(65) 99638-6107

CUIABÁ

É bem Mato Grosso

Deputado Nininho indica projeto de iluminação e duplicação para Rondonópolis

Publicados

É bem Mato Grosso


Nininho solicitou à Sinfra a necessidade de viabilizar obras em anel viário

Foto: VÂNIA NEVES

De acordo com a Indicação nº 938/2021, o deputado estadual Ondanir Bortolini (PSD), Nininho, solicitou à Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) a necessidade de viabilizar o projeto e execução da duplicação e iluminação pública do anel viário Conrado Sales Brito, no perímetro urbano de Rondonópolis.

Conforme o parlamentar, após reunião com vereadores e empresários, as obras no trecho indicado é muito importante para toda a região. “A duplicação deve iniciar na rodovia MT-270 até o entroncamento com a BR-364/163, uma obra que vai garantir a segurança de todos que trafegam pela região”, explicou o parlamentar.

Segundo trecho da justificativa, a cidade tem na industrialização um novo salto de crescimento. “Hoje, a diversidade de segmentos industriais tem gerado títulos importantes para o município: maior polo de esmagamento, refino e envase de óleo de soja do Brasil, maior polo misturador de fertilizante do interior brasileiro, maior produção estadual de ração e suplementos animais, frigoríficos com padrões, dentre outras atividades”.

Leia Também:  Inteligência e integração do inquérito eletrônico ao Pje chama atenção de polícias civis de outros estados

Nininho ressalta que o principal eixo de mobilidade urbana do município precisa ser reestruturado. “Devido ao acelerado processo de desenvolvimento da cidade, é necessário providenciar a execução desse projeto de duplicação e iluminação da referida via no trajeto mencionado, dessa maneira vamos garantir a proteção de pedestres, ou condutores de veículos que transitam diariamente pela via”, ressaltou Nininho.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

É bem Mato Grosso

Sesp-MT vistoria área que irá abrigar novo Centro de Detenção em Barra do Garças

Publicados

em


O Sistema Penitenciário de Mato Grosso receberá da Prefeitura de Barra do Garças a doação de um terreno de 96 mil m² para a construção do Centro de Detenção Provisória (CDP) no município. O compromisso foi firmado pelo prefeito Adilson Gonçalves de Macedo, nesta terça-feira (11.05), durante visita à área e também por meio de ofício.

A nova unidade terá 488 vagas. Atualmente, a Cadeia Pública possui capacidade para 116 pessoas e abriga 225. A vistoria no local, que fica na BR-070, sentido Barra do Garças – Cuiabá, contou com a equipe técnica do Núcleo de Engenharia da Adjunta de Administração Penitenciária (SAAP) da Secretaria de Estado de Segurança (Sesp-MT), o secretário adjunto de Administração Penitenciária, Jean Carlos Gonçalves, entre outros representantes da Segurança, da Prefeitura e Poder Judiciário.

O secretário adjunto de Administração Penitenciária frisou a importância da doação. “Essa parceria demonstra a disponibilidade do prefeito de Barra do Garças em somar com o projeto de melhorias das unidades penais, agradecemos muito por isso. Com essa união de esforços poderemos concretizar parte do nosso planejamento de ampliação de vagas”, ressaltou Jean Gonçalves.

Leia Também:  Profissional de MT recebe prêmio que homenageia biblioteconomia do Centro-Oeste

O chefe do Executivo municipal destacou que com a doação do terreno, o CDP será construído a 12 km do centro da cidade, local onde hoje funciona a Cadeia Pública de Barra do Garças. “A partir desta data, me comprometo a iniciar, em caráter de urgência, todos os trâmites necessários para a concretização de cessão da área”, assegurou Adilson Macedo.

Recursos do Depen

Os recursos para a construção do CDP são oriundos do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), no valor de R$ 37 milhões. O montante foi repassado ao Governo de Mato Grosso no ano de 2016 e não foi aplicado na época. A gestão atual, conduzida pelo governador Mauro Mendes, atendeu ao pleito apresentado pelo prefeito de retirar a unidade penal do centro da cidade.

Dessa forma, uma equipe do Sistema Penitenciário apresentou o projeto da obra ao Depen, que está em fase final de aprovação. A estrutura seguirá o modelo do Raio 6 da Penitenciária Central do Estado (PCE), totalmente automatizada. A previsão é que a construção tenha início ainda este ano.

Leia Também:  Musicoterapia leva esperança e alegria a pacientes do Hospital Metropolitano
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA