Governo de Zé Pedro Taques aceita proposta negociada por deputados, liderados por Guilherme Maluf, com a cúpula do Fórum Sindical. Agora, a pressão do Governo do Estado é para que o Fórum pressione os sindicatos para que todas as categorias apreciem a proposta amanhã, quarta-feira, de forma a permitir que um substitutivo seja elaborado para votação pela Assembleia na manhã de quinta feira, acabando com a greve geral. VEJA ENTREVISTA COM PRESIDENTE DO SINTEP

Zé Pedro Taques, governador do Estado, e Guilherme Maluf, presidente da Assembleia

Zé Pedro Taques, governador do Estado, e Guilherme Maluf, presidente da Assembleia

O governador Zé Pedro Taques aceitou a proposta apresentada no inicio da noite pelos deputados, depois de negociação comandada pelo presidente da Assembleia, deputado estadual Guilherme Maluf, com a cúpula do Fórum Sindical.

Pela nova proposta, o RGA dos servidores será pago da seguinte maneira:

2% em setembro/16

2% em janeiro/17

2% em março/17

*3,68% em abril/17

*1,60% em setembro/17 (retroativo a maio/16, condicionado à LRF)

*percentuais estes ainda a serem confirmandos pela SEGES – Secretaria de Gestão.

Agora, a pressão do Governo do Estado é para que o Fórum Sindical pressione os sindicatos para que todas as categorias apreciem a proposta amanhã, quarta-feira, de forma a permitir que um substitutivo seja elaborado, nestes termos para votação pela Assembleia na manhã de quinta feira, acabando com a greve geral.

Não haverá retroativo. Foi feito uma troca da retroatividade pelo adiantamento dessa parcela de 3,68%.

—–
ACESSE A PAGINA DESTE BLOGUEIRO NO FACEBOOK E VEJA, EM VÍDEO, AMPLA COBERTURA DAS MOVIMENTAÇÕES DESTA TERÇA NA ASSEMBLEIA
https://www.facebook.com/enock.cavalcanti.1

——-

3 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 189.73.253.43 - Responder

    Enock vai ser dificil o Sintep Aceitar isso pois vc sabe que o nosso sindicato tem que fazer reuniões com a galera do interior e depois ser chamada uma reunião com cada região mandando o seu representantes.Mas tal proposta é inaceitável visto que parcelar a RGA para ano que vem é algo sem acordo pois senão já será afetado para ano que vem o pagamento da mesma fora que todo ano será a mesma ladainha.

  2. - IP 189.10.63.107 - Responder

    Muito desrespeito com o funcionário público!!!! E nesta situação como fica p RGA de 2017, vamos receber só lá por 2019???? Sem retroativos???? É realmente notório que não se valoriza o trabalhador do executivo…. Enquanto o do judiciário e legislativo já receberam, nós ficamos nesta situação… Com salários sendo achatados, perdendo poder de compra enquanto tudo sobe!!!! Queria poder parcelar minhas contas assim, sem juros (leia-se retroativo), será que as empresas de energia, água, Farmácia , mercados, inova dentre outras aceitariam sem me deixar de prestar o serviço????
    Seria muito pedir um pouco de bom senso e pensar que o que faz movimento no comércio vem dos salários destes funcionários!!!! Pelo menos uma proposta mais correta!!!!!

  3. - IP 177.67.194.234 - Responder

    querem pagar depois de vencer o próximo RGA. tb vamos trabalhar parcelado.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

cinco × 4 =