(65) 99638-6107

CUIABÁ

É bem Mato Grosso

Russi quer apuração na distribuição de imunizantes e defende acelerar vacinação

Publicados

É bem Mato Grosso


Max Russi reforçou a cobrança à Secretaria de Estado de Saúde quanto à melhoria na logística de entrega dos lotes

Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Max Russi (PSB), propôs soluções para que não haja mais atrasos na distribuição e aplicação de vacinas contra a Covid-19 em municípios de Mato Grosso. Em requerimento oral apresentado no Parlamento, durante a sessão plenária desta semana, Russi sugeriu ainda que a Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social da Casa de Leis auxilie nos trabalhos de fiscalização e apoio estrutural, para dar mais agilidade às ações de imunização. “Não tem outro caminho a não ser a vacinação”, sustentou. 

Max Russi acredita que um trabalho conjunto envolvendo o Ministério Público, nos atos fiscalizatórios, garanta uma apuração mais eficaz dos municípios com baixo índice de vacinação, dando a possibilidade de um auxilio mais abrangente. Seriam informações mais precisas, a partir da comparação do quantitativo das doses distribuídas e das medidas adotadas pelos gestores. 

“Tem município com apenas 20%. Então a Comissão de Saúde poderia entrar para dentro desses municípios, a título de sugestão. Se estão informando mal ou há incapacidade do gestor, nós precisamos melhorar essa informação. O Ministério Público pode também fazer essa acompanhamento”, sugeriu.

Leia Também:  Mato Grosso recebe 57.550 doses de vacina nesta quinta-feira (08)

O deputado Max Russi reforçou a cobrança à Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) quanto à melhoria na logística de entrega dos lotes, para que seja feita de forma mais rápida. “Espero que melhore essa entrega. Não é possível que essa vacina chegue aqui na quinta-feira e chegar ao polo de saúde de Rondonópolis somente na segunda ou na terça-feira”, exemplificou. 

Defensor da vacinação em longa escala, o presidente da Assembleia Legislativa avalia que essa seria a única forma de vencer a pandemia. Max Russi reforçou o exemplo de cidade de Maceió, em Alagoas, que desde o fim de semana colocou em prática uma espécie de “Corujão da Vacina”. 

“Essas vacinas precisam chegar logo aos municípios, após a chegada à capital, para vacinar na sexta, sábado, domingo, à noite. Temos aí o exemplo de Maceió, que está vacinando à noite. Já estão na faixa dos 60 anos de idade”, destacou.  

Tendo o deputado Doutor João como presidente, a Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social também é composta pelos deputados Lúdio Cabral (PT), Dr. Gimenez, Dr. Eugênio (PSB) e Paulo Araújo (PP). 

Leia Também:  Trabalho ostensivo identifica aglomerações e irregularidades em bares e distribuidoras de bebidas em Cuiabá

Sputnik V – O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski concedeu prazo até o final deste mês para que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decida a respeito da importação excepcional e temporária de doses da vacina Sputnik V. A compra direta do imunizante russo foi anunciada pelo governador Mauro Mendes no final de março. 

O presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi, defendeu mais agilidade da Anvisa, para que autorize as operações. “A Assembleia Legislativa também vai encaminhar essa cobrança à Anvisa, para que eles possam, de forma célere, dar uma definição sobre essa vacina”, anunciou. 

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

É bem Mato Grosso

Detran-MT retoma aplicação de prova prática no interior com bancas volantes

Publicados

em


O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) retomou a aplicação dos exames práticos de direção no interior do Estado com a banca volante de examinadores. Em um primeiro momento, as provas serão aplicadas em 46 municípios que estavam aguardando a realização dos exames agendados para o primeiro semestre de 2021.

Serão realizadas as provas para categoria A (moto) e mudança de categoria C, D e E (caminhão, ônibus e carreta).

“Esse é o calendário de retomada das bancas volantes. Serão oito rotas simultâneas de examinadores para a aplicação dos testes práticos nos 46 municípios”, explicou o gerente de Exames Teóricos e Práticos do Detran-MT, Ruytter Almeida.

Na próxima semana será publicado um novo calendário de aplicação das provas práticas com as bancas volantes e fixas.

O candidato deverá procurar a sua autoescola para que faça o agendamento das suas provas junto ao Detran-MT.

Prevenção a Covid-19

Para a aplicação das provas práticas de direção, o Detran-MT vem tomando todas as medidas na prevenção a proliferação da Covid-19, seguindo as determinações do Ministério da Saúde e do Governo do Estado.

Leia Também:  JOSÉ ANTONIO LEMOS: Uma base aérea em Cáceres-MT é um projeto que merece apoio de todos

Entre as medidas aplicadas estão: uso obrigatório de máscaras por todos os profissionais credenciados, candidatos/condutores e examinadores; disponibilização, por parte das autoescolas, de álcool em gel com concentração mínima de 70% ou produto similar específico para assepsia do candidato e do instrutor.

Também está proibida a presença de acompanhantes ou terceiros no local de prova, inclusive de candidatos não agendados.

“Sabemos que muitos candidatos estão ansiosos por sua primeira habilitação ou para mudança de categoria. Por isso o Detran está retomado os exames práticos de forma gradual e segura, tanto para o examinador quanto para o candidato”, destacou o diretor de Habilitação do Detran-MT, Alessandro de Andrade.  

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA