O MICO DA MORADIA – Construtora Goldfarb/PDG denunciada por descaso para com clientes em Cuiabá. Segundo site, só nos Juizados Especiais, existem 165 ações contra a empresa, com diferentes reclamações

GOLDFARB/PDG

Construtora é o retrato do descaso com o cliente
Gabriela Sant’Ana

O sonho da casa própria muitas vezes se transforma em um pesadelo para muitas famílias, que após a compra do imóvel passam a ter muitos problemas, como é o caso da estudante A.F.P. Ela denunciou a reportagem que em 2010 comprou um apartamento da PDG, a maior empresa do setor imobiliário da América Latina e desde então sofre com o descaso por parte da construtora.

O imóvel fica localizado no Residencial Valência, no bairro Parque das Nações, em Cuiabá.

Em entrevista ao Mato Grosso, a estudante afirmou que o primeiro problema foi referente à entrega do imóvel cuja promessa da construtora era para dezembro de 2011. Ela fez planos, comprou móveis decorados e não tinha na onde colocá-los, gerando prejuízos financeiros.

“O que mais me dói é você trabalhar honestamente para arcar com suas responsabilidades, enquanto uma empresa que se coloca como a maior no setor imobiliário da América Latina não está nem aí para o cliente. É um descaso total, lastimável que isso aconteça”, disse.

Passados dois meses do período estipulado no contrato, a construtora iniciou a entrega das chaves – em fevereiro passado. No local sequer tinha energia elétrica e os primeiros moradores do empreendimento ficaram mais de duas semanas às escuras, por falta de comprometimento da construtora que deveria entregar tudo pronto.

Outro problema detectado foi na tubulação de gás que ao invés de ter sido feita com cobre foi feita com aço, devendo ser refeita. Além disso, muitos vazamentos foram detectados e o problema somente foi solucionado no final do mês passado, ou seja, os compradores dos imóveis ficaram oito meses sem o gás encanado – que é lhe direito e está previsto no contrato.

O interfone foi outro problema enfrentado pelos moradores. O Manual do Proprietário repassado pela PDG diz que a unidade foi entregue com um interfone devidamente instalado. No entanto, não condiz com a realidade. Os residentes ficaram mais de meses sem o equipamento e expostos a insegurança.

Além disso, as instalações telefônicas também trazem prejuízos aos moradores, uma vez que não há cabeamento no local e todos ficam impedidos de contratar serviços telefônicos e de internet.

O Manual do Proprietário novamente traz uma informação mentirosa, colocando que os apartamentos foram entregues com cabeamentos prontos para a utilização.

Ações na Justiça

Na tentativa de amenizar todos os prejuízos e problemas enfrentados, os moradores tem buscado guarida na Justiça. Um levantamento superficial feito pelo Mato Grosso Notícias mostra que apenas nos Juizados Especiais de Mato Grosso, tramitam 164 ações contra a empresa, com diferentes reclamações.

Dados PDG

De acordo com o site da empresa, a PDG atua em todos os segmentos, do alto luxo ao econômico, presente em 70 cidades, com mais de 100 mil unidades entregues em 14 estados brasileiros, além do Distrito Federal e Argentina.
A empresa participa da incorporação e construção de projetos, assim como na venda de empreendimentos residenciais, comerciais e loteamentos.

Outro lado

Por meio de nota, a PDG negou qualquer irregularidade. Confira a nota íntegra:

“A PDG, responsável pelo Residencial Valência, esclarece que a tubulação foi instalada conforme projeto aprovado para comportar a telefonia. A utilização de serviços como internet e TV a cabo são de responsabilidade do próprio condomínio”.

 

7 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 187.4.73.86 - Responder

    quero ver com voces como faço para entrar com denuncia contra a pdg fui lesado tambem

    • - IP 177.98.37.202 - Responder

      Comprei apto pronto,dei a entrada já faz 04 meses e 15 dias e até agora o banco não me chamou para assinar a documentação do financiamento!!!! O que faço agora? Me ajudem por favor.

  2. - IP 187.113.52.19 - Responder

    EU TB TO MUITO DESCONTENTE COM A PDG MORO EM CAMPO GRANDE MS E EM 2010 COMPREI UM IMOVEL NA PLANTA ONDE NO CONTRATO A ENTREGA ESTAVA PARA NOVEMBRO DE 2012. MAIS ISSO NAO O ACONTECEU ATÉ HOJE ESTOU AGUARDANDO A ENTREGA E NADA FIZEMOS A VISTORIA EM JUNHO A CASA TA PRONTA MAIS INFELISMENTE A PDG NÃO ENTREGA CADA HORA ELES TEM UMA DESCULPA… ENTREI COM PROCESSO CONTRA ELES POIS JA PAGUEI E QUERO MEU IMOVEL… NAO ACONSELHO NINGUEMA ADQUIR IMOVEL DA PDG MUITA FALTA DE COMPROMETIMENTO COM OS CLIENTES

  3. - IP 186.220.205.180 - Responder

    Só fazem 13 anos que entramos com uma ação , até hoje nada, ganhamos na primeira, só que agora não conseguimos citar a goldfarb, são invisível.

  4. - IP 201.45.56.19 - Responder

    é uma porcaria essa PDG, bairro longe pra caramba o transporte publico não passa no bairro não tem cabeamento para ter uma internet decente, meu Deus me arrependo amarga mente de ter comprado este apt

  5. - IP 201.23.164.145 - Responder

    Comprei um apt da pdg em 2010 o prazo final para entrega das chaves era julho de 2013 ja estamos em janeiro de 2014 e como sempre eles nos trata com descaso nao passam informações corretas por fim agora a vistoria dos reparos q pedimos ficou pronto porém eles nao tem data para a vistoria muita palhaçada

  6. - IP 201.17.108.79 - Responder

    Caros amigos. Processem a PDG em todos os sentidos. A entrega do meu apto em Niterói atrasou por 35 meses (previsão: abril 2010; entrega das chaves: março 2013). Estou processando esta famigerada empresa e exigindo uma grande indenização por danos materiais e morais. Paulo Almeida

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

um × 2 =