(65) 99638-6107

CUIABÁ

Brasil, mostra tua cara

GRANDE, COMO ERA GRANDE – Morre, aos 92 anos, o cantor Roberto Silva, o Príncipe do Samba. Curta suas histórias e suas canções em video

Publicados

Brasil, mostra tua cara


Morre, aos 92 anos, o sambista Roberto Silva, o Príncipe do Samba
Roberto Silva ficou conhecido como Príncipe do Samba e era um dos maiores nomes do gênero musical
Por Vitor Abdala – Agência Brasil
Rio de Janeiro – O sambista carioca Roberto Silva, conhecido como Príncipe do Samba, morreu na madrugada de hoje, 9, em casa, aos 92 anos, vítima de complicações decorrentes de um câncer, segundo parentes. Silva gravou cerca de 20 álbuns, além de dezenas de compactos e centenas de músicas de compositores como Ataulfo Alves, Lamartine Babo e Nelson Cavaquinho.
Entre seus maiores sucessos destacam-se Maria Teresa, Normélia e Jornal da Morte. Nascido no Morro do Cantagalo, na zona sul do Rio de Janeiro, Roberto Napoleão Silva trabalhou como cantor nas rádios Nacional e Tupi.
Segundo a viúva Syone Guimarães da Costa, mesmo aos 92 anos, o Príncipe do Samba ainda fazia apresentações. “Ele adorava fazer o que ele fazia e morreu querendo continuar cantando. Ele gostava muito dessa juventude agora, das pessoas novas que estavam chegando no samba e dizia: ‘eles é que vão dar continuidade ao que eu plantei’. Tenho certeza de que ele não será esquecido”, disse.
Roberto Silva deixou sete filhos, além de netos e bisnetos.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Mauro Mendes e seu secretariado chegam com gosto de mofado

Propaganda
1 comentário

1 comentário

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Brasil, mostra tua cara

Câmara aprova PL que torna permanente o Pronampe

Publicados

em


A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira (5) o texto-base o texto-base do Projeto de Lei 4139/21, do Senado Federal, que torna permanente o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe), criado para socorrer o setor durante a pandemia de covid-19. Como houve alterações no texto original, a matéria retorna ao Senado.

As micro e pequenas empresas beneficiadas pelo programa, quando de sua criação, assumiram o compromisso de preservar o número de funcionários e puderam utilizar os recursos para financiar a atividade empresarial, como investimentos e capital de giro para despesas operacionais.

O PL aprovado na Câmara autoriza a prorrogação das parcelas vencidas e a vencer dos empréstimos concedidos até 31 de dezembro de 2020. Essa prorrogação será por até um ano, prorrogando por igual período o prazo do parcelamento.

* Com informações da Agência Câmara

Edição: Fábio Massalli

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Unidos pela Ordem pediu exoneração de comandante que atuou no ataque a estudantes da UFMT - e o Governo do Estado exonerou mesmo
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA