(65) 99638-6107

CUIABÁ

Brasil, mostra tua cara

José Moreno, Pio e Maurício Aude debatendo cara a cara

Publicados

Brasil, mostra tua cara

Na reta final da campanha para renovação do comando da OAB, chegou a hora dos debates. Hora de testar os argumen tos dos candidatos Maurício Aude, José Moreno e Pio da Silva.
Acho que o melhor espaço será o desta quarta-feira, a partir das 19 horas, numa iniciativa do Movimento OAB Jovem e Independente, lá no auditório da Assembléia Legislativa. Advogados que ainda não entenderam direito o que está acontecendo devem ficar atentos e é importante que compareçam ao debate na Assembléia. Há possibilidade do debate ser transmitido, ao vivo, pela TV Assembléia.
A televisão será o grande espaço de informação, nesta reta final. O debate desta terça-feira, a partir das 21 horas, será na TV Cuiabá, canal 47, com mediação do jornalista Onofre Junior. Na quinta-feira, o debate acontece na TV Rondon, canal 5, a partir das 11h30.
Além das propostas programáticos, o debate ao vivo oferece sempre a oportunidade de testar o equilíbrio dos oponentes. E conferir detalhes dos enfrentamentos que tem marcado as campanhas dos três candidatos como no caso da inesperada visita de Pio da Silva ao escritório do Faiad, a campanha regular ou não que é feita através dos e-mails das subseções, o uso da máquina da entidade na disputa, os gastos volumosos de campanha, o impacto das denuncias sobre fraudes em licitações, a ingerencia político-partidária na OAB, a atuação de Aude na defesa de magistrados e seus ataques à OAB em ações que correm na Justiça Federal, a briga de egos das mais diferentes personalidades da advocacia durante a formação da chapa 2 e tudo mais que o questionamento da categoria fizer aflorar.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Medida provisória estabelece novas regras para o SIM Digital

Propaganda
1 comentário

1 comentário

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Brasil, mostra tua cara

Agência Brasil explica: quem pode ser candidato no Brasil

Publicados

em

Este ano, os eleitores brasileiros voltarão às urnas para eleger o presidente da República, deputados federais, estaduais e distritais, senadores e governadores. Para concorrer aos cargos eletivos, todos os cidadãos podem participar da disputa, mas devem se enquadrar nas regras estabelecidas pela Constituição e pela legislação eleitoral. 

Para registrar as candidaturas na Justiça Eleitoral, os candidatos devem ter nacionalidade brasileira, estar em pleno exercício dos direitos políticos e devem ter domicílio eleitoral no local da eleição um ano antes do pleito, estando filiados a um partido político pelos menos seis meses antes das eleições. 

A idade mínima para candidatura também deve ser respeitada. Os candidatos para os cargos de presidente da República, vice-presidente e senador devem ter 35 anos na data da posse. Para os cargos de governador e vice a idade mínima é de 30 anos, e de 21 anos para quem vai concorrer aos cargos de deputado federal, estadual ou distrital. 

Ficha limpa

A Lei da Ficha Limpa também deve ser observada para quem pretende concorrer ao pleito. A norma entrou em vigor em 2010 para barrar a candidatura de condenados por órgãos colegiados por oito anos. 

Leia Também:  PT, PC DO B, PSOL, PROS, PCB, PCO, PSB e PDT se juntam para derrotar Bolsonaro em Mato Grosso

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro de 2022. O eventual segundo turno para votação aos cargos de presidente e governador será no dia 30 do mesmo mês. A diplomação dos eleitos ocorrerá até 19 de dezembro do ano que vem.

Edição: Kleber Sampaio

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA