Juiz auxiliar do CNJ Friedmann Wendpap repassa para Tribunal Superior Eleitoral, agora comandado pelo ministro Marco Aurélio, pedido de investigação da Ong Moral contra juiz eleitoral André Pozetti, de Mato Grosso. Pozetti, segundo denúncia anônima, teria recebido uma Hilux do prefeito Eudes Aguiar, de Brasnorte, para conceder liminar e mantê-lo no cargo

CNJ repassa para o TSE pedido de investigação da Ong Moral contra André Pozetti – Parte 1 by Enock Cavalcanti

O prefeito de Brasnorte (MT), Eudes Tarcísio Aguiar (PSD), o juiz eleitoral André Pozetti e o juiz auxiliar do Conselho Nacional de Justiça, Friedmann Anderson Wendpap

O prefeito de Brasnorte (MT), Eudes Tarcísio Aguiar (PSD), o juiz eleitoral André Pozetti e o juiz auxiliar do Conselho Nacional de Justiça, Friedmann Anderson Wendpap

Por decisão do juiz Friedmann Anderson Wendpapp, que atua como auxiliar da corregedoria do Conselho Nacional de Justiça, o pedido de investigação protocolado pelo Movimento Organizado pela Moralidade Pública e Cidadania, mais conhecido como Ong Moral, com relação às decisões do juiz eleitoral de Mato Grosso André Pozetti, que envolvem a prefeitura de Brasnorte, será analisado pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Em seu pedido de investigação, também encaminhado ao corregedor eleitoral em Mato Grosso, procurador da República Marcellus Barbosa Lima, a Ong Moral informa ter recebido denúncia anônima alertando para possível atuação irregular de André Pozetti, dentro da Justiça Eleitoral, para favorecer o atual prefeito de Brasnorte, em Mato GTrosso, Eudes Tarcisio de Aguiar, do PSD.

CNJ repassa para o TSE pedido de investigação da Ong Moral contra André Pozetti – Parte 3 by Enock Cavalcanti

ndre-Pozetti-Parte-2″ style=”text-decoration: underline;” >CNJ repassa para o TSE pedido de investigação da Ong Moral contra André Pozetti – Parte 2 by Enock Cavalcanti

2 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 201.40.5.150 - Responder

    esse friendshipman v ai parar no senado com reclamatoria por apoias juizes crimnosos em sua decisão.

  2. - IP 177.193.164.168 - Responder

    será que vamos voltar àqueles tempos em que o tribunal eleitoral de mato grosso vivia sob suspeita permanente?

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

um × 3 =