(65) 99638-6107

CUIABÁ

A sociedade contra o crime

Autor de homicídio cruel em Apiacás é preso pela Polícia Civil em Vila Bela da Santíssima Trindade

Publicados

A sociedade contra o crime


Assessoria | Polícia Civil-MT

O autor de um bárbaro homicídio ocorrido no município de Apiacás (1.010 km ao norte de Cuiabá) teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (10.08). O suspeito identificado em investigações da Delegacia de Apiacás teve a ordem judicial cumprida por policiais da Vila Bela da Santíssima Trindade (521 km a oeste de Cuiabá), onde foi localizado.

O crime que vitimou, Romário Rocha, de 26 anos ocorreu na madrugada de 13 junho, após uma festa regada a bebida alcoólica e com aglomeração de pessoas realizada no local conhecido como “Retão”, na linha 2 de Apiacás.

Na ocasião, a vítima foi cruelmente assassinada com golpes de facão na região da nuca, sendo quase degolada pelo suspeito. De acordo com as investigações, o crime foi motivado pelo fato do suspeito tentar furtar a motocicleta de Romário enquanto ele dormia. No momento dos fatos, a vítima acordou e repreendeu o suspeito, sendo morta em seguida morta por ele.

Durante diligências para esclarecer o homicídio, os policiais civis encontraram no local do crime uma sandália, a qual foi reconhecida pela equipe como sendo do suspeito, uma vez que ele estava usando o mesmo calçado de dias antes, durante uma abordagem rotineira.

Leia Também:  Três pessoas são presas com armas, drogas e cheques, após cumprimento de mandados judiciais

Nas oitivas de testemunhas que estavam na festa, foi confirmado que o jovem estava no local e seria o autor do homicídio. Depois de cometer o crime, o investigado fugiu da cidade.

Diante dos elementos apurados durante as investigações, na conclusão do inquérito policial, o delegado de Apiacás, Antenor Junior Pimentel Marcondes, representou pelo pedido de prisão preventiva do suspeito, deferido pelo Poder Judiciário.

A prisão do suspeito foi cumprida nesta terça-feira (10), no município pela equipe de investigadores da Delegacia de Vila bela da Santíssima Trindade. Os policiais já realizavam o monitoramento do suspeito por envolvimento em furtos de eletroeletrônicos em uma loja da cidade

Com informações do mandado de prisão em aberto pelo homicídio em Apiacás, a equipe montou vigilância e efetuou a prisão do suspeito em uma residência. Ele foi conduzido até a Delegacia de Vila Bela da Santíssima Trindade e posteriormente levado para Centro de Detenção Provisória de Pontes e Lacerda ficando à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT
Leia Também:  Operação Lake cumpre mandados judiciais contra alvos investigados pela morte de engenheiro de Juscimeira

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

A sociedade contra o crime

Réu pela morte da ex-convivente tem prisão cumprida pela Polícia Civil

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Um homem de 53 anos, réu pelo feminicídio da ex-convivente, ocorrido em 2018 na cidade de Castanheira, noroeste do estado, foi preso nesta segunda-feira (18.10) pela Polícia Civil, em Nova Lacerda. O mandado de prisão preventiva foi cumprido pela equipe do delegado Ricardo Marques Sarto.

O réu foi preso em sua residência, localizada no centro da cidade, e estava aguardando o julgamento em prisão domiciliar.
Contudo, a decisão foi revogada e um novo mandado foi expedido pela 3a Vara Criminal da Comarca de Juína, onde tramita o processo do feminicídio. Agora, ele aguardará o júri em regime fechado.

A vítima, Rosana Borges das Neves, 31 anos, foi morta pelo réu que invadiu a residência de familiares dela, em Castanheira, e a atingiu com vários disparos de arma de fogo. Conforme o registro da ocorrência, a vítima ainda gritou por socorro e tentou fugir do autor do crime, mas foi atingida pelas costas.

Após os trâmites legais de formalização do mandado de prisão na Delegacia de Comodoro, o preso foi encaminhado à unidade prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

Leia Também:  Três pessoas são presas com armas, drogas e cheques, após cumprimento de mandados judiciais

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA