(65) 99638-6107

CUIABÁ

É bem Mato Grosso

Governo do Estado apresenta projetos para orlas em Barão de Melgaço e Santo Antônio de Leverger

Publicados

É bem Mato Grosso


O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) e da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), apresentou nesta terça-feira (16.02) os projetos das orlas turísticas de Barão de Melgaço e Santo Antônio de Leverger às prefeitas dos municípios e deputados estaduais.

As obras fazem parte do Mais MT, o maior programa de investimentos da história do Estado. “As orlas turísticas levarão novas gerações a terem conexão com estas importantes cidades da Baixada Cuiabana, deixando-as atrativas. Fomentando o turismo, há geração de emprego e renda”, diz César Miranda, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico.

A prefeita de Barão de Melgaço, Margareth Gonçalves Silva, acredita que as obras de infraestrutura serão atração do município. “Teremos movimentação de moradores e também pessoas vindo de fora para conhecer a cidade e que poderão contemplar toda a beleza local”.

(Prefeita de Barão de Melgaço, Margareth Gonçalves)

Em Santo Antônio de Leverger, o projeto também dará novos ares ao município. “Só temos a ganhar. Com a orla remodelada, vamos resgatar o turismo e o orgulho da população que vive na cidade”, disse a prefeita Francieli Magalhães.

Leia Também:  Trajetória de Vera Capilé será revisitada em livro, documentário e CD

(Prefeita de Santo Antônio de Leverger,  Francieli Magalhães)

O secretário adjunto de Turismo, Jefferson Moreno, ressalta que os projetos buscam revitalizar as orlas e atrair turistas que visitam Mato Grosso para conhecer as belezas dos dois municípios às margens do rio Cuiabá. “Barão é uma cidade que vive a orla e a requalificação irá agregar ainda mais para os moradores e turistas. Já em Santo Antônio, a orla deve ser tornar ponto turístico e movimentar a economia”, afirma.

De acordo com a secretária adjunta de Cidades, Rafaela Damiani, os projetos foram apresentados às autoridades e estão em fase de licenciamento ambiental e autorização de órgãos competentes, como Marinha, Secretaria de Patrimônio da União (SPU), entre outros.

O deputado estadual Allan Kardec acredita que os projetos são viáveis e devem ser concretizados. “Vimos avanços que mostram que é possível fazer e entregar as orlas à população”. O deputado estadual Carlos Avallone, presidente da Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, aprovou o projeto. “Será um novo momento para estes municípios que precisam recuperar os turistas e fomentar a economia”.

Leia Também:  Vereadores de Chapada confrontam Guilherme Maluf e apontam manobra no TCE para impor aprovação de contas de Thelma. LEIA DOC

Já o deputado estadual Wilson Santos aprovou e aconselhou a agilidade. “Precisamos agora vencer as etapas de licenças ambientais e acredito que no segundo semestre estaremos iniciando as obras”.

Projeto

Os projetos foram apresentados pelo coordenador de Projetos Estratégicos, Rui Barbosa Egual, pela arquiteta Natália Fróes, que assina o projeto da orla de Santo Antônio de Leverger, e pelo arquiteto Lucciane Pinheiro, que assina o projeto da orla de Barão de Melgaço.

Os projetos seguem o mesmo conceito, mas adaptados à realidade de cada município. Haverá dois quiosques, playground para crianças em concreto polido, rampa mecanizada e escadas contemplativas com acessibilidade.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

É bem Mato Grosso

PM prende cinco suspeitos e apreende drones que levariam celulares para o presídio da Mata Grande

Publicados

em


Policiais da 14ª Companhia de Força Tática prenderam no final da tarde desta sexta-feira (14.05) cinco pessoas, entre elas uma mulher (39 anos) e um adolescente (15 anos), que teriam a intenção de levar celulares para a Penitenciária da Mata Grande, em Rondonópolis (212 km de Cuiabá), usando drones.

As prisões aconteceram a partir de uma denúncia anônima. A equipe da Força Tática passou a fazer rondas na região do presídio e na rodovia MT-130, perto de uma antiga lanchonete, avistou um veículo modelo Etios com cinco ocupantes. No veículo havia alguns celulares, um drone e entorpecente.

Dois ocupantes, de 18 e 20 anos, assumiram serem os proprietários dos materiais. Eles também indicaram o local, um matagal próximo, onde estavam outros celulares e mais um drone.

O casal, formado pelo homem de 33 anos e a mulher de 39, contou aos policiais que trabalham como motoristas por aplicativo e foram contratados pelos suspeitos para auxiliar no transporte dos celulares.

Os cinco suspeitos, todos os celulares, drones e demais produtos apreendidos foram entregues no plantão da 1ª Delegacia de Polícia de Rondonópolis.

Leia Também:  Secretário Nilton Borgato assume cadeira no Conselho Estadual de Educação

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 08000.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA