(65) 99638-6107

CUIABÁ

Esporte, a alegria do povo

Pioneiro em títulos de Copa do Brasil Tricolor busca o hexa

Publicados

Esporte, a alegria do povo


A partir do próximo domingo, 28/02, o Grêmio começa a disputar sua nona final de Copa do Brasil. Campeão em cinco oportunidades, o Tricolor é o clube brasileiro com maior tradição dentro da competição, sabendo, como ninguém, usar o regulamento a seu favor e fazendo jus à alcunha de clube “copero”.

A partir de hoje, até o próximo sábado, o site oficial do Grêmio, em conjunto com a Grêmio TV, relembra os cinco títulos da Copa do Brasil e o caminho percorrido até a decisão contra o Palmeiras.

Venha com a gente e entre no clima dessa grande final!

É o Tricolor rumo ao hexa!

1989 – O Primeiro Campeão:

A trajetória vitoriosa do Grêmio na Copa do Brasil começou em 1989, ano de sua primeira edição. Desde o início, o Tricolor vislumbrou, nesta competição, o caminho mais curto para chegar à Libertadores da América, o maior torneio do continente e o grande objetivo da instituição.

Sob o comando do técnico Cláudio Duarte, o Tricolor fez sua estreia na competição vencendo o Ibiraçu-ES pelo placar de 1 a 0, jogando fora de casa. Na partida de volta, goleada de 6 a 0 no Estádio Olímpico.

  Após treinos constantes, Internacional está preparado para enfrentar Boca Juniors

Leia Também:  Com treino técnico, Grêmio segue preparação para reta final da temporada

Nas oitavas de final, jogando em Cuiabá, o Grêmio aplicou 5 a 0 no Mixto. Com este resultado, a equipe do Mato Grosso nem veio a Porto Alegre para o jogo de volta e o Tricolor acabou vencendo por W.O.

O Bahia, que eliminara o Cruzeiro, foi o adversário nas quartas de final. Mais uma vez, o primeiro jogo foi realizado fora de casa e o Grêmio venceu por 2 a 0, na Fonte Nova. A classificação às semifinais foi assegurada com uma nova vitória no Olímpico, 1 a 0.

A semifinal foi contra o Flamengo, que havia deixado o Corinthians para trás na fase anterior. No primeiro duelo, no Maracanã, empate em 2 a 2. Um resultado obtido na raça, após estar perdendo por 2 a 0. A partida de volta entrou para a história. Com uma atuação de luxo, o Tricolor goleou o rubro-negro carioca por 6 a 1, no Olímpico Monumental. Um desempenho que indicava o Tricolor como o grande candidato ao título da competição.

E a conquista invicta veio na decisão diante do surpreendente Sport Recife, que deixara pelo caminho Fortaleza, Guarani, Vitória e Goiás. No primeiro jogo da decisão, na Ilha do Retiro lotada, o Grêmio conseguiu segurar o empate sem gols trazendo a decisão para o Estádio Olímpico. Na tarde do dia 2 de setembro de 1989, o Tricolor entrava em campo para fazer história. Com gols de Assis e Cuca, o time do capitão Edinho batia os pernambucanos por 2 a 1, levantando a Copa do Brasil pela primeira vez. Um gesto que viraria rotina na vida do Clube.

Leia Também:  Atlético – MG vence o Sport e se garante na fase de grupos da Libertadores

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esporte, a alegria do povo

Grêmio realiza 75 testes do Covid e todos dão negativo

Publicados

em


Em cumprimento aos protocolos de preservação da saúde de atletas, comissão técnica, funcionários e equipe de apoio na prevenção da COVID-19, o Grêmio comunica a realização de mais 75 coletas de testes pelo método RT-PCR, para a partida desta noite, contra o Palmeiras, pela final da Copa do Brasil. As testagens foram feitas na última sexta-feira e todos os resultados foram negativos.

Com procedimentos estabelecidos pela Confederação Brasileira de Futebol, Federação Gaúcha de Futebol e Conmebol, iniciados em maio de 2020, o Grêmio já totalizou 4.439 testes no Departamento de Futebol Profissional.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Ceará não supera o Corinthians e perde de 1 a 2
Continue lendo

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

MAIS LIDAS DA SEMANA