PELA DERRUBADA DO DECRETO DA FOME: Secretário Paulo Taques reabre negociação com PMs e Bombeiros de Mato Grosso, que o secretário Mauro Zaque vinha boicotando. Depois de dias e dias de enrolação, militares terão rodada de negociação no início da tarde, no gabinete da Casa Civil. Coronel-deputado Taborelli estava lá e desceu a ripa no secretário de Segurança. Protesto deixou centenas de “marmitex” na porta da Sesp. Expectativa dos militares é chegar ainda nesta quinta diante do “dono dos porcos”, o governador Zé Pedro Taques

Manifestação começou com concentração na Praça das Bandeiras. Depois, PMs e Bombeiros, revoltados com o "decreto da fome" assinado por Zé Pedro Taques marcharam até o Palácio Paiaguás.

Manifestação começou com concentração na Praça das Bandeiras. Depois, PMs e Bombeiros, revoltados com o “decreto da fome” assinado por Zé Pedro Taques marcharam até o Palácio Paiaguás.

Policiais e Bombeiros insatisfeitos com tratamento recebido na secretária de Segurança Pública realizaram na tarde desta quarta-feira (28/10) uma caminhada com 800 manifestantes da Praça das Bandeiras até o Palácio do Governo.

O motivo da manifestação, segundo os presidentes das associações dos militares, foi o tratamento que o Secretário de Segurança Pública, Promotor Mauro Zaque vem dispensando à categoria, por conta da etapa alimentação, do auxílio fardamento e da entrega de fardas aos militares, que não ocorre desde o ano de 2014.

Após uma assembleia da categoria realizada na Praça das Bandeiras, os policiais e bombeiros decidiram caminhar até a Secretária de Segurança Pública, cantando o hino da PM, para entregar marmitex que simbolizavam a etapa alimentação de R$ 18,18 que o secretário Mauro Zaque está tentando forçar que seja aceita pela categoria com a edição do Decreto 304 e 305, apelidados de “decretos da fome”. Na secretaria, a informação é que o secretário Mauro Zaque se retirou de seu apressadamente, alegando uma viagem ao interior, pouco antes da chegada dos manifestantes

Depois de depositarem mais de 500 marmitex na porta da Secretaria de Segurança Pública, os policiais e bombeiros se deslocaram para o Palácio do Governo na tentativa de falar com o Governador.

No Palácio Paiaguás, depois de um ano em que cantaram o Hino da PM e o Hino Nacional, os PMS e bombeiros foram recebidos, finalmente, pelo Secretário Chefe da Casa Civil Paulo Taques, que agendou com uma comissão da categoria, uma audiência para esta quinta-feira (29/10) no início da tarde na Casa Civil.

Wanderson Nunes, presidente da Assof, Luciano Esteves, presidente da Assoade e Adão Martins, presidente da ACS no ato desta quarta-feira, 28 de outubro. Eles receberam apoio do deputado estadual Coronel Peri Taborelli (PV), que em todos os seus pronunciamentos desceu a ripa no promotor-secretário Mauro Zaque

Wanderson Nunes, presidente da Assof, Luciano Esteves, presidente da Assoade e Adão Martins, presidente da ACS no ato desta quarta-feira, 28 de outubro. Eles receberam apoio do deputado estadual Coronel Peri Taborelli (PV), que em todos os seus pronunciamentos desceu a ripa no promotor-secretário Mauro Zaque

1 Comentário

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 201.71.174.113 - Responder

    Esta atitude das Associações de Classe foi um ato Histórico, pena que a nossa Imprensa que é subsidiada pelo Governo, não tenha dado a devida importância, e não levando a sociedade o que realmente está acontecendo na Segurança Pública do Estado de Mato Grosso, pois estamos saturados de ouvir e ver na Imprensa que a Segurança Pública esta uma maravilha, parece que vivemos num País de Primeiro Mundo, mas a máscara caiu e mentira foi revelada, temos que passar este governo a limpo, a transparência, o respeito com a categoria, que faz a verdadeira relação pública com a sociedade, que é a Polícia Militar, que entrega o seu serviço a domicilio, que esta sempre pronta a qualquer hora do dia e da noite, servindo e protegendo, e sendo um agente transformador da sociedade.
    Este Secretário que não atende a classe, que ignora os seus colaboradores, que não conhece as Instituições Militares, deve ter mais respeito e dignidade, pois a PM é uma Instituição que esta presente em todos os municípios deste Estado, e Distritos, portanto exige-se Respeito com esta Instituição.

Deixe uma resposta para Antonio    ( cancelar resposta )

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

quatro + dez =