(65) 99638-6107

CUIABÁ

É bem Mato Grosso

Ulysses Moraes destina R$ 200 mil de suas emendas para aquisição de castramóvel em Canarana

Publicados

É bem Mato Grosso


Foto: Ronaldo Mazza

O deputado Ulysses Moraes (PSL) destinou R$ 200 mil, em emenda parlamentar para que o município de Canarana possa adquirir uma Unidade Móvel Adaptada para Prestação de Serviços de Castração de Animais, o Castramóvel. O objetivo é ajudar no trabalho de castração de cães e gatos na cidade. 

“O castramóvel é essencial para ajudar a prolongar a vida do animal, fazer um controle populacional de cães e gatos na região, além de prevenir doenças como tumores. Estamos na luta pela causa animal, ajudando nos resgates de maus-tratos fazendo a interlocução com os órgãos competentes e bem com atuando no que for possível pela defesa dos animais”, disse Moraes.

Essa unidade móvel tem o objetivo de ter um controle populacional dos animais, mas também proporcionar uma melhor condição de vida a esses cães e gatos nas cidades. O castramóvel garantirá a castração gratuita de animais. E ainda vale destacar que o parlamentar já destinou igual valor aos municípios de Primavera do Leste e Tangará da Serra. 

Leia Também:  Dal Molin convoca audiência pública para debater redução de carga tributária em Mato Grosso

“Essa demanda chegou também através da vereadora de Canarana, Marcia Graciela. Então, esperamos que com essa emenda seja possível fazer a aquisição do castramóvel e ajudar no trabalho dos defensores da causa para que mais animais sejam salvos. E ainda reforçamos que estamos firmes na defesa da causa animal”, afirmou o deputado. 

Denúncia – Se você tiver alguma denúncia, o canal de atendimento do disque-denúncia animal é via telefone (65) 99967-8310 ou pelo link: ulyssesmoraes.com.br/resgateanimal. E mesmo com a existência do número, em casos urgentes, as pessoas podem comunicar também à Polícia Militar, pelo 190.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

É bem Mato Grosso

Governador atende pedido de João Batista e convoca aprovados do Sispen

Publicados

em


Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

O deputado estadual João Batista do Sindspen (Pros), anunciou em suas redes sociais, na segunda-feira (19), que o governo do estado atendeu seu pedido e irá convocar 160 novos aprovados no concurso público do Sistema Penitenciário de Mato Grosso. De acordo com o parlamentar, a demanda de nomeações é uma luta antiga de sua atuação no Parlamento. 

Segundo Batista, outras convocações serão anunciadas futuramente, com objetivo de compor o quadro efetivo de servidores no Estado.

“Na manhã dessa segunda-feira, recebi a ligação do governador Mauro Mendes me informando sobre a convocação desses 160 aprovados. Esses servidores irão suprir a necessidade da falta de efetivo nas unidades e esperamos que em breve novas nomeações sejam realizadas. Vale ressaltar que essa convocação não inviabiliza nossas tratativas sobre a valorização salarial que já está em curso. Inclusive, temos hoje uma reunião com o secretário Basílio reforçando mais uma vez essa pauta”, afirmou o deputado.

João batista disse, ainda, que nos bastidores durante todo seu mandado, inúmeras tratativas foram realizadas entre o parlamentar, juntamente com o governo do estado, o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, o secretário de Planejamento e Gestão, Basílio Bezerra, além do secretário-adjunto de Administração Penitenciária (SAAP), Jean Gonçalves, para que o quadro funcional seja completo e garanta a segurança dos servidores.

Leia Também:  PM lamenta morte de sargento da reserva remunerada Justino Pinheiro dos Santos

 “Estivemos reunidos por diversas vezes com o governo do estado e seu Secretariado para tratar da pauta da convocação desses aprovados no concurso. Muitas vezes não divulgamos essas reuniões para não atrapalhar as negociações que de fato ainda não terminaram. De antemão, agradeço o governador pela iniciativa dessa convocação que é fruto do nosso trabalho e é apenas o início das muitas nomeações que virão”, concluiu.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA