Mauro Zaque quer saber se o advogado Marcelo Farias Santos de Almeida é funcionário fantasma na Assembleia, nomeado por Baiano Fiho, ganhando 8,8 mil, sem nunca ter ido trabalhar

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

MP investiga funcionário fantasma em gabinete de deputado do PSDB em MT

Promotor de Justiça, Mauro Zaque, que instaurou inquérito civil

ALEXANDRE APRÁ ALEXANDRE APRÁ

Jornalista, diretor do blog Isso É Notícia

O promotor Mauro Zaque, do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa do Ministério Público Estadual de Mato Grosso, instaurou um inquérito civil para investigar a existência de um funcionário fantasma dentro do gabinete do deputado estadual Baiano Filho (PSDB).

Por mês, ele receberia cerca de R$ 8,8 mil dos cofres públicos.

A portaria de instauração de inquérito foi publicada no último dia 22 e narra que o técnico administrativo Marcelo Farias Santos de Almeida seria um advogado com escritório em Barra do Garças, mas, que nunca teria ido trabalhar na Assembleia.

O promotor requereu ao departamento pessoal do Legislativo que forneça o registro de pontos do servidor que teria ficado, segundo documentos anexos, à disposição do gabinete do deputado tucano entre os anos de 2014 e 2016.

Marcelo já é alvo de uma ação civil pública movida pelo MPE que questiona a concessão de estabilidade no cargo de técnico administrativo da Casa. Desta vez, o novo inquérito investiga a prática de descumprimento de dever funcional e eventual enriquecimento ilícito.

O promotor ainda requereu ao próprio deputado que apresente planos e relatórios de trabalho do servidor.

Atualmente, o servidor aparece como lotado junto à Secretaria de Gestão de Pessoas da Assembleia. Curiosamente, o órgão é gerido por Elias Santos, irmão do deputado estadual Wilson Santos, que também é do PSDB.

Nos últimos meses, a Assembleia fez descontos em razão de falta. Os holerites deve março e abril já teriam sido expedidos “zerados”. Com isso, o MP requereu ao Legislativo se instaurou Processo Administrativo Disciplinar (PAD) por abandono de emprego.

1 Comentário

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 189.31.152.13 - Responder

    Ocorreu alguma mutação genética que desconheço? Tucano virou ave de rapina ou aprendeu a gostar de dinheiro e mutreta?

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

10 + dez =