Juiz Luiz Otávio Marques condena União Transporte a pagar R$ 14.800 de indenização por danos morais à cidadã Katia Cardoso Leandro, portadora de necessidades especiais, que foi humilhada por um funcionário da empresa ao ter dificuldade de descer de um ônibus no Terminal André Maggi, em Várzea Grande. LEIA A DECISÃO

Juiz Luiz Otávio Marques condena União Transporte por humilhar passageira PNE by Enock Cavalcanti

 O juiz Luiz Otávio Marques reconheceu que as humilhações impostas por uma trocadora da União Transporte a uma cidadã portadora de necessidades especiais deve ser punida para que isso leve a empresa a fiscalizar e orientar melhor o atendimento que oferta aos passageiros que optam por suas linhas de ônibus


O juiz Luiz Otávio Marques reconheceu que as humilhações impostas por uma trocadora da União Transporte a uma cidadã portadora de necessidades especiais deve ser punida para que isso leve a empresa a fiscalizar e orientar melhor o atendimento que oferta aos passageiros que optam por suas linhas de ônibus

A União Transporte e Turismo Ltda terá que indenizar em R$ 14.480,00 a título de dano moral, uma passageira portadora de necessidade especial que foi humilhada por uma funcionária da empresa, por ter dificuldades em descer do ônibus. A decisão é do juiz da Terceira Vara Cível da Comarca de Várzea Grande, Luiz Otávio Pereira Marques.

De acordo com os autos, no dia 12 de abril de 2010, a passageira pegou um ônibus no Terminal André Maggi para se dirigir até uma agência bancária, pegando o ônibus 07133, da União Transporte.

Ao se aproximar do seu destino a passageira afirma que solicitou a cobradora para que a ajudasse a descer do ônibus utilizando o elevador. No entanto, a funcionária da empresa disse em alto e bom som “que a requerida não precisava utilizar o elevador, pois aquele era só para cadeirantes e a mesma poderia usar a escada”.

A passageira explicou a sua condição física à cobradora, informando que por ter sofrido um acidente de moto e ter ficado com seqüelas não conseguia colocar a perna no chão. A funcionária, porém, abriu os braços e disse “vem, vem, pode descer, você não tem nada não”. Enquanto isso, os demais passageiros do ônibus riam de sua condição física. Uma pessoa sensibilizada com a situação ajudou a passageira a descer do veículo.

Diante das humilhações sofridas a usuária do transporte público resolveu ingressar com uma ação por danos morais contra a empresa. Uma testemunha confirmou o ocorrido e disse que a passageira ainda tentou descer pela escada do ônibus sentada, mas não conseguiu.

“Dessa sorte, inarredável o dever de indenizar a autora pelos prejuízos por esta suportado em decorrência dos constrangimentos realizados pela funcionária da requerida, bem como pela má prestação de serviços, já que este não agiu com a diligência necessária para a preservação da integridade psíquica de seu cliente”.

FONTE TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MATO GROSSO

4 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 179.253.185.70 - Responder

    Fez-se justiça. Funcionários mal preparados dão prejuizo aos patrões.

    Em tempo: A expressão “Portador de Necessidades Especiais” não existe mais . Desde 2008 , convenciou-se em nível mundial e pela ONU , que a nomeclatura correta é PESSOA COM DEFICIENCIA ( daí complementa-se: Auditiva, motora, inetelectual , visual……)

  2. - IP 177.193.170.65 - Responder

    ESSE JUIZ AI NÃO É FILHO DO JOÃO PEDRO MARQUES? SE É DISPENSA COMENTÁRIOS, AFINAL TODO MUNDO SABE EM CUIABÁ QUAL ERA O “SERVICINHO”DO PAI DELE. SERÁ QUE ALGUÉM SABENDO QUEM É O PAI ACEITARÁ UMA DECISÃO DELE? DUVIDO!!

  3. - IP 177.64.241.193 - Responder

    quando é que será aberta a caixa preta do transporte coletivo em mato grosso? alguém me disse que essa união é controlada pelo irmão de um deputado portador de necessidade especial que atua como laranja de um poderoso senador em brasilia. alguma informação sobre isso, caro jornalista?

  4. - IP 177.193.170.65 - Responder

    SILVIA MARIA, A EMPRESA É DA FAMILIA BOTELHO, QUE TAMBÉM É DONA DA CONSTRUTORA ANLHIBIQUARA, A MESMA QUE GANHOU A LICITAÇÃO DO NOVOS CAMINHOS. O DIRETOR DA EMPRESA FOI COORDENADOR DA CAMPANHA DE MAURO, E SERÁ CANDIDATO A DEPUTADO PELO PSB. RESUMINDO, EVER BODY PACTH YOURS HANDS.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

um × 2 =