolet ofertou o opcional para o Chevette (Hatch, Marajó e Chevy 500). Muito lento, com seus altos e baixos, além de apenas três marchas, acabou não engatando na preferência dos consumidores.

Leia Também

3 – VW Gol GTi

VW Gol GTI, esportivo inaugurou a leva de carros feitos no Brasil equipados com injeção eletrônica de combustível
Renato Bellote/iG

VW Gol GTI, esportivo inaugurou a leva de carros feitos no Brasil equipados com injeção eletrônica de combustível

Quando a esportividade era levada a sério nos nacionais, em fins de 1988, a VW saiu à frente com a injeção eletrônica no Gol (empregada só após três anos no Kadett). O GTi com um 2.0 de 120 e 18,4 kgfm fazia bonito e até hoje é muito desejado, sobretudo por colecionadores.

4 – Chevrolet Zafira

Chevrolet Zafira: minivan de 7 lugares tinha sistema prático de bancos que contribui com a versatilidade do modelo
Divulgação

Chevrolet Zafira: minivan de 7 lugares tinha sistema prático de bancos que contribui com a versatilidade do modelo

A Chevrolet Zafira , em 2001, foi fiel ao termo minivan, pois era a única no mercado brasileiro a oferecer capacidade para sete pessoas. Baseado na família Astra, o projeto assinado pela Porsche fez tanto sucesso no Brasil que nem mesmo a substituta Spin conseguiu superar.

Leia Também:  Volvo XC90 híbrido: SUV de luxo que faz 20 km/l na cidade

5 – Miura Saga

Miura Saga foi um dos poucos modelos que
Reprodução

Miura Saga foi um dos poucos modelos que “falava” com seu dono já entre o fim dos anos 80 e início dos 90

Quem quisesse exclusividade nos anos 80 e 90, os fora-de-série como o Miura Saga iam além: portas com controle remoto, coluna de direção e bancos elétricos, freios ABS… A expressão “só faltava falar” nem caberia, pois até isso tinha; um sintetizador de voz com um total de sete alertas falados.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

O mundo sobre rodas

Ducati inclui Urban Motard e 1100 Tribute Pro à linha 2022

Publicados

em


source


Ducati 1100 Tribute Pro, com detalhes retrôs, passa a fazer parte da linha 2022 da marca italiana
Divulgação

Ducati 1100 Tribute Pro, com detalhes retrôs, passa a fazer parte da linha 2022 da marca italiana

A Ducati acrescenta à sua extensa linha retrô Scrambler para 2022 os modelos 1100 Tribute Pro inspirado nos anos setenta e o Urban Motard, focado para a estrada.

As Ducati Scrambler  são motos ‘street’ ou de rua europeias adaptadas para uso na terra sem alteração de suspensão e isso elas têm de sobra.


1100 Tribute Pro não deixa o lado esportivo de lado com dupla saída de escape entre os principais detalhes
Divulgação

1100 Tribute Pro não deixa o lado esportivo de lado com dupla saída de escape entre os principais detalhes

A 1100 Tribute Pro , por exemplo foi lançada em reconhecimento aos 50 anos do motor V-twin refrigerador a ar da Ducati, que apareceram pela primeira vez em motos construídas em Bolonha, Itália, em 1971.

Embora possa ser projetada para se parecer com uma moto de cinco décadas atrás, é totalmente moderna por baixo, apresentando as mesmas especificações da Scrambler 1100 Pro , apresentada em 2020.

Leia Também:  Saiba detalhes da trajetória do saudoso Chevrolet Kadett

Leia Também

Leia Também

Prova disso é que essa 1100 Tribute Pro conta três modos de condução – cada um oferecendo uma quantidade diferente de potência e intervenção do sistema de controle de tração. Outros toques tecnológicos incluem iluminação LED e duplas pinças Brembo radiais e, claro, sistema de freios ABS.

O modelo está equipado com motor Euro5 de 1079 cc V-twin que gera 84,8 cv de potência a 7500 rpm e 9,19 kgfm de torque a 4750 rpm.

Urban Motard é outro modelo da linha 2022 com estilo nostálgico da fabricante com sede na Itália
Divulgação

Urban Motard é outro modelo da linha 2022 com estilo nostálgico da fabricante com sede na Itália

Além dela, a Ducati também lançou a Scrambler Urban Motard que se junta à família Scrambler 800 como um supermoto moderno e focado na estrada. Pesando 196 kg totalmente abastecido, é alimentado pelo mesmo motor twin de 803 cc do resto da gama e produz 73 cv a 8250 rpm e 6,71 kgfm de torque a 5.750 rpm. Assim como a 1100 Tribute Pro , esta também possui um chassi de treliça de aço.

Para conter todo o ímpeto esportivo da Ducari Urban Motard há discos perfurados nas ruas rodas com dimensões generosas
Divulgação

Para conter todo o ímpeto esportivo da Ducari Urban Motard há discos perfurados nas ruas rodas com dimensões generosas

Ambas estarão disponíveis no Reino Unido a partir de novembro de 2021 com preços de 11.995 libras esterlinas (R$ 90,860) para a 1100 Tribute Pro e 10.395 libras esterlinas (R$ 78.742) para a Urban Motard.

Leia Também:  Conheça o protetor de console ideal para preencher o vão entre os bancos
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA