(65) 99638-6107

CUIABÁ

A sociedade contra o crime

Polícia Civil cumpre prisão de homem que invadiu ótica em Pedra Preta e desferiu golpes de faca na ex-esposa

Publicados

A sociedade contra o crime


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Pedra Preta prendeu na tarde desta sexta-feira (09) o autor da tentativa de feminicídio ocorrida na última segunda-feira, dentro da ótica em que a vítima trabalhava, no centro da cidade.

G.A.S., de 41 anos, invadiu o local de trabalho da ex-mulher, de 33 anos, e desferiu diversos golpes de facas que atingiram órgãos vitais da vítima. Ela foi socorrida ao hospital de Pedra Preta e depois encaminhada em estado grave para o Hospital Regional de Rondonópolis.

A Polícia Civil foi acionada pelo proprietário da ótica e teve acesso a imagens das câmeras de segurança da ótica que mostraram o suspeito chegando ao local, quando deixa o capacete em cima de um balcão. Outro ângulo das câmeras mostraram ele fugindo da ótica, com um objeto na mão, mas sem o capacete.

Equipes da Delegacia da Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar, realizaram diligências logo após o crime, inclusive na zona rural do município, onde havia informações de que ele estaria, mas não conseguiram localizar o suspeito.

Leia Também:  Polícia Comunitária realiza palestra sobre violência virtual para alunos de escola da Capital

A Polícia Civil apurou que o suspeito não aceitava o término do relacionamento com a ex-mulher. A partir dos indícios coletados, a delegada Lígia Avelar encaminhou na quarta-feira, representação ao Poder Judiciário pela prisão preventiva do suspeito, uma vez que ele estava foragido.

Nesta sexta-feira, o suspeito foi apresentado na delegacia, acompanhado por um advogado, contudo, a prisão já havia sido decretada.

Após a formalização dos procedimentos na delegacia, o suspeito será encaminhado para a Penitenciária Major Eldo Sá Corrêa, em Rondonópolis.

A vítima segue internada em uma unidade de tratamento intensivo do Hospital Regional. Ela teve diversos órgãos vitais atingidos com os golpes desferidos pelo suspeito.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

A sociedade contra o crime

Réu pela morte da ex-convivente tem prisão cumprida pela Polícia Civil

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Um homem de 53 anos, réu pelo feminicídio da ex-convivente, ocorrido em 2018 na cidade de Castanheira, noroeste do estado, foi preso nesta segunda-feira (18.10) pela Polícia Civil, em Nova Lacerda. O mandado de prisão preventiva foi cumprido pela equipe do delegado Ricardo Marques Sarto.

O réu foi preso em sua residência, localizada no centro da cidade, e estava aguardando o julgamento em prisão domiciliar.
Contudo, a decisão foi revogada e um novo mandado foi expedido pela 3a Vara Criminal da Comarca de Juína, onde tramita o processo do feminicídio. Agora, ele aguardará o júri em regime fechado.

A vítima, Rosana Borges das Neves, 31 anos, foi morta pelo réu que invadiu a residência de familiares dela, em Castanheira, e a atingiu com vários disparos de arma de fogo. Conforme o registro da ocorrência, a vítima ainda gritou por socorro e tentou fugir do autor do crime, mas foi atingida pelas costas.

Após os trâmites legais de formalização do mandado de prisão na Delegacia de Comodoro, o preso foi encaminhado à unidade prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

Leia Também:  Mulher é presa em flagrante por receptação de TV furtada de residência na Capital

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA