(65) 99638-6107

CUIABÁ

Dinheiro na mão é vendaval

Precocidade dos animais de Raça Araguaia, resulta em ganhos socioambientais e rentabilidade para o produtor

Publicados

Dinheiro na mão é vendaval


Com a maior procura por carnes nobres, houve uma valorização dos produtos que ofereçam equilíbrio entre textura, sabor, suculência, maciez e contribuição socioambientais. Para corresponder as exigências do mercado consumidor, o Programa Origem Premium investe em genética e nutrição, modelo de produção sustentável que permite produzir mais carne e de melhor qualidade, contribuindo para a restauração de áreas degradadas e maior geração de riquezas. Este formato favorece a precocidade dos animais, uma vez que os bovinos de Raça Araguaia apresentam um desempenho superior a pasto e o mercado bonifica a arroba deste animal, proporcionando ganhos significativos aos criadores parceiros do Grupo Origem Premium.

A Raça Araguaia, resultado do cruzamento do Blonde D’Aquitaine com Caracu e Nelore, alia adaptação, produtividade e zelo ao meio ambiente.

Na fazenda Santa Rita, em Torixoréu, no Mato Grosso, o criador e um dos fundadores da Origem Premium, Raul Almeida Moraes Neto, trabalha focado na produção dos animais Araguaia precoces. A Raça resultado do cruzamento do Blonde D’Aquitaine, Caracu e Nelore alia adaptação, produtividade e zelo ao meio ambiente no Vale do Araguaia. O pecuarista engorda bois de [email protected], abatidos entre 18 a 20 meses em regime de pasto, ele observa que, os animais apresentam maiores taxas de conversão alimentar, rendimento de carcaça e também de carne na desossa frigorífica, resultado do maior volume muscular sos animais, proporcionando a redução dos custos de produção e aumento da receita.
Os animais possuem precocidade produtiva e reprodutiva, os machos são abatidos entre 18 a 20 meses com [email protected] em sistema de terminação intensiva a pasto, já as fêmeas que não são selecionadas para reposição de matrizes, são abatidas com idade em torno de 13 a 15 meses com peso médio de [email protected] A precocidade reprodutiva, portanto, é outro ganho, considerando que as bezerras de reposição estão aptas ao manejo reprodutivo antes de 14 meses. Outro ponto a ser destacado, é que a constituição genética da raça Araguaia, formada por taurinos de raças continentais, permite aumento de ganhos se utilizada em cruzamento com as F1 Angus (britânico), o tricross(F2) resultante tem maior vigor híbrido , garantindo maior produtividade em relação aos pais mantendo a adaptação ambiental e a qualidade da carne.

O grande diferencial da linha de produtos Origem Premium é a qualidade da carne, conferida pela maciez, suculência e sabor inigualável.

O protocolo de produção da Origem Premium, determina o uso de pastagens de boa qualidade, sendo a principal base dos investimentos, a oferta de alimentação de qualidade, o bem-estar animal, manejo e o controle sanitário eficiente, asseguram o incremento na produtividade durante todo o ciclo, ressalta o médico veterinário responsável pela Raça Araguaia, Eduardo Barbosa Strang.
Na Santa Rita, além das pastagens e da água de boa qualidade, há o uso estratégico de TIP (Terminação Intensiva à Pasto), onde é feito o aporte de proteína, energia e vitamínico mineral para acelerar o ganho de peso no terço final da engorda. Mas sem confinar, o animal é suplementado o pasto com ração balanceada. Dessa forma o animal se mantém em seu próprio ambiente, preservando sua característica de herbívoro, sem ser submetido ao stress de um ambiente exótico que é um confinamento. Com sombra e água fresca, pasto e ração à vontade; o animal pode escolher o que mais lhe apetecer no momento.

A Origem Premium garante o melhor produto com processos modernos, inovadores, integrados, sustentáveis e de altíssima qualidade.

Carne produzida por animais precoces possuem maior valor agregado, é mais bem remunerada e propicia condições para o alcance de novos mercados. Invista na genética, busque o Programa Origem Premium, para aquisição de sêmen para a IATF. Para saber mais, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

Leia Também:  Senado aprova redução nos combustíveis, mas sacrifica Zona Franca e bancos

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Dinheiro na mão é vendaval

Oi recebe aprovação do Cade para venda da InfraCo; veja os próximos passos

Publicados

em


source
Oi finalmente recebe aprovação para a venda da InfraCo; veja quais são os próximos passos

A Oi (OIBR3 e OIBR4) notificou a aprovação, sem restrições, do Cade (Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa da Concorrência) referente a operação de alienação parcial da UPI InfraCo.

De acordo com o comunicado, a começar desta segunda-feira (18), a decisão será definitiva em 15 dias corridos se não houver recurso de terceiros.

Além disso, foi informado que o fim da operação está sujeito à aprovação prévia da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). Assim como, ao cumprimento de condições precedentes.

Leia Também

Venda da InfraCo

No início de outubro, a venda da unidade de fibra ótica da Oi aos fundos do BTG Pactual e da Globenet Cabos Submarinos foi concluída, somando um valor de R$ 12,9 bilhões.

Sendo assim, o contrato da primeira parcela está previsto para R$ 3,3 bilhões, e a segunda, R$ 6,5 bilhões. As parcelas finais somam R$ 1,6 bilhão, juntamente com um aporte de R$ 1,5 bilhão.

Em seguida, os investidores receberão ações representativas de 57,9% do capital social votante e o total da InfraCo, que pertence à Oi e as suas afiliadas.

Saiba mais em 1Bilhão , parceiro do iG.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Senado aprova redução nos combustíveis, mas sacrifica Zona Franca e bancos
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA