PREFEITURA SANEAMENTO

Juiz Marco Canavarros dos Santos, de S. Félix do Araguaia, responderá a processo administrativo no Tribunal de Justiça por atuar como engavetador de processos e fazer gazeta no trabalho. Sindicância foi comandada pelo corregedor Sebastião de Moraes. Não é a 1ª vez que Canavarros é denunciado em seu possível desleixo profissional

O corregedor Sebastião de Moraes Filho  e o juiz Marco Canavarros dos Santos: Tribunal de Justiça de Mato Grosso investiga se São Félix do Araguaia tem magistrado gazeteiro.

O corregedor Sebastião de Moraes Filho e o juiz Marco Canavarros dos Santos: Tribunal de Justiça de Mato Grosso investiga se São Félix do Araguaia tem magistrado gazeteiro.

PAD NO TJ
Juiz é investigado por demora excessiva nos processos

Antonielle Costa
MATO GROSSO NOTICIAS

O Pleno do Tribunal de Justiça decidiu ontem (18), pela abertura de Processo Administrativo Disciplinar (PAD) contra o juiz Marco Antonio Canavarros dos Santos, da Comarcada de São Felix do Araguaia, por excessiva demora na prestação jurisdicional e ausência injustificada durante o expediente regular na comarca.

A sindicância relatada pelo desembargador Sebastião de Moraes se deu após duas reclamações interpostas em 2011 por uma advogada que atua em São Felix do Araguaia.

Em um dos documentos ela pontuou que o magistrado já chegou a permanecer com processo em seu gabinete para despacho dois anos e demorar nove meses para analisar um pedido de liminar em mandado de segurança.

No outro, a reclamação era de que o juiz se recusou a fazer uma audiência estando as parte e as testemunhas presentes, alegando que havia adiado por que na data iria fazer um curso na Capital.

Ocorre que por outros motivos ele não se ausentou da Comarca e mesmo estando no fórum decidiu por não fazer a audiência, sob alegação que já havia sido redesignada – enquanto o não tinha feito.

Durante a instrução da sindicância, o juiz refutou as acusações e requereu a improcedência do procedimento, bem como seu arquivamento sem apontamento em seu registros funcionais.

O corregedor Sebastião de Moraes Filho  e o juiz Marco Canavarros dos Santos: Tribunal de Justiça de Mato Grosso investiga se São Félix do Araguaia tem magistrado gazeteiro.

O corregedor Sebastião de Moraes Filho e o juiz Marco Canavarros dos Santos: Tribunal de Justiça de Mato Grosso investiga se São Félix do Araguaia tem magistrado gazeteiro.

No entanto, o corregedor entendeu que a conduta do magistrado violou seus deveres funcionais conforme determina a Lei Orgânica da Magistratura (Loman).

“O que se tem nos autos é que o juiz contribuiu de forma decisiva para o atraso da prestação jurisdicional, tendo em vista que um processo permaneceu paralisado por quase dois anos sem qualquer justificativa plausível para tal. Por outro lado deixou de realizar audiência marcada para qual partes e testemunhas compareceram quando se encontrava no recinto forense, conduta que é no mínimo reprovável”, disse o relator em seu voto.

Na sessão, o desembargador Orlando Perri lembrou que quando foi corregedor relatou duas sindicâncias contra o mesmo magistrado e pelos mesmos motivos, pontuando que nunca foi tomada nenhuma providência por parte do tribunal.

O voto de Moraes pela abertura do PAD foi acompanhando por unanimidade.

O processo será relatado pela desembargadora Marilsen Addario e cópias dos autos serão remetidas ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ), num prazo de 15 dias.

13 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 187.5.109.196 - Responder

    Vai trabalhar Pitu, não nos decepcione…

  2. - IP 177.5.233.118 - Responder

    – Quem era o corregedor em 2011 e 2012…? Não fez nada porque? Esse não deveria ser um problema já resolvido…?

  3. - IP 190.153.25.212 - Responder

    SER[A QUE FORAM ENCONTRADAS NO PAD CERTIDOES EXPEDIDAS PELA SECRETARIA, PARA EFEITO DE PROMOCAO, ATESTANDO QUE REFERIDO MAGISTRADO, ORA INVESTIGADO NUNCA DEU CAUSA ADIAMENTO DE AUDIENCIAS INJUSTIFICADAMENTE, O QUE TORNOU-SE CURRIQUEIRO NO JUDICIARIO MATO-GROSSENSE. ENTENDO QUE O CARGO DE GESTOR EM SECRETARIAS JAMAIS DEVERA SER DE CONFIANCA, POIS EM ASSIM SENDO, O OCUPANTE DO REFERIDO CARGO TORNA-SE PRESA FACIL E SEMPRE DIZ O QUE O MAGISTRADO QUER. ISSO DEVE SER REPENSADO PARA O BEM DE TODOS, INCLUSIVE DOS ADVOGADOS QUE MILITAM E PARTES. FAZ PARTE DA LISURA, DA TRANSPARENCIA.

  4. - IP 177.193.137.195 - Responder

    Dr Marcos Canavarros é um Juiz eficiente ,dinâmico.Homem integro,bom pai ,sempre batalhou para chegar onde se encontra .Aluno exemplar da ETF/MT e UFMT.Com certeza o TJMT apurará que tudo não passa de persiguição contra sua pessoa .Conhecemos o trabalho do jovem magistrado,e discordamos da alegação de que o mesmo não trabalha . Quando estivemos nas comarcas de Barra do Garças,Novo São Joaquim,Tangará da Serra , comarcas onde o mesmo jurisdicionou sempre fomos atendidos,bem como outros advogados que ai se encontravam.Dr Marcos Canavarros que Deus abençõe voce e sua familia.

    • - IP 187.54.245.127 - Responder

      O CASO AQUI NÃO É DE FAMÍLIA, É DE VERGONHA NA CARA. SÃO FÉLIX PASSOU 4 ANOS SEM PRESTAÇÃO JURISDICIONAL ENQUANTO TOMAVA WISK E OUTRAS COSITAS MAIS… UM ATRASO PARA O JUDICIÁRIO… DEVERIA SER BANIDO DO QUADRO. FALAR EM BOM PAI, ONDE ESTÃO OS FILHO QUE EM SÃO FÉLIX, EM 4 ANOS, NINGUEM CONHECE…. ME POUPE DE SUAS LAMÚRIAS!!!!

  5. - IP 189.0.209.216 - Responder

    Que é isso “Cuca”? Olha o respeito…Pitu não, DR. PITU.

    • - IP 187.5.109.196 - Responder

      Isso Ademar, Dr. Pitu…vaiiii trabalhar Dr. Pitu !!!!!

  6. - IP 177.132.240.6 - Responder

    É oportunista o comentário do senhor Bráulio (suposto). Pesquise a produtividade, veja se São Félix ficou 4 anos sem prestação jurisdicional. Quem fala isso se esquece o quanto foi beneficiado pelo trabalho e pela equipe. Falar de filhos, uísque e tudo mais, só se presta a difamação. Ninguém comenta o trabalho além do expediente. Infelizmente, mérito nenhum. Fico triste com tanta mentira e injustiça.

    • - IP 187.54.243.166 - Responder

      TÁ TENDO TEMPO HEIM? VAI TRABALHAR E PENSAR NA SUA DEFESA E DEIXA O POVO FALAR O QUE PENSA!!! SFA JÁ SE VIU LIVRE DA SUA POSE! SUA ARROGÂNCIA! O ESTADO DE MT ESPERA O MESMO! VAMOS VER SE O TJ E O CNJ É SÉRIO AGORA!!!

  7. - IP 189.73.252.209 - Responder

    Infelizmente a falta de comprometimento prejudica não apenas os advogados, como toda a Sociedade!
    Tristeeeeeeeeeeee…………….

  8. - IP 197.148.20.145 - Responder

    Tive o desprazer de ter um caso julgado pelo Senhore Meritíssimo Juiz Marco Canavarros dos Santos e posso afirmar, o mesmo analisa os processos com o mesmo critério e cuidado que usa aos escolher suas cuecas. Total descaso e desrespeito com os cidadãos que pagam o seu salário.
    Homem íntegro? Bom pai? Horas, se os seus filhos tiverem o mínimo de decência/consciência terão vergonha ter tido seus estudos custeados por um homem que defeca nos processos/cabeças dos cidadãos brasileiros.

  9. - IP 197.148.20.145 - Responder

    Revendo os comentários, pude identificar a sua ironia quando ao “suposto Bráulio”. Eu não sei quem é o Bráulio e nem qual é a história dele com o senhor, mas eu também acredito que o nome verdadeiro dele não é Bráulio. Agora, irei deixar o polimento de lado e ser claro e direto com o senhor:

    Através de uma justiça decadente, figuras do executivo, legislativo e judiciário sempre oprimiram as pessoas. “Isso é calúnia daqui, isso é difamação de lá, vou te processar a co lá”. Só que agora seu filho da puta, seu vagabundo, nós temos a internet, aqui ninguém nos cala. Um dia, seus filhos, netos e bisnetos irão procurar pelo seu nome no Google e terão acesso a tudo isso, esse é o seu legado. É isso o que eu quero, deixar vagabundos como você com o cú na mão, com a certeza de que as suas cagadas serão devidamente registradas para o posteridade.

    Sem mais,
    Vulgo Pereira Barreto

  10. - IP 201.24.227.232 - Responder

    Este cidadão que se diz juiz, Marco Antonio Canavarros, acabou com o Juizado Especial Cível de Tangara da Serra/MT., pois esteve lá uma boa temporada e nada fez, deixou uma grande acumulação e trabalho para o Juíz que o substituiu, portanto, o Tribunal do Mato Grosso, deveria a muito tempo ter afastado este sujeito, que não trabalha e prejudica a vida de que precisa do Judiciário, mas tem que ser breve para não prejudicar mais.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

3 × 5 =