PREFEITURA SANEAMENTO

LAÍSE LUCATELLI: Percival Muniz, prefeito de Rondonópolis e líder do PPS, diz que “magoas e revoltas” marcam as reuniões da candidatura de Pedro Taques a governador. “Tem que tomar cuidado para não começar grande e terminar pequeno” – alerta Percival

Falta construir unidade no grupo de Taques, diz Percival

Prefeito diz que falta superar questões nas reuniões do bloco

 

O prefeito Percival Muniz prega construção da unidade

LAÍSE LUCATELLI
DO MIDIANEWS

O presidente regional do PPS, o prefeito de Rondonópolis Percival Muniz, cobrou a construção de uma unidade no grupo que sustenta a pré-candidatura do senador Pedro Taques (PDT) ao Governo do Estado. Na avaliação do dirigente, tem havido muito conflito de opiniões e pouco entendimento, sem superação das questões.

Atualmente, o grupo é formado pelo PDT, PPS, PSB, PV, PSDB, DEM e PTB. Entre os pontos de conflito, estão a formação da chapa majoritária – vice-governador e senador – e a possibilidade de adesão do PR ao grupo.

“A primeira tarefa é construir a unidade dos partidos. Não é simplesmente reunir os partidos. É deixar cada um mais contente do que estava, aparar arestas, para não formar uma confederação de opiniões. Está faltando construir essa unidade. Resolver a questão da chapa majoritária, definir critérios. Por exemplo, se convida o PR ou não. Mas o PR não vai largar o governo. Então vamos aceitar o PR com governo e tudo ou construir outra alternativa”, disse.

“A primeira tarefa é construir a unidade dos partidos. Não é simplesmente reunir os partidos. É deixar cada um mais contente do que estava, aparar arestas”

“Eu sinto que todo mundo tem vontade de estar junto, mas as questões não estão sendo superadas. Eu tenho cobrado isso porque não sinto progresso nas reuniões. Elas não avançam, e viraram um depositário de mágoas e revoltas. Reuniões têm que ter superação, com argumentos, convencimento e diálogo. No grupo, cada um tem uma visão, mas tem que ver o que nos une e definir um caminho”, completou.

Ele afirmou que não existe eleição fácil, e que é preciso construir as candidaturas de modo que a cada dia as partes estejam maior que no anterior. Mas o Pedro vai saber conduzir esse processo. Ele está se esforçando e tendo paciência”, disse.

Categorias:Jogo do Poder

1 Comentário

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 189.59.35.49 - Responder

    Percival devia ficar em Rondonópolis e começar a trabalhar. Anda muito preguiçoso. Em um ano de mandato como prefeito, conseguiu ser pior do que o Zé do Pátio. Daqui a pouco vamos ter que fazer um movimento – FORA PERCIVAL E DEUS NÃO HÁ DE DEIXAR O ZÉ VOLTAR.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

11 + 6 =