Em crise, Obama perde posto de mais poderoso para Putin, presidente da Rússia

 

Edição/247 Fotos: Reprodução/Reuters:

Presidente da Rússia, Vladimir Putin ultrapassou o norte-americano Barack Obama, isolado após diversas denúncias de espionagem, e assumiu a posição de pessoa mais poderosa do mundo na lista da revista Forbes de 2013; presidente Dilma Rousseff perde duas posições e aparece em 20ª, mas continua sendo citada como a segunda mulher mais poderosa do mundo, atrás apenas da chanceler alemã Angela Merkel

 

30 DE OUTUBRO DE 2013 ÀS 18:30

 

SÃO PAULO – A Forbes divulgou hoje a lista das pessoas mais poderosas de 2013 e a grande surpresa ficou com o fato do presidente da Rússia, Vladimir Putin, ultrapassar o norte-americano Barack Obama e assumir a posição de pessoa mais poderosa do mundo este ano.

De acordo com a Forbes, Putin tem solidificado seu comando sobre a Rússia, enquanto o presidente dos EUA tem enfrentado um período de “pato manco”, que, segundo a revista, é comum entre os presidentes com dois mandatos consecutivos, mas que parece ter sido antecipado no governo Obama. Como exemplo, a publicação cita o caos da paralisação no governo norte-americano, o caso Síria e a questão dos vazamentos de espionagem da NSA, a Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos.

Para elaborar a lista das pessoas mais poderosas do mundo, os editores da Forbes consideram, entre outros quesitos, o poder de influência que o candidato tem sobre as pessoas, avaliam os recursos financeiros controlados pelo poderoso, além de observar o PIB (Produto Interno Bruto) dos países, nos casos de políticos, ativos e receitas de empresas, para os CEOs e patrimônio líquido pessoal.

Dilma Rousseff

A Presidente do Brasil, Dilma Rousseff, também aparece na lista, na 20ª posição, duas a mais do que a ocupada no ano passado, quando ficou em 18º lugar.

Na Forbes, ela é descrita como a segunda mulher mais poderosa do mundo, ficando atrás apenas da chanceler alemã Angela Merkel. A publicação destaca que Dilma controla a sétima maior economia do mundo, com PIB de US$2,2 trilhões, que será sede da Copa do Mundo em 2014 e dos Jogos Olímpicos em 2016. A revista destaca ainda que a presidente do Brasil criticou os EUA durante seu discurso na Assembleia Geral da ONU, após denúncias de que havia sido espionada pela NSA.

A lista completa possui 72 nomes, entre políticos, empresários e religiosos. Abaixo os 20 mais poderosos do planeta.

1- Vladimir Putin (Presidente da Rússia)
2- Barack Obama (Presidente dos EUA)
3- 3-Xi Jinping (Presidente da China)
4- Papa Francisco (Líder da Igreja Católica)
5- Angela Merkel (Chanceler da Alemanha)
6- Bill Gates (Co-presidente da Fundação Bill & Melinda Gates Foundation)
7- Ben Bernanke (Presidente do BC dos EUA)
8- Abdullah bin Abdul Aziz Al Saud (Rei da Arábia Saudita)
9- Mario Draghi (Presidente do BC da Europa)
10- Michael Duke (CEO do Wal-Mart)
11- David Cameron (Primeiro Ministro do Reino Unido)
12- Carlos Slim Helu & family (Chairman honorário da América Móvil)
13- Warren Buffett (CEO do Berkshire Hathaway)
14- Li Keqiang (Premiê da China)
15- Jeff Bezos (CEO da Amazon.com)
16- Rex Tillerson (CEO Exxon Mobil)
17- Sergey Brin (Diretor de Projetos Especiais do Google)
17 – Larry Page (CEO do Google)
18 – Francois Hollande (Presidente da França)
19 – Timothy Cook (CEO da Apple)
20 – Dilma Rousseff (Presidente do Brasil)

Matéria publicada originalmente no portal Infomoney.

Categorias:Cidadania

1 Comentário

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 189.59.37.143 - Responder

    Se bem entendi, o russo Vladimir Putin é mais influente devido a seus poderes ditatoriais e o Obama cai posições pelas limitações da democracia.

    Então o Obama é o mais poderoso do mundo democrático,

    Putin pode ser elencado como legítimo representante do tenebroso mundo dos ditadores tais como Fidel e Raul Castro, além de Nicolás Maduro, Raul Correa, Evo Imorales, Crsitina Kischiner e outras tranqueiras.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

1 × três =