(65) 99638-6107

CUIABÁ

Brasil, mostra tua cara

Presidente deve receber alta neste domingo, afirma equipe médica

Publicados

Brasil, mostra tua cara


O presidente Jair Bolsonaro deve receber alta neste domingo (18). A afirmação é do cirurgião Antonio Luiz Macedo, responsável pelas cirurgias no abdômen do presidente. Segundo ele, ainda não há como precisar o horário em que o presidente receberá alta. “O sistema digestivo já está funcionando”, disse o médico. Macedo disse que o presidente pode retomar as atividades “com calma” a partir de segunda-feira (19).

De manhã, o presidente postou um vídeo em uma rede social em que caminhava pelos corredores do Hospital Vila Nova Star. Mais tarde, ele chegou a participar da live de inauguração de uma agência da Caixa em Missão Velha, no Ceará.

Na quarta-feira, Bolsonaro deu entrada pela manhã no Hospital das Forças Armadas, em Brasília, com uma crise persistente de soluço e mal-estar. Exames indicaram um quadro de obstrução intestinal. Por decisão do cirurgião Antonio Luiz Macedo, responsável pelas cirurgias no abdômen do presidente, Bolsonaro foi transferido para São Paulo. No fim do dia, o presidente foi transferido para o hospital Vila Nova Star, em São Paulo, onde se encontra internado até o momento.

Leia Também:  A SAÍDA? ONDE FICA A SAÍDA? - Quem paga a conta? Os ricos com aumento de impostos ou os pobres com corte de gastos sociais? "Receio que os avanços sociais dos últimos 12 anos sejam cancelados simplesmente", diz o diretor de redação da revista CartaCapital, o decano jornalista Mino Carta, ao refletir sobre o cenário atual do país. EM VÍDEO

Edição: Claudia Felczak

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasil, mostra tua cara

Ministro usará viagem ao Japão para estreitar laços entre dois países

Publicados

em


O ministro da Cidadania, João Roma, aproveitará sua presença em Tóquio para estreitar diálogos entre os governos brasileiro e japonês. Roma viajou à capital japonesa para representar o governo brasileiro na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos, ocorrida na manhã de hoje (23), no horário de Brasília, noite de ontem (22) no fuso japonês. Antes mesmo da solenidade, Roma se encontrou com o ministro da Educação do Japão.

“Temos uma programação intensa aqui no Japão, tanto no quesito esportivo quanto no institucional. Ontem mesmo estivemos com o ministro da Educação do Japão buscando fortalecer laços entre os dois países, que têm mais de 100 anos de tradição de interlocução diplomática”, disse Roma em entrevista ao programa A Voz do Brasil.

O ministro disse que quer utilizar a Olimpíada para fortalecer os laços entre Brasil e Japão para que “possamos contribuir no desenvolvimento um do outro”. Além de encontros com o governo local, Roma também terá compromissos com grupos de investidores japoneses.

Leia Também:  PT insiste em Constituinte e defende lei de meios

A pasta da Cidadania, além de cuidar de políticas de assistência social, também é responsável pelos programas de incentivo ao esporte. No grupo de 302 esportistas da delegação brasileira que está no Japão, 242 (80%) recebem o Bolsa Atleta. “O Bolsa Atleta atingiu número recorde, com mais de 7 mil beneficiados”, disse, destacando o desempenho dos atletas olímpicos. “O Brasil tem, cada vez mais, ocupado protagonismo maior nessa importante etapa de expressão do esporte mundial”.

Edição: Fábio Massalli

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA