Leandro Nascimento critica greve dos servidores em Vila Rica, MT

Um soco na cara por incompetentes e politiqueiros
por Leandro Nascimento

Primeiro quero explicar que não sou contra nenhuma manifestação popular desde que a mesma esteja dentro da lei e seja de forma organizada, ordeira e seja acima de tudo uma manifestação CERTA. Segundo, não sou a favor ou contra nenhum prefeito, mas sim a favor as coisas feitas de forma corretas e contra os atos de corrupção e ações que não colaboram com a democracia.

O prefeito de Vila Rica (1.300 km de Cuiabá a Nordeste de Mato Grosso), Naftaly Calisto, o Calistão entrou em um problema administrativo muito grande, pois ele já está no vermelho com o valor gasto com o funcionalismo público, ou seja, 54% da arrecadação já esta sendo investido na folha.

E segundo a LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal) esse é o valor máximo que um gestor pode gastar com a folha, porém o Artigo 37 da Constituição Federal rege que o gestor deve anualmente fazer a revisão geral dos salários dos servidores sem distinção de índices.

Uma verdadeira faca de dois gumes, há mais de uma semana em greve os servidores que são comandados pela presidente do Sindicato dos Servidores Públicos, Ivete Bonavigo, que também é Controladora Interna da Prefeitura Municipal de Vila e alertou a administração em fevereiro que deveria cumprir a LRF e tomar cuidado com a folha de pagamento que está muito alta no município, extrapolando os 54%.

Em conversa com um vereador do município entendemos que a situação do município é devido às leis mal geridas e editadas no passado e que o município precisa urgentemente de uma reforma de gestão, pois cargos como de diretores de escolas, coordenadores entre outros tem um aumento superior a 60% do valor sobre o salário real, o que ocasiona poucos ganhando muito e muitos ganhando pouco e extrapolando os índices da LEI.

Sabedores dessas questões classifico a greve dos servidores de Vila Rica como comandada por incompetentes e politiqueiros que estão usando o período pré-eleitoral para fazer barganha, ou simplesmente fazer uma pré-campanha de tampão, isso é inadmissível.

O prefeito Calistão recebeu no final do seu mandado que foi considerado em 2011 como a 8ª melhor gestão do Estado, um verdadeiro “soco” na cara por incompetentes e poliqueiros que querem usa-lo como “boi de piranha”, isso não pode acontecer, pois bons administradores no meio deste mundo político estão muito difíceis de encontrar e sacrificar um homem pelos erros dos outros não é CERTO.

Calistão durante seus quase quatro anos nunca atrasou um salário dos servidores, nunca atrasou pagamentos de fornecedores e ainda conseguiu fazer inúmeras obras, como o caso de estar deixando a cidade com 100% de água tratada, isso é boa administração, isso é gestão.

Portando vejo que é o momento de fazer uma reforma administrativa no município e para isso precisa se unir os vereadores, prefeito, representantes de classe para que o município continue ganhando e não paralise pelo egoísmo de algumas pessoas que só querem fazer politicagens.

Leandro Nascimento é jornalista em Mato Grosso e Editor do site BBnews

Categorias:Plantão

1 Comentário

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 177.26.235.246 - Responder

    olha quem merece este soco na cara ea adiministraçao da cidade, pois sobrecarregou a folha de pagamento com cargos de confiança, sendo estes boa parte desnecessarios e inuteis. e sobre a aqua tratada quero que vc va ate o municipo e tente beber essa agua de qualedide duvidoza que nao serve nem para lavar roupa munito menos para bebe.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

dezoito − dezessete =