gonçalves cordeiro

Sacanagem com Padre Marcelo Rossi. Falsificaram video para sugerir apoio dele a Bolsonaro. VEJA O DESMENTIDO E O FAKE NEWS

Marcelo Rossi, vítima de Bolsonaro

 

Ajudem o Padre Marcelo Rossi a desmentir esse tremendo fake news.

Os apoiadores de Jair Messias Bolsonaro, no seu desvario, no seu descontrole, na sua estupidez, montaram um vídeo com a voz de um falso padre Marcelo para sugerir que padre Marcelo apoie o candidato de extrema direta a presidente.

Uma bruta sacanagem que só quem é Bolsonaro pode fazer. E discorrendo sobre as pretensas atrocidades da esquerda, pelos tempos afora, ao mesmo tempo que comete atrocidade sem tamanho contra a honra e a personalidade do Padre Marcelo.

O áudio fake mencionado pelo Padre tem 9 minutos e 21 segundos, e nele o sacana imitador do padre Marcelo relativiza a tortura, elogia general Mourão e pede voto em Bolsonaro. O maior objetivo, claro, é reprisar a cantilena contra a esquerda, contra o marxismo, contra os governos socialistas, nessa trama que se repete no Brasil desde a década de 50, desde o golpe militar que derrubou o presidente Goulart, e impôs ao Brasil, sob patrocínio já historicamente comprovado dos norte-americanos, uma cruel ditadura militar. Falam dos russos, xingam os chineses. mas estão sempre aí, alisando o império dos Estados Unidos e tentando fazer com que as hecatombes que esse império patrocinou e patrocina apareçam como feitos heróicos de pretensa defesa da paz e da democracia.

Ora!Que sacanagem, gentem!

A nossa extrema direita brasileira americanizada não consegue mudar o seu discurso de ódio à esquerda e de menoscabo às análises de Karl Marx e outros estudiosos marxistas, que o tempo só tem contribuído para fazer com que sejam mais estudadas e mais aplaudidas ao longos dos anos, nos principais centros de estudos da humanidade, nos mais diversos continentes. Que desconhecimento das próprias limitações e conradições: eles combatem a teoria da luta de classes como motor da história acirrando cada vez mais esta luta de classes e de ideias.

Imagino que, além do desmentido, o Padre Marcelo adote providencias na Justiça contra esses criminosos, que tentam usar seu nome e o enorme conceito de que goza para favorecer uma candidatura forjada na mentira, no engodo, no ódio, na patifaria. Neste sentido é um mal sinal que o Padre Marcelo, em tom conciliatório, tenha evitado citar o nome de Bolsonaro em seu desmentido. Ora, o próprio Cristo não evitou o uso do chicote quando tratou de identificar os vendilhões do templo!

O DESMENTIDO DO PADRE MARCELO ROSSI

CONFIRA AGORA O FAKE NEWS

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

6 + nove =

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.