Nadaf desponta como Papai Noel para grupo de comerciantes

Pedro Nadaf: falando em gerar emprego através da redução de aliquota de ICMS para grandes empresários previamente bem selecionadas. E os demais empresários, como é que ficam? E os cofres do Estado, como é que ficam?

Eu fico querendo entender esse nosso Governo do Estado, essa administração Silval Barbosa. Vivemos um momento em que o próprio governador Silval Barbosa aponta a importância do Governo fazer caixa, para arcar com compromissos urgentes como a cobertura dos rombos na conta da Saúde, do Indea, do MT Saúde, da Empaer, etc, etc. Só que fontes da própria administração estadual alertaram esta PÁGINA DO E para o comportamento do secretário Pedro Nadaf, titular da pasta da Indústria e Comércio que tem atuado, dentro da máquina do Estado, para favorecer com enormes reduções no pagamento de ICMS empresas de grande porte como a Decorliz, City Lar e Trator Parts.

A informação que nós temos é que essas empresas teriam celebrado compromisso com o secretaria comandada por Pedro Nadaf pelos quais passam a ter direito a uma aliquota de ICMS que não supera a casa dos 3% com a justificativa de que, favorecidos por esta redução, estas empresas passariam a gerar mais empregos para o povo mato-grossense.

Por que beneficiar grandes empresas como a Decorliz do empresário Paulo Gasparoto, a Trator Parts, do empresário João Rosa, a Decorliz, do empresário, a City Lar, do empresário Erivelto Gasquez, enquanto a grande maioria das empresas deste Estado continuam arcando com aliquotas que variam de 12 a 17% de ICMS?

Qual é a lógica por trás de tudo isso? O nosso secretário Pedro Nadaf – que está na Indústria e Comércio mas sonha em comandar a Secretaria de Fazenda, afastando do cargo o atual secretário Marcel Cursi – trabalha para reforçar o caixa do Estado de Mato Grosso ou resolveu se transformar no Papai Noel de alguns empresários seletos que ele guarda do lado esquerdo do peito?

Além do mais, que a questão é gerar empregos, a gente está cansado de ver análises e mais análises nos explicando que é na pequena é média empresa que o grosso dos empregos são gerados. Devem existir até palestras do próprio Pedro Nadaf consagrando esta verdade.

3 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 177.3.224.59 - Responder

    A RESPOSTA CERTA ÉÉÉÉHH:

    ‘SOCIEDADE’

  2. - IP 201.49.165.95 - Responder

    arogante em pessoa.

  3. - IP 201.65.56.146 - Responder

    Vergonha! O MP concorda? Tem que haver boa motivação para o cara fazer tamanha bondade.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

onze − cinco =