(65) 99638-6107

CUIABÁ

É bem Mato Grosso

Assembleia aprova inclusão do Festival de Pesca de Tabaporã no calendário oficial de MT

Publicados

É bem Mato Grosso

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

A Assembleia Legislativa aprovou, nesta quarta-feira (11), o Projeto de Lei nº 380/2020, de autoria do deputado estadual Valdir Barranco (PT), que inclui no calendário oficial de eventos do Estado de Mato Grosso, o Festival Esportivo de Pesca de Tabaporã, distante 672 km de Cuiabá. O evento acontecerá na terceira semana de junho, com abertura na quinta-feira e encerramento no domingo.

Conforme o deputado, o evento faz parte da estratégia de desenvolvimento do turismo municipal e estadual, com a finalidade de agregar valor à cadeia do turismo e ao crescimento econômico de Tabaporã, além de proporcionar momentos de entretenimento e lazer à comunidade local e aos turistas participantes.

“Além de proporcionar momentos de entretenimento e lazer à comunidade local e aos turistas participantes, o evento contribuirá para o crescimento e o desenvolvimento do turismo ecológico e sustentável de Tabaporã, da região Norte e de Mato Grosso e promoverá ações de educação ambiental, conscientizar e sensibilizar a população da importância e necessidade de cuidar dos recursos naturais, de proteger o meio ambiente”, lembrou o parlamentar.

Leia Também:  Secretaria de Saúde percorre municípios para reforçar imunização contra a Covid-19

O festival atrai grande população local e turista de todo o estado. Participam pessoas ligadas às competições de pescas, turistas e a população da cidade sede, da região norte e demais regiões do estado, e é aberto a todos – ribeirinhos, indígenas, pescadores amadores e turistas.

“Será a volta do festival após dois anos parados por causa da pandemia de covid-19. Esses dois anos sem a festa fez muita falta para todos aqueles que amam o evento. Mas agora já tem data marcada para a 11ª edição. Já anotem no calendário os dias 4 e 5 de junho”, finalizou.

Agora, o projeto segue para sanção ou veto do governador Mauro Mendes (União), que tem o prazo de até 15 dias úteis para a decisão.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

É bem Mato Grosso

Concorrência maior será nas regionais de Cuiabá e São Félix do Araguaia

Publicados

em

As regionais de Cuiabá e de São Félix do Araguaia são as mais disputadas pelos candidatos inscritos no concurso público do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea). Irão ingressar, nas 14 regionais do órgão público, novos agentes fiscais estaduais de Defesa Agropecuária e Florestal 1, com exigência do ensino médio, e fiscais formados em engenharia agronômica e medicina veterinária. O concurso conta com 5.789 inscritos.

Dos 2.282 técnicos em agropecuária, a maioria (508) optou pela regional de Cuiabá, seguido por São Félix do Araguaia e Cáceres, com, respectivamente, 315 e 216 candidatos inscritos. A regional com menos candidatos inscritos é a de Água Boa.

A mesma situação ocorre com os 2.018 engenheiros agrônomos. Cuiabá é a preferência de 597, seguida de São Félix, com 296, e Lucas do Rio Verde, com 262 candidatos. A Regional de Juína teve menos interessados, com 58 inscritos no concurso.

Entre os 1.489 médicos veterinários inscritos, Cuiabá teve 284 inscrições. Em seguida vem São Félix do Araguaia, com 199 candidatos, e Rondonópolis, com 157 inscritos. A menor procura entre os veterinários foi para a região de Matupá.

Leia Também:  "Aqui ficou claro que a união faz a força", afirma prefeito de Sapezal sobre parceria com Governo de MT

O diretor administrativo do Indea, Luiz Gustavo Tarraf, disse que não há vagas na sede das regionais, mas nas cidades em seu entorno. A ideia é que o concurso seja homologado até o início de julho, antes do prazo eleitoral, para convocar os aprovados o mais rápido possível.

“O concurso é para cadastro de reserva e nossa expectativa é convocar em torno de 100 classificados ainda neste ano e os demais, ao longo dos anos, conforme a necessidade da Administração Pública”, explicou. 

As provas do concurso público serão aplicadas no dia 29 de maio.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA