(65) 99638-6107

CUIABÁ

A sociedade contra o crime

Operação conjunta autua posto de combustível em VG por venda de etanol adulterado

Publicados

A sociedade contra o crime


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um posto de combustível em Várzea Grande que estava comercializando etanol adulterado foi alvo de fiscalização, nesta quarta-feira (17.03), em mais uma fase da operação conjunta deflagrada na semana passada pela Polícia Civil, através da Delegacia Especializada do Consumidor (Decon)Procon Estadual de Mato Grosso e da Agência Nacional do Petróleo (ANP)

A operação de fiscalização faz parte das ações realizadas para marcar o Dia Mundial dos Direitos do Consumidor, comemorado na última segunda-feira, 15 de março, e visa coibir e reprimir adulterações de qualidade e na quantidade da vazão dos bicos de combustível dos postos da Capital e de toda a região metropolitana.

Durante a ação realizada no posto de combustíveis localizado na Av. Ulisses Pompeu de Campos, região central de Várzea Grande. Os técnicos de regulação química da ANP constataram indícios de que o etanol comercializado pelo estabelecimento está adulterado por adição de aproximadamente 1% de água.

Com a constatação, as equipes realizaram a interdição de quatro bicos e de duas bombas de combustível, além do lacre de um tanque que está com mais de 5 mil litros de etanol combustível. O gerente de pista do posto foi conduzido à Decon, onde foi interrogado e posteriormente liberado.

Leia Também:  Criminoso com 12 passagens é preso novamente por furto de botijão de gás em Várzea Grande

Segundo o delegado da Decon, Rogério Ferreira, o proprietário do posto, que está viajando, também deve ser interrogado nos próximos dias. “A Polícia Civil instaurou um inquérito policial para apurar o responsável pela adulteração do produto”, disse o delegado.

Ação conjunta

Durante 15 dias neste mês de março, policiais civis e fiscais do Procon Estadual de Mato Grosso e da Agência Nacional do Petróleo (ANP) fiscalizarão aproximadamente 40 postos de combustível da região metropolitana, que foram selecionados por meio das denúncias encaminhadas pelos consumidores.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

A sociedade contra o crime

Suspeito de furtos cometidos contra casas e comércio é detido em flagrante, em Comodoro

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT 

Um homem foi detido neste sábado (15) por policiais civis e militares em Comodoro suspeitos de praticar diversos furtos na cidade. Os policiais foram acionados depois que o suspeito foi visto em um mercado, no bairro Cidade Verde. Ao chegar ao local, o suspeito já havia saído, mas foi detido logo em seguida por outra equipe policial, próximo a uma praça.

Em entrevista com o suspeito, os policiais questionaram sobre o furto ocorrido a um escritório de advocacia e ele confirmou o crime e que os objetos levados estariam um hotel, onde se hospedou, além de outros furtos cometidos a estabelecimentos comerciais e residências. 

Em buscas no hotel, os policiais localizaram uma bolsa com um notebook, um HD externo e outros objetos levados do escritório de advocacia. Ao ser indagado sobre  outros furtos ocorridos nos últimos dias na cidade, o suspeito afirmou ter realizado o furto de dois aparelhos celulares no prédio da Defensoria Pública de Comodoro e de um aparelho celular em um restaurante. Ele afirmou ainda que vendeu os celulares na conveniência de um supermercado.

Leia Também:  Adolescente é apreendido por tráfico e produtos roubados são recuperados

O homem relatou ainda um furto cometido em uma residência, de onde levou tapetes e depois pediu a uma pessoa para guarda-los. Os policiais localizaram a pessoa e recuperaram os tapetes.

Em outro furto, ele levou uma arma de fogo de uma propriedade onde tinha trabalhado. A arma foi localizada com um terceiro, que foi conduzido à delegacia por posse irregular de arma de fogo.

Em outra ocorrência citada pelo suspeito, ele furtou uma loja ao lado de um supermercado e subtraiu uma bolsa contendo dinheiro. Após gastar todo o dinheiro,  jogou a bolsa dentro de um bueiro. Os policiais localizaram a bolsa no local indicado pelo suspeito.

Outro furto confessado pelo suspeito ocorreu também em uma loja, de onde ele levou diversas peças de roupas, que deixou na casa de um conhecido seu. As roupas foram entregues pela pessoa que guardou as peças.

Após a localização dos objetos furtados, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Comodoro, onde foi autuado e permanece preso.

Leia Também:  Advogada é presa pela Polícia Civil por apropriação indébita de valor de ação judicial

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA