(65) 99638-6107

CUIABÁ

Brasil, mostra tua cara

MIRANDA MUNIZ: O PCdoB aprovou, no dia 29 de abril, como Resolução Política para fortalecer a luta contra o golpe, “que o povo seja chamado a decidir pelo melhor caminho para se restaurar a democracia”. E, para o PCdoB,“esse caminho são as eleições presidenciais diretas, já!” Tal proposta, que também já era defendida por setores do PSB, Rede, PMDB, entre outros, começou a ganhar simpatia de diversas organizações sociais e lideranças do campo democrático e popular.

Publicados

Brasil, mostra tua cara

a criança e dilma contra o golpe na pagina do enockDiretas, Já: Dilma dá xeque-mate no Golpe!

  • Miranda Muniz

O que o PCdoB e as forças democráticas e populares denunciavam há tempos, que o processo de impeachment da presidenta Dilma era um Golpe, a cada dia vai ficando mais claro, em especial, com os últimos diálogos entre o ex-senador tucano Sérgio Machado e diversos figurões da política.
Essa falta de argumento jurídico sólido ficou patente durante a votação na Câmara, onde prevaleceu um festival de imbecilidades do voto pela “minha família”, “meus filhos”, “meus netos”, “pela paz mundial”, “pela morena mais bonita do Brasil” entre outras pérolas digna de Big Brother. Já no Senado, para não repetir o vexame, foi o discurso do tal “conjunto da obra”.
Ou seja, querem afastar uma Presidenta, que obteve mais de 54 milhões de votos, não em função de crime de responsabilidade, mas sim por outros motivos, a maioria escusos.
Entretanto, o perfil sinistro dos ministros do golpista e impostor Temer, muitos dos quais atolados até o último fio de cabelo em corrupção e falcatruas, e sua sanha (e de seus aliados do PSDB, DEM, PPS, Solidariedade, entre outros) em desmontar conquistas sociais históricas, hipotecar a soberania da Nação, retroceder em avanços civilizacionais em relação às mulheres, à juventude, aos negros, aos índios às pessoas LGBT, entre outras, transformaram, em tempo record, o “Novo” Governo em peça de museu de maldades.
Por outro lado, é patente que o Governo Dilma encontrava-se em profundo isolamento, fornecendo o combustível que os golpistas desejavam. As derrotas acachapantes das votações das fases do impeachment na Câmara e no Senado não deixaram dúvidas.
Levando em conta tal situação, o PCdoB aprovou, no dia 29 de abril, como Resolução Política para fortalecer a luta contra o golpe, “que o povo seja chamado a decidir pelo melhor caminho para se restaurar a democracia”. E, para o PCdoB,“esse caminho são as eleições presidenciais diretas, já!”
Tal proposta, que também já era defendida por setores do PSB, Rede, PMDB, entre outros, começou a ganhar simpatia de diversas organizações sociais e lideranças do campo democrático e popular.
Finalmente ontem, 9.06, durante entrevista ao jornalista Luis Nassif, a presidenta Dilma também apontou esse caminho, caso o Golpe seja derrotado e ela vier a ser reconduzida à Presidência.
Para ela, recompor um pacto democrático que vem desde o processo constituinte de 1988 e que fora rompido com essa tentativa golpista em curso, exigirá que a população seja consultada, pois “a consulta popular é o único meio de lavar e enxaguar essa lambança que está sendo o governo Temer”.
Para os golpistas que, através do impeachment sem causa, pretendiam derrotar e desmoralizar a presidenta Dilma e, consequentemente, toda a esquerda, tal declaração soará como um verdadeiro xeque-mate. Afinal, no atual quadro de correção de forças desfavorável, tal proposta tem todas as condições de angariar apoios suficientes para derrotar o impeachment na votação final do Senado.
E, muito além da derrota do impeachment, o que certamente já está causando horripilantes pesadelos aos golpistas é o fato de que o Lulinha, mesmo sob fogo cruzado da maior artilharia nunca vista antes contra um Presidente, continua liderando as pesquisas de intenção de votos em todos os cenários.
Ou seja, no afã de derrotar a presidenta Dilma, os golpistas poderão levar um contra golpe e ainda ter que engolir, mais uma vez, o Lulinha, de novo!
miranda muniz pc do b na pagina do e
• Miranda Muniz – agrônomo, bacharel em direito, oficial de justiça-avaliador federal, dirigente da CTB/MT e presidente do PCdoB-Cuiabá.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  JOSÉ DOMINGUES: Golpe de 1964, comemorar o quê? O golpe em andamento?!

Propaganda
2 Comentários

2 Comments

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Brasil, mostra tua cara

Presidente diploma cadetes e fala sobre governo: “aqui é mais difícil”

Publicados

em


O presidente Jair Bolsonaro presidiu hoje (27) a cerimônia de formatura de 391 novos aspirantes a oficial do Exército na Academia Militar das Agulhas Negras (Aman), em Resende sul do Rio de Janeiro. Bolsonaro fez um discurso de improviso à tropa e evitou falar de política. 

Durante a fala, o presidente relembrou os quatro anos necessários para a conclusão do curso e comparou a jornada à da presidência. “Eu até hoje guardo os ensinamentos que aqui aprendi. Nos momentos difíceis a frente da Presidência da República  eu vejo o que passei por aqui e me conformo dizendo: aqui foi mais difícil.” 

Bolsonaro também exaltou as 23 mulheres que integram a turma e que se formam “mostrando para todos nós que quem tem garra, determinação, força de vontade, coragem e fé consegue atingir os seus objetivos. Parabéns a vocês todas.”  

O presidente atribuiu ao Exército Brasileiro suas conquistas pessoais. “Esta formação marca a vida de todos nós. Essa formação nos fará vencer obstáculos. Lembrem-se de uma coisa: o que for possível nós faremos, o que não for, entregaremos nas mãos de Deus; Ele no dia a dia nos dá exemplos de superação”, afirmou.

Leia Também:  JOSÉ DOMINGUES: Golpe de 1964, comemorar o quê? O golpe em andamento?!

Jair Bolsonaro também afirmou que é papel dos formandos defender a democracia brasileira e a liberdade, além de frisar a necessidade de respeito pela Constituição. “Nós atingiremos o nosso objetivo, que é o bem estar de toda a nossa população.”

Além da defesa de valores, Bolsonaro também discursou sobre a amizade e o companheirismo entre integrantes das Forças Armadas. “Sem gratidão não chegaremos a lugar algum. Quem esquece o seu passado está condenado a não ter futuro”, frisou.

Duque de Caxias, patrono do Exército Brasileiro, também foi exaltado durante a fala. ”Um homem exemplo para todos nós. E digo a vocês: quem fará o futuro da nossa pátria não será um homem ou uma mulher. Seremos todos nós, 210 milhões de habitantes.”

Duração

Sob sol forte, a cerimônia de formatura dos 391 novos aspirantes a oficial do Exército durou aproximadamente 1h30. No moimento dos aspirantes receberem a espada de Duque de Caxias, Bolsonaro desceu do palanque das autoridades e foi cumprimentar e tirar fotos com familiares de formandos. Ele ficou cerca de 20 minutos no pátio.

Leia Também:  SÁGUAS MORAES: A presidente Dilma não disse em nenhum momento que não aumentaria o preço da gasolina, porque em qualquer país do mundo há aumento de preços de combustíveis ou de quaisquer outros produtos, uma vez que não se trabalha com o compromisso de inflação zero. Mas em 2002 o preço da gasolina era de R$ 2,25 por litro e o salário mínimo era de R$ 200, que comprava 89 litros. Com o aumento dado agora, em média nacional de R$ 3 por litro, e com o salário mínimo de R$ 724 é possível comprar 241 litros

Na cerimônia também estavam presentes, o vice-presidente Hamilton Mourão, o ministro da Defesa, Walter Braga Netto e os comandantes das três Forças, além de generais.

Edição: Pedro Ivo de Oliveira

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA