PREFEITURA SANEAMENTO

Renivaldo Nascimento critica reajuste do IPTU em Cuiabá e, por isso, é  xingado de imbecil e malandro por Kleber Lima. As manifestações, da população, do empresariado e até da base aliada do prefeito Mauro Mendes tem sido contundentes contra o reajuste do imposto. Xingamentos do Kleber expressam, certamente, despreparo de quem, detendo o poder, atuando como pitbul do prefeito, percebe que Mauro Mendes, em ano eleitoral, está vendo dissipar-se o apoio de expressivos setores da  sociedade. Aí, ao invés de manter a fleugma, a dignidade, o secretário-jornalista reage de forma imbecil. Sim, na minha opinião, Kleber Lima é o imbecil neste caso.

Renivaldo Nascimento

Renivaldo Nascimento

 

Nessa inesperada contenda do vereador Renivaldo Nascimento, que sempre se comporta como um gentleman, com o secretário de governo da Prefeitura, Kleber Lima, me parece que o imbecil, por mais que pretenda dizer o contrário, é o jornalista-secretário.

Vejam que, no entendimento de muitos, imbecil é aquele indivíduo covarde, que não tem coragem, que é medroso. É também um indivíduo boçal, que se comporta de modo arrogante, esnobe. E, claro, imbecil é aquele que diz muita imbecilidades, muitas tolices, notadamente em momento impróprio.

Será que era preciso xingar para defender a posição da prefeitura no caso do reajuste do IPTU?

Por que Kleber Lima se comporta de forma tão agressiva, tão antissocial, tão imbecil?

Kleber Lima poderia ter rebatido a crítica do vereador com elegância, com calma, com savoir faire, mas parece que o clima dentro do governo, notadamente na relação da Prefeitura com sua base social e com sua base de apoio na Câmara Municipal não vai nada bem e isso arrastou o jornalista-secretário ao destempero, ao descontrole emocional, a dizer imbecilidades. É o ano eleitoral transtornando a cabeça de alguns poderosos da hora, em Cuiabá.

Vejam que o vereador Renivaldo Nascimento criticou o reajuste do IPTU em Cuiabá e por isso foi chamado de malandro e imbecil por Kleber Lima durante entrevista na TV Gazeta.

Ora, Renivaldo Nascimento não está falando sozinho.

O vereador Leonardo Oliveira, sujeito ponderado, ex-líder do prefeito Mauro Mendes, na Câmara, também protestou, disse que ia votar contra, comemorou o adiamento da votação no Legislativo.

O vereador Dilemário Alencar, que polariza o discurso mais contundente de oposição, tem se batido fortemente contra a medida.

O empresariado mais destacado da cidade, através da CDL, Fecomércio, Associação Comercial, etc, etc, também se levantou contra o aumento.

Associações de Moradores também falaram no mesmo tom, através de um dos seus líderes, Walter Arruda, da Femab.

Será que, de repente, vivemos numa cidade de imbecis e só o Kleber Lima e o Mauro Mendes pretendem se apresentar como pessoas equilibradas?

As manifestações, da população, do empresariado e até da base aliada do prefeito Mauro Mendes tem sido contundentes contra o reajuste do imposto.

Xingamentos do Kleber expressam, no meu humilde entendimento, despreparo de quem, detendo o poder, percebe que está perdendo, paulatinamente, o apoio da sociedade. Aí, ao invés de manter a fleugma, reage de forma imbecil.

Sim, na minha opinião, Kleber Lima é o imbecil neste caso. E fica devendo um pedido público de desculpas não só ao Renivaldo Nascimento como a todo público cuiabano. Fazer política na base do xingamento, não. Isso, sim, é um imbecilidade.

Se pretendia apagar o fogo das críticas, o que fez foi como jogar gasolina na fogueira. O vendaval de críticas só tende a crescer, ampliando a situação de crise. Ou seja, o secretário que deveria contribuir para serenar os animos, atiça o confronto e piora o ambiente de discussões para um prefeito que, como se sabe, também não é nenhum santo em matéria de comportamento.

Triste começo de ano em Cuiabá. Parece que os imbecis querem tomar as rédeas da política. Isso só pode acabar mal.(EC)

———-

CRISE DO IPTU

Secretário de Mauro vê ato imbecil e malandro de vereador contra aumento do IPTU

Kleber Lima diz que Renivaldo Nascimento falta com a verdade em debate sobre tributos

RAFAEL COSTA
Da FOLHA MAX

renivaldo-kleber.jpg

O secretário de Governo e Comunicação da Prefeitura de Cuiabá, Kleber Lima, fez nesta quinta-feira críticas contundentes ao vereador Renivaldo Nascimento (PDT). A declaração foi dada nesta quinta-feira (14) durante entrevista ao Jornal do Meio Dia exibido pela TV Record e feitas logo após ser exibida uma reportagem na qual o parlamentar criticava a proposta do Executivo de reajustar o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) em até 31% que não vingou na Câmara Municipal de Cuiabá no final do ano passado.

Para o principal secretário do prefeito Mauro Mendes (PSB), que está em viagem aos Estados Unidos, o parlamentar pedetista age com cunho político. “O vereador Renivaldo falou um monte de bobagens, inclusive como fiscal de tributos da Sefaz (Secretaria de Fazenda), deveria fazer um discurso mais honesto. Nós encaminhamos um projeto ao Legislativo que é obrigação do prefeito, pois o Código Tributário do município prevê que a cada 3 anos seja feita a revisão da planta genérica do município para eliminar distorções”, explicou.

Conforme Kleber Lima,  a decisão de vereadores como Renivaldo Nascimento em nada contribuiu positivamente ao município. “Foi um ato meramente eleitoreiro, irresponsável e imbecil. Ele é fiscal de tributos do estado. Tem conhecimento e tinha a obrigação de fazer um debate honesto com a população”, criticou.

Lima ressaltou durante a entrevista que é necessário deixar claro a população que não há nenhuma cobrança indevida do município e tampouco abusos. “Tem uma casa que consta no cadastro da prefeitura e vale R$ 300 mil e o valor de mercado é R$ 600 mil.  E a cobrança da alíquota é com base no valor venal que está no cadastro da prefeitura e não valor de mercado. A alíquota em Cuiabá é de 0,2%, o que corresponde a uma menores taxas de capitais brasileiras”, comparou.

O “por voz” do palácio Alencastro ainda rebateu a tese do vereador Renivaldo Nascimento de que houve aumento de 10% no IPTU autorizado pelo prefeito Mauro Mendes por meio de decreto antes da licença para o vereador Haroldo Kuzai (SD) que se tornou chefe do palácio Alencastro. “A segunda inverdade dita malandramente é que houve aumento de 10%. Houve correção monetária da inflação, o que é muito diferente. Da mesma maneira que se dá a reposição inflacionária ao salário dos servidores públicos, se aplica aos tributos municipais”, comentou.

Diante da crise econômica que se aprofunda no Brasil com demissões e queda na circulação de dinheiro, a Prefeitura de Cuiabá tenta evitar a inadimplência do IPTU que é uma de suas principais fontes de arrecadação. Por isso, ampliou o número de parcelas e o desconto no pagamento à vista. “O IPTU está sendo lançado em janeiro e o pagamento poderá feito em março numa única parcela. Aumentamos de seis para até parcelas e aumentamos o desconto no pagamento à vista que antes era 10% e agora saltou para 12%”.

7 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 177.41.92.233 - Responder

    Assim não dá ou Renivaldo sai da base do prefeito ou o secretário é exonerado.Senão perde a moral!

  2. - IP 187.123.15.239 - Responder

    este secretario não tem pudor nenhum. não tem capacidade tecnica nem para secretario de porteiro de cabare. difama e calunia a todos sem pudor. é um verdadeiro incapaz a mais na admnistração do prefeito que improbamente vem afirmando que tem o nmelhor asfalto de toda a ahistoria de cuiabá. é buraco e ondas para todo o lado e so moteiro caindo. improbidade admnistrativa: improbo: o que não é honesto. cade o ministerio publico????

  3. - IP 177.5.234.155 - Responder

    O secretário foi mesmo muito arrogante , mas como ele atacou um petista , eu fico com o secretário , pois combater o pt de qualquer forma , para mim é um dever cívico.

  4. - IP 189.59.69.195 - Responder

    É um caso a ser estudado… Um comunista que se mostra raivoso na defesa do patrão capitalista.
    Mas o Kleber ainda nos deve uma explicação sobre a história da briga dele com a o capo da TV Centro América. O patrão mandou afinar?

  5. - IP 177.4.189.130 - Responder

    Mauro Mendes vai perder a eleição por causa desse Secretário-Imbecil, mal educado, se acha o poderoso, já dizia a minha mãe quem NUNCA teve nada quando pega mel se lambuza!! Vamos falar a verdade essa figura desprezível é um despreparado, votei no MM e JAMAIS vou votar novamente, principalmente se idiota continuar na administração!!!!

  6. - IP 177.116.90.85 - Responder

    E o Carumbé? Já está sendo ampliado? Esses futuros moradores estão se proliferando, o que aliás se espera dos ratos. Brigam por uma cela no “casão”, candidatos municipais e estaduais de todas esferas. Tem vaga pra “laranja” de ladrão também, como gestores de sites, empreiteiras, e empresas que administram estradas? Qual dos deputados apresentou projeto de ampliação da cadeia?

  7. - IP 191.195.246.18 - Responder

    A maioria da equipe gestora de Mauro Mendes, são arrogantes. Eles acham que estão administrando empresa privada. Não tem diálogo com os servidores.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

dezoito − 3 =