(65) 99638-6107

CUIABÁ

A sociedade contra o crime

Em menos de 24 horas Polícia Civil recupera joias furtadas e prende casal por receptação

Publicados

A sociedade contra o crime


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um furto à residência mediante arrombamento e com subtração de joias ocorrido em Pontes e Lacerda (448 km a oeste de Cuiabá), foi rapidamente esclarecido pela Polícia Civil do município, e os produtos recuperados. Um casal, ele de 25 anos e ela de 33 anos, foi preso por receptação.

No final da tarde de quarta-feira (07.07), a vítima procurou a Delegacia de Pontes e Lacerda para registrar a ocorrência. Residente no centro da cidade, ela informou que ao chegar em casa viu o portão da frente e a porta da cozinha arrombados, e o interior do imóvel todo revirado.

Do local foram furtados vários produtos, além de diversas peças de joias como: anéis, relógios, pares de brinco, correntes, braceletes, pingentes, roupas, entre outros itens.

Com base nos relatos, os policiais civis passaram a apurar o furto qualificado mediante arrombamento, e no início da tarde desta quinta-feira (08), um homem e uma mulher foram surpreendidos com os materiais subtraídos, em uma residência no bairro Vila Guaporé.

Leia Também:  Polícia Civil e Assistência Social realizam entrega de pescado apreendido para famílias carentes em Canarana

Ao ser abordado o suspeito tentou fugir, bem como tentou resistir a abordagem e pegar a arma de um dos investigadores, porém foi contido. No bolso dele foram encontrados um porta-joias com diversas correntes, brincos e R$ 270 em dinheiro. Perguntado sobre os objetos, o mesmo se negou a prestar qualquer esclarecimento.

Em seguida a equipe entrou na casa e avistou a mulher usando algumas das peças subtraídas. No quatro do casal foram recuperados o restante da mercadoria furtada.

Diante do fato os dois envolvidos foram conduzidos até a Delegacia de Pontes e Lacerda junto com os materiais apreendidos. Eles foram interrogados, autuados por receptação e posteriormente colocados à disposição da Justiça. As investigações continuam para identificar a autoria do crime.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

A sociedade contra o crime

Réu pela morte da ex-convivente tem prisão cumprida pela Polícia Civil

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Um homem de 53 anos, réu pelo feminicídio da ex-convivente, ocorrido em 2018 na cidade de Castanheira, noroeste do estado, foi preso nesta segunda-feira (18.10) pela Polícia Civil, em Nova Lacerda. O mandado de prisão preventiva foi cumprido pela equipe do delegado Ricardo Marques Sarto.

O réu foi preso em sua residência, localizada no centro da cidade, e estava aguardando o julgamento em prisão domiciliar.
Contudo, a decisão foi revogada e um novo mandado foi expedido pela 3a Vara Criminal da Comarca de Juína, onde tramita o processo do feminicídio. Agora, ele aguardará o júri em regime fechado.

A vítima, Rosana Borges das Neves, 31 anos, foi morta pelo réu que invadiu a residência de familiares dela, em Castanheira, e a atingiu com vários disparos de arma de fogo. Conforme o registro da ocorrência, a vítima ainda gritou por socorro e tentou fugir do autor do crime, mas foi atingida pelas costas.

Após os trâmites legais de formalização do mandado de prisão na Delegacia de Comodoro, o preso foi encaminhado à unidade prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

Leia Também:  Polícia Civil conclui inquérito de atropelamento que causou morte de feirante em Tangará da Serra

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA