(65) 99638-6107

CUIABÁ

Dinheiro na mão é vendaval

LATAM vai à China buscar vacinas para o Uruguai

Publicados

Dinheiro na mão é vendaval


source
LATAM vai à China buscar vacinas para o Uruguai
Guilherme Dotto

LATAM vai à China buscar vacinas para o Uruguai

Na última segunda-feira (22), um Boeing 787-9 Dreamliner da LATAM Chile decolou rumo à China para buscar doses da vacina da Sinovac, que serão destinadas ao Uruguai.

Escalado para a importante operação, o B787-9 de matrícula CC-BGL partiu de Santiago (SCL) às 11h00 horário local para Sydney (SYD), na Austrália, onde é realizada uma escala técnica antes de dar continuação a jornada até a China.

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

alt

Seguindo o cronograma da operação, a aeronave com as vacinas da Sinovac deverá pousar em Montevideo (MVD), Uruguai, na próxima quinta-feira (25), às 23h00.

Você viu?

A LATAM Cargo é a primeira empresa aérea do continente americano e a única da América do Sul a obter a certificação CEIV Pharma, emitida pela IATA (Associação Internacional de Transporte Aéreo), estando desde agosto de 2020 planejando e adiantando os cenários para o transporte doméstico e internacional de insumos e vacinas.

O post LATAM vai à China buscar vacinas para o Uruguai apareceu primeiro em Contato Radar – Notícias de aviação .

Leia Também:  Culpa da Covid: Reajuste da conta de luz pode chegar a 14,5%

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Dinheiro na mão é vendaval

iFood no WhatsApp não é golpe; empresa recomenda cautela

Publicados

em


source
iFood é um dos principais aplicativos para pedir comida e se diferencia por possuir mais formas de pagamento e restaurantes
Divulgação/iFood

iFood é um dos principais aplicativos para pedir comida e se diferencia por possuir mais formas de pagamento e restaurantes


O iFood tem surpreendido alguns usuários com mensagens no WhatsApp em que oferece descontos e promoções exclusivas. O mesmo acontece via e-mail. Alguns clientes desconfiados suspeitam de golpes virtuais ou fraudes, como tem ocorrido com cada vez mais frequência nos últimos meses.

A página institucional da empresa esclarece que as mensagens enviadas por WhatsApp e E-mail são verídicas, mas os únicos remetentes confiáveis são o endereço de email tal e, pelo zap, o telefone tal, que já terá o contato do iFood seguido por uma certificação verde. 

O site ainda reforça que a empresa nunca vai solicitar dados bancários ou de cartões de crédito, e que está comprometida com a  segurança digital e a disseminação de informação confiável. 

Você viu?

Qualquer outro número ou endereço que te mande mensagem dizendo ser o iFood é golpe , alerta a foodtech. 


Privacidade e segurança


O portal iG contactou o iFood para esclarecer o meio de obtenção dos dados dos seus usuários e as medidas de segurança com estas informações, mas recebemos resposta até a publicação desta matéria.

iFood
Brasil Econômico / Ludmilla Pizarro

Se o remetente da mensagem for verdadeiro, o nome da empresa estará ao lado de uma verificação verde, como no print.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  "O Petróleo é nosso ou é de um grupo no Brasil?", questiona Bolsonaro
Continue lendo

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

MAIS LIDAS DA SEMANA