(65) 99638-6107

CUIABÁ

Brasil, mostra tua cara

Candidato derrotado assume prefeitura de Comodoro. Confira a sentença do juiz eleitoral Adão Barbosa, que cassou a prefeita Marlise Marques por compra de votos

Publicados

Brasil, mostra tua cara

Pagina Do e Tremt – Juiz Eleitoral Almir Barbosa Cassa Prefeito de Comodoro by Enock Cavalcanti


Candidato derrotado assume prefeitura de Comodoro.
EDUARDO GOMES
MT AQUI
 
Três prefeitos eleitos em outubro do ano passado, perderam o cargo em Mato Grosso. Em Comodoro, o derrotado Marcelo Beduschi/PT (nesta foto) assumirá a prefeitura, com a cassação da prefeita Marlise Marques, que venceu a eleição.
A situação em Comodoro é semelhante ao que acontece em Juara e Glória D’Oeste.
Em Juara, o candidato mais votado foi Oscar Bezerra (PSB), que é duplamente ficha suja e foi impedido de assumir o cargo. Com isso o presidente da Câmara, Lourival de Souza Rocha, o Lorão Macarena (PSD), assumiu a prefeitura e administrará o município até a realização de eleição suplementar e a diplomação e posse do novo prefeito.
No dia 21, em Glória D’Oeste, Nilton Borgato (PP) e seu vice Gean Carlos Alves (PSB) perderam seus mandatos, porque Borgato é ficha suja e concorreu ao pleito sub judice. O presidente da Câmara, Edimar Teixeira Ramos (PP), assume o município até a posse do prefeito que será escolhido em eleição suplementar.
Ontem, em Comodoro, Marlise Marques Moraes (PR) e seu vice Egídio Alves Rigo (DEM) foram cassados pelo juiz da 61ª Zona Eleitoral por compra de votos. Com essa decisão Beduschi e seu vice Djon Carlos Brandão (PSD) assumirão a prefeitura tão logo a prefeita cassada seja notificada.
A posse do segundo colocado na votação para prefeito de Comodoro acontece porque Marlise recebeu 48,39% dos votos válidos (4.832 votos) e sua votação não alcançou 50% mais um, o que se houvesse acontecido provocaria eleição suplementar, precedida da posse do presidente da Câmara na prefeitura, até a realização do pleito.
O advogado Marcelo Beduschi era prefeito e concorreu a novo mandado recebendo 3.793 votos. Também concorreram ao cargo Climério Ribeiro/PDT com 1.113 votos e Valdeir Vieira/PV com 244 votos.
A assessoria de Marlise revela que ela recorrerá da sentença.
ATIPICIDADE
Em Cuiabá, o vice-prefeito eleito João Malheiros (PR) não assumiu o cargo conquistado em segundo turno, optando por continuar deputado estadual. Malheiros não apresentou argumentos para essa decisão. Com isso, o prefeito Mauro Mendes (PSB) administra o município sem vice-prefeito.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  STF abre polêmica sobre lavagem de dinheiro. Ministro Marco Aurélio apontou para "equívoco" da Corte ao condenar um mesmo acusado por dois crimes, corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Alerta abriu polêmica entre juristas, advogados, procuradores e delegados, atentos às tendências do STF

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Brasil, mostra tua cara

Roberto Jefferson registra candidatura à Presidência no TSE

Publicados

em

O ex-deputado Roberto Jefferson (PTB) apresentou hoje (12) registro de candidatura à Presidência da República no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A chapa terá Padre Kelmon, do mesmo partido, como candidato à vice-presidente.

Jefferson declarou à Justiça Eleitoral lista de bens avaliados em R$ 745 mil – valor investido em aplicações financeiras. Kelmon declarou R$ 8,5 mil aplicados em caderneta de poupança.

Na proposta de governo enviada ao TSE, a chapa defende a liberdade como princípio fundamental, direito à legítima defesa, ao porte de arma de fogo, a criminalização da “cristofobia”, o agravamento da pedofilia como crime hediondo e a proibição da legalização, venda e cultivo da maconha.

Na educação, os candidatos defendem a remuneração digna aos professores, ensino universitário gratuito, mas reembolsado pelos formados, e a erradicação do analfabetismo.

No meio-ambiente, propõe a exploração racional dos recursos naturais e equilíbrio entre desenvolvimento econômico e proteção à natureza.

Até o momento, o TSE recebeu 11 pedidos de registros de candidatura à Presidência. Para os cargos de deputado estadual, federal, distrital, senador e governador, o registro é realizado nos tribunais regionais eleitorais.

Leia Também:  Juiz Jamilson Haddad defende no Senado, nesta terça, inclusão, no Código Penal, do feminicídio como circunstância qualificadora do crime de homicídio. É o único magistrado brasileiro convidado para participar dos debates na Comissão de Constituição e Justiça que reunirão autoridades nacionais e internacionais.

O pedido de registro é uma formalidade necessária para que a Justiça Eleitoral possa verificar se os candidatos têm alguma restrição legal e não podem concorrer às eleições de outubro.

Edição: Pedro Ivo de Oliveira

Fonte: EBC Política Nacional

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA