JOSÉ ORLANDO MURARO: Um pastor fundamentalista, mequetrefe, consegue mandar Marina Silva, uma forte candidata à Presidência da República, calar a boca e ajoelhar no milho. Bater na própria boca e engolir idéias e palavras que até ontem ela apoiava e declarava!

Marina Silva e as reprimendas que recebeu do pastor Silas Malafaia

Marina Silva e as reprimendas que recebeu do pastor Silas Malafaia

Marina Silva e a república dos aiatolás brasileiros
POR JOSÉ ORLANDO MURARO

No dia 29 de agosto, o pastor da igreja Assembléia de Deus Vitória em Cristo, Silvio Malafaia, mandou, pelo twiter, uma mensagem aos seus seguidores, declarando que o programa de governo de Marina Silva era pior do que o do PT e do PSDB .

Ressalte-se; o programa havia sido divulgado naquele mesmo dia, e a candidata, no final daquela sexta-feira reafirmou o seu compromisso com uma sociedade laica, com respeito aos direitos de todos, sem interferência de credos religiosos.

Acuado pelo pastor, em um segundo twiter, 24 depois, o PSB divulgou nova redação do citado programa de governo, alterando a redação dos pontos polêmicos. Silas Malafaia contratacou: “ o programa de governo de Marina Silva pensa que o povo de Deus é idiota” já que “ corrigiu palavras, mas a essência é a mesma…”

Na segunda-feira a candidata se retrata, retirando o seu apoio aos pontos criticados por Silvio Malafaia que, então, prometeu o seu apoio à mesma, no segundo turno.

Como bem se manifestou o deputado Jean Willis:

“…”Bastaram quatro tuites do pastor Malafaia para que, em apenas 24 horas, a candidata se esquecesse dos compromissos de ontem, anunciados em um ato público transmitido por televisão, e desmentisse seu próprio programa de governo, impresso em cores e divulgado pelas redes. Marina também retirou do programa o compromisso com a aprovação da lei João Nery, a elaboração de materiais didáticos sobre diversidade sexual, a criminalização da homofobia e da transfobia e outras propostas. Só deixou frases bonitas, mas deletou todas as propostas realmente importantes. E ela ainda nem se elegeu! O que esperar então dela se eleita presidenta quando a bancada fundamentalista, a bancada ruralista e outros grupos de pressão começarem a condicionar o apoio a seu governo?” – argumentou o parlamentar do PSOL.

Não quero discutir o conteúdo da questão.

A discussão é sobre a forma como tudo aconteceu!

Um pastor fundamentalista, mequetrefe, consegue mandar uma forte candidata à Presidência da República calar a boca e ajoelhar no milho. Bater na própria boca e engolir idéias e palavras que até ontem ela apoiava e declarava!

Ainda faltam mais vigaristas, tais como Valdomiro Santiago, Edir Macedo e outros, impor, ainda na campanha eleitoral, os seus posicionamentos para a candidata Marina Silva.

E há um detalhe importante nesta questão: templos e igrejas não pagam impostos. São imunes, segundo a Constituição federal

Ou seja; todo vigarista que não colabora pagando impostos, que devem ser destinados à Educação, Saúde e Segurança Pública podem impor um cala-boca na, quem sabe talvez, presidenta da República Marina Silva.

E há outro fato interessante: 80% dos pastores evangélicos são egressos do sistema prisional. A grande escola de teologia, na atualidade, é a cadeia. Mesmo na inauguração do Grande Templo de Salomão, conforme li, o pastor que fez a abertura pediu aos outros, que fossem ex-viciados, que se levantassem.

Não pediu aos ex-ladrões e assassinos, pois isto seria muito ruim para os negócios.

Em cada esquina um templo com uma denominação. O próprio Malafaia deu balão na Assembléia de Deus, e arregimentou vários templos da mesma no Rio de Janeiro.

Esta é a grande república do aiatolás brasileiros. Em contraposição à “república dos bacharéis “, conforme Raimundo Faoro, no livro “Os donos do Poder” (1957)

Agora, fazendo a síntese do que escrevo, em uma república de aiatolás, qualquer ladrão, viciado, estuprador, assassino, que declare que se converteu (acredite quem quiser) e abriu uma portinha com denominação religiosa, poderá mandar a presidenta da República calar a boca e engolir as palavras… e os pensamentos!

Outro dia, em Várzea Grande (MT), foi preso um pastor que abusava sexualmente, há certo tempo, da sua filha de 13 anos. Arrependido ( dá para acreditar?) alegou que tudo foi culpa do demônio, que o tentou, e como a carne é fraca, o levou a praticar aquela bestialidade!

Em uma república de aiatolás, tudo será culpa do demônio. No que toca aos pastores. O povo será na chibata e no cala-boca.

É a nova Idade das Trevas!

muraro-adv retrato

Cuiabá 05.09.2014

Jose Orlando Muraro Silva é advogado, radicado em Chapada dos Guimarães, Mato Grosso

4 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 189.15.25.138 - Responder

    Muito triste saber que o fundamentalismo radical e violento vem tomando conta do país e está sendo representado por essa marina silva. Há dias, igrejinhas católicas vem sendo queimadas no interior de Minas Gerias. Se isso não bastasse agora vem esse pastor do mais baixo nível e muito mal conceituado, capaz de mandar nessa mulher, que diga-se de passagem, ela é bastante dissimulada.

  2. - IP 189.75.75.114 - Responder

    As coisas iam bem, quando os pastores ficavam somente cuidando das coisas das igrejas. O caminho que mistura política e igreja, não tem se mostrado saudável. veja o oriente médio.

  3. - IP 177.3.253.139 - Responder

    Para quem não conhece, essa é a política. Não se assustem!!! Ela apenas optou pelo lado que tem mais votos..kkkkkkk

  4. - IP 177.64.241.240 - Responder

    Se for eleita, Malafaia vai conseguir junto a Marina o fim dos feriados religiosos, a proibição de uso de crucifixo nas escolas e órgãos públicos, o fim do carnaval…
    É isso que nós queremos para o Brasil?

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

quatro × 2 =