(65) 99638-6107

CUIABÁ

Dinheiro na mão é vendaval

Air Namibia encerra as operações

Publicados

Dinheiro na mão é vendaval


source

Contato Radar

Air Namibia encerra as operações
Raphael Magalhães

Air Namibia encerra as operações

Próxima de ser liquidada, a Air Namibia encerrou hoje (11) todas as suas operações. Em anúncio nas redes sociais, a companhia aérea africana informou que todos os voos seriam cancelados e as aeronaves groundeadas .

Além disso, a empresa comunicou que todos os seus 636 funcionários receberiam um pagamento equivalente a um ano de salário, porém todo e qualquer vínculo seria ali encerrado. Nesse sentido, o acordo de liquidação entre a companhia aérea e o governo da Namíbia está previsto para ser feito na próxima semana.

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

Segundo o Ministro da Finanças, Iipumbu Shiimi, ao longo dos últimos 10 anos o Governo da Namíbia gastou cerca de 565 milhões de dólares para salvar a companhia deficitária. “Foi um modelo de negócios falho desde o início, onde 15 de suas 19 rotas não eram lucrativas.”, completou.

Você viu?

Em Janeiro deste ano, mais uma negociação foi realizada para quitar 11,9 milhões em dívidas. No entanto, o governo disse que não tinha condições de resgatar a companhia aérea mais uma vez.

Leia Também:  Portal 1Bilhão Educação Financeira bate 1,3 milhão de views em menos de um ano

Atualmente, a frota da Air Namibia é composta por três Airbus A319, dois A330, quatro Embraer E135 e um Boeing 737-500.

O post Air Namibia encerra as operações apareceu primeiro em Contato Radar – Notícias de aviação .

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Dinheiro na mão é vendaval

Auxílio emergencial: segunda parcela começa neste domingo; veja os calendários

Publicados

em


source
Caixa paga 2ª rodada do auxílio emergencial
Redação 1Bilhão Educação Financeira

Caixa paga 2ª rodada do auxílio emergencial

Trabalhadores informais e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos em janeiro recebem hoje (16) a segunda parcela do auxílio emergencial 2021. O saque em espécie do dinheiro, antecipado pelo governo nesta semana , será liberado no dia 31 de maio em calendário que vai até 17 de junho.

Os recursos, por enquanto, poderão ser transferidos para uma conta corrente, sem custos para o usuário. Os valores podem ser movimentado apenas por meio do aplicativo Caixa Tem , que permite o pagamento de contas domésticas (água, luz, telefone e gás), de boletos, compras em lojas virtuais ou compras com o código QR (versão avançada do código de barras) em maquininhas de estabelecimentos parceiros.

Em caso de dúvidas, a central telefônica 111 da Caixa funciona de segunda a domingo, das 7h às 22h. Além disso, o beneficiário pode consultar o site auxilio.caixa.gov.br. 

Quem recebe:

  • Auxílio emergencial de R$ 375: valor pago às mulheres chefes de família.
  • Auxílio emergencial de R$ 250: esse é o valor médio e será destinado às famílias com duas ou mais pessoas, exceto daquelas com mães chefes de família.
  • Auxílio emergencial de R$ 175: destinado às famílias compostas por apenas uma pessoa.

Na quinta-feira (13), a  Caixa anunciou a antecipação do calendário para os informais cadastrados no CadÚnico.

Calendário completo para informais inscritos no CadÚnico: 

auxilio
Reprodução Caixa

Pagamento do auxílio emergencial antecipados



Calendário completo para inscritos no Bolsa Família:

  • Final do NIS 1 – 18/05;
  • Final do NIS 2 – 19/05;
  • Final do NIS 3 – 20/05;
  • Final do NIS 4 – 21/05;
  • Final do NIS 5 – 24/05;
  • Final do NIS 6 – 25/05;
  • Final do NIS 7 – 26/05;
  • Final do NIS 8 – 27/05;
  • Final do NIS 9 – 28/05; e
  • Final do NIS 0 – 31/05.
Leia Também:  Poupatempo fecha a partir de sábado; veja como realizar serviços

Os saques para quem não faz parte do Bolsa Família começam em 31 de maio. Confira o calendário completo:

calendário saques segunda parcela auxílio
Reprodução/Caixa Econômica Federal

Saques da segunda parcela do auxílio emergencial


COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA