(65) 99638-6107

CUIABÁ

A sociedade contra o crime

Polícia Civil prende autores de latrocínio e evita novo roubo em Várzea Grande

Publicados

A sociedade contra o crime


Assessoria/Polícia Civil-MT

Dois criminosos identificados como autores do latrocínio ocorrido no mês de janeiro em Várzea Grande foram presos pela Polícia Civil, nesta sexta-feira (12.02), em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos do município (Derf-VG). Os suspeitos foram presos pouco antes de executar o roubo a uma clínica médica na região central da cidade e foram autuados em flagrante pelo crime de associação criminosa.

As diligências iniciaram após os investigadores da Derf-VG receberem denúncia sobre três integrantes de uma associação criminosa que planejavam um roubo a mão armada, que ocorreria na manhã desta sexta-feira (12), em que renderiam clientes e funcionários de uma clínica.

Segundo as informações, os suspeitos seriam os mesmos envolvidos no latrocínio que vitimou Djair Carneiro Barbosa, de 47 anos, ocorrido na madrugada 10 de janeiro de 2021, no bairro Jardim dos Estados em Várzea Grande. Na ocasião, a família se preparavam para sair em uma excursão quando foi rendida pelo grupo criminoso que anunciou o roubo, e efetuou o disparo de arma de fogo que tirou a vida da vítima.

Leia Também:  Palestra "on-line": Investigação Criminal e Ilicitude Probatória

Os suspeitos também estariam envolvidos em outro roubo, ocorrido no dia 03 de janeiro, em que subtraíram a pistola de uma agente prisional, um celular e um veículo.

Com base nas informações, e com objetivo de impedir nova prática de crime planejado pelos suspeitos, os policiais da Derf-VG inciaram as diligências conseguindo realizar a abordagem do primeiro suspeito, responsável pela atuação como piloto de fuga do bando.

Questionado, ele confessou a atuação no grupo criminoso e revelou que os seus comparsas estavam o esperando para prática do roubo à clínica. Os policiais continuaram as diligências para prender os outros dois suspeitos, sendo realizada a prisão de um deles. O terceiro investigado (já identificado), ao perceber a presença dos policiais fugiu entrando em uma área de mata.

Os dois suspeitos presos foram conduzidos à Derf Várzea Grande, onde após serem interrogados pela delegada, Elaine Fernandes da Silva, foram autuados em flagrante pelo crime permanente de associação criminosa. A fotografia dos três suspeitos foi apresentada a testemunha do latrocínio, sendo dois deles reconhecidos como executores materiais do crime.

Leia Também:  Operação Olho d'Água cumpre mandado em propriedade rural e apreende defensivos, arma e munições

Um dos suspeitos estava com o mandado de prisão em aberto, o qual também foi devidamente cumprido.

Segundo a delegada, os suspeitos são criminosos contumazes que estavam aterrorizando a região dos bairros Jardim dos Estados, Jardim Glória e Jardim Paula I, com a prática de roubos a residências. “Os suspeitos agiam de forma associada, ficando um deles responsável pelo apoio logístico e segurança do lado de fora, enquanto os outros dois atuavam na prática dos roubos e abordagem das vítimas, sendo posteriormente o lucro dividido meio a meio”, explicou a delegada.

 

 

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

A sociedade contra o crime

Polícia Civil apreende armas e munições durante investigação de tentativa de homicídio contra idosa

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Armas, munições e apetrechos de armamento foram apreendidos pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (05.05), Delegacia Especializada de Defesa da Mulher Criança e Idoso de Primavera do Leste para apurar denúncia de tentativa de homicídio e assédio ocorrido na zona rural do município. A ação contou com apoio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf).

As investigações iniciaram após a vítima de 63 anos procurar à Delegacia da Mulher para relatar que estava sendo perseguida pelo suspeito, que é seu vizinho no assentamento Rio Café em Primavera do Leste. Segundo as informações, na terça-feira (04), o suspeito desferiu um soco e tentou dar uma enxadada na cabeça da vítima.

Não satisfeito com as agressões, o suspeito foi até a residência dele e em posse de uma arma de fogo tentou atingir a vítima com disparos. A vítima só conseguiu se salvar após contar com ajuda de vizinhos.

Assim que foi acionada dos fatos, as equipes da DEDMCI e da Derf de Primavera do Leste, coordenadas pela delegada Anamaria Machado Costa e pelo delegado Henrique Madureira, iniciaram as diligências para localizar o suspeito. Na casa do investigado, os policiais apreenderam armas de fogo e de pressão, mais de 200 munições calibre 22, além de instrumentos utilizados para a prática de tiro.

Leia Também:  Motocicleta roubada em RO é devolvida à vítima pela Polícia Civil de MT durante trabalhos da operação Pátio Limpo

Todo material foi apreendido e encaminhado para a DEDMCI. As diligências continuam em andamento para localizar o suspeito da tentativa de feminicídio.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA