Matéria do Olhar Direto trata da candidatura de José Moreno mas destaca que nome de Luciana Serafim é “o mais bem visto”

Luciana Serafim com o advogado Renato Nery, ex-presidente e conselheiro vitalício da OAB em Mato Grosso

Curioso o nosso jornalismo. Há fatos que se impõe em meio ao noticiário. Constatei isso, nesta terça-feira, lendo matéria do Olhar Direto que falava de uma nova candidatura à presidencia da OAB, a candidatura do advogado José Moreno. Só que, no final da matéria, o repórter parece que não se conteve e tacou lá que bem visto mesmo, entre os opositores é o nome da advogada Luciana Serafim, a primeira candidata a se lançar na disputa. Curioso, não? O nome de Luciana é um nome que se impõe. Confira o que o Olhar Direto publicou – eu destaquei o texto sobre a Luciana em vermelho. (EC)

Candidatura de Moreno à OAB ganha corpo e adesão de ícone da oposição

Da Redação – Olhar Direto

http://www.olharjuridico.com.br/noticias/exibir.asp?noticia=Candidatura_de_Moreno_a_OAB_ganha_adesao_de_Schneider&id=1338

A campanha do advogado José Moreno, que recentemente lançou-se na disputa pela presidência da Ordem dos Advogados do Brasil – seccional Mato Grosso (OAB-MT), começa a ganhar corpo e nos bastidores ele articula forte apoio de ícones da oposição aos grupo situacionista para viabilização de sua candidatura.

Nesta segunda-feira (13), Moreno conseguiu o apoio de Fábio Schneider, grande opositor ao atual grupo que preside a Instituição e que chegou inclusive a disputar a eleição contra o antecessor de Cláudio Stábile, Francisco Faiad.

Paulo Taques e José Moreno articulam sucessão da OAB-MT

“Meu apoio ao Moreno é justamente no sentido de que a AOB é de todos os advogados e não só deste determinado grupo que ocupa o poder há anos e nada faz pela classe”, destacou Schneider.

Atualmente, além das articulações encabeçadas por José Moreno, se intitulam como candidatos da oposição a advogada Luciana Serafim e o advogado Pio da Silva. Sendo que o nome de Serafim surge como o mais bem visto entre os opositores à atual gestão do presidente Stábile.

Moreno defende a moralização da forma de administrar a Ordem e a instituição não se torne extensão do escritório de quem a presidir.

Categorias:Cidadania

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

1 × 4 =