(65) 99638-6107

CUIABÁ

A sociedade contra o crime

Ação integrada prende dois assaltante envolvidos em roubo a relojoaria em Tangará da Serra

Publicados

A sociedade contra o crime

Dois criminosos envolvidos no roubo em uma ótica e relojoaria no município de Tangará da Serra (239 km a Médio-Norte de Cuiabá) foram presos em flagrante em uma ação conjunta da Polícia Civil e Polícia Militar, realizada na segunda-feira (27.06), logo após o crime.

As diligências iniciaram assim que as equipes policiais foram acionadas do roubo no estabelecimento comercial localizado na região central da cidade. O crime ocorreu no final da manhã de segunda-feira (26), quando dois homens armados invadiram o comércio ameaçando e agredindo as vítimas.

Após a roubo, os suspeitos tentaram fugir do local em uma motocicleta, porém não conseguiram ligar o veículo que seria utilizada na fuga, e saíram correndo a pé. Durante o percurso, os criminosos ainda tentaram roubar a motocicleta de uma mulher, porém não conseguiram tomar as chaves da mão da vítima.

As equipes policiais já estavam mobilizada em busca dos suspeitos, sendo que um deles foi cercado próximo ao Hospital das Clínicas, ocasião em que continuou empreendendo fuga e sacou uma arma de fogo que apontou contra a equipe da Polícia Militar.

Leia Também:  Autor de diversos furtos em Água Boa é preso pela Polícia Civil após furtar bolsa dentro de igreja

Diante da injusta agressão, os policiais realizaram disparos para cessar a ação do suspeito, que continuou pulando muros, chegando a fazer uma vítima refém durante a fuga, porém acabou detido pelos policiais militares. No trajeto, o suspeito dispensou uma mochila contendo os objetos subtraídos durante o roubo, como brincos, celulares, anéis, relógios, colares, dinheiro, além de um simulacro de arma de fogo.

O segundo suspeito foi preso durante diligências da equipe da Polícia Civil, sendo localizado durante buscas no pátio de um lava a jato, onde estava escondido atrás de uma caixa d’água, coberto por diversos objetos. Com ele, os policiais civis apreenderam um revólver com quatro munições.

Diante das evidências, os dois suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Tangará da Serra, onde após serem interrogados pelo delegado Adil Pinheiro de Paula, foram autuados em flagrante pelo crime de roubo majorado pelo emprego de arma de fogo e concurso de pessoas.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

A sociedade contra o crime

Autor de homicídio em Arenápolis é preso em flagrante pelo Polícia Civil

Publicados

em

Um homem apontado como autor do homicídio ocorrido na noite de quarta-feira (27.07), no município de Arenápolis (258 km a médio norte de Cuiabá), foi preso em flagrante pela Polícia Civil, durante atendimento da ocorrência.

Os investigadores de Arenápolis foram informados sobre uma situação de tortura e de homicídio por meio de arma cortante, que vitimou a pessoa de José Augusto Rodrigues de Souza, 20 anos.

Imediatamente a equipe acompanhada do delegado Hugo Abdon de Araujo Lima, foram até o hospital onde a vítima havia dado entrada, porém não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Em seguida, os policiais civis foram até o local dos fatos para obterem mais detalhes acerca do ocorrido. Durante entrevista com populares foi possivel qualificar o autor do homicídio, o qual foi localizado nas proximidades, sentado em frente de uma residência.

O suspeito foi levado até a Delegacia de Arenápolis, e no interrogatório assumiu o crime. Ele alegou que foi cercado por três indivíduos de uma facção rival, e passou a ser espancado com capacetes e uma mangueira, momento em que conseguiu sacar uma faca e golpeou a vítima.

Leia Também:  Cemitério clandestino com duas ossadas humanas é localizado na zona rural de Primavera do Leste

Conforme o delegado Hugo Abdon de Araujo Lima, os indícios apontam que o homicídio decorreu da legítima defesa, pelo fato que os três homens na função de “disciplina” dariam um salve no suspeito.

Após a confecção dos autos, o preso será apresentado e colocado à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MATO GROSSO

POLÍCIA

Economia

BRASIL

MAIS LIDAS DA SEMANA